Cão adotado acompanha velório de idosa que recuperava presos no RS

Cachorro adotado pela idosa acompanhou velório da dona em Porto Alegre (Foto: Paulo Ledur/RBS TV)

Cachorro adotado pela idosa acompanhou velório da dona em Porto Alegre (Foto: Paulo Ledur/RBS TV)

Publicado no G1

Não foi só a tristeza de amigos e familiares que chamou a atenção durante o velório da assistente social Maria Ribeiro da Silva Tavares, de 102 anos, que há mais de sete décadas prestava apoio para a ressocialização de detentos do regime semiaberto em Porto Alegre. No funeral, o cachorro adotado pela idosa, Milke, de 5 anos, permaneceu a maior parte do tempo ao lado do caixão, encolhido no carpete.

A voluntária morreu no domingo (21). Ela apresentava problemas respiratórios e estava internada há uma semana no Hospital Ernesto Dornelles.

O cão foi abandonado na porta da entidade quando era filhote. A predisposição inata em ajudar de Maria Tavares não falhou: ela acolheu o cãozinho. Ele passou a ser o companheiro inseparável da idosa nos últimos anos. Agora, o animal ficará sob os cuidados dos ex-detentos.
No bairro Teresópolis, Zona Sul de Porto Alegre, fundou o Patronato Lima Drummond foi fundada em 1942, onde prestava ações voltadas à recuperação dos detentos. Atualmente, Maria também estava sob os cuidados de detentos. O sepultamento está previsto para a manhã desta segunda-feira (22) no Cemitério Jardim da Paz.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Cão adotado acompanha velório de idosa que recuperava presos no RS

1 Comentário

  1. […] 2 Cão adotado acompanha velório de idosa que recuperava presos no RS Maria Ribeiro da Silva Tavares morreu aos 102 anos em Porto Alegre. Milke, de 5 anos, permaneceu a […]

Deixe o seu comentário