Bispo destituído por acobertar abusos declara guerra ao Papa

paraguaibispoapraul-gonzalez

Publicado no Terra

O bispo paraguaio destituído pelo Papa declarou nesta sexta-feira que Francisco “vai prestar contas a Deus” por seu afastamento da Igreja, de acordo com uma carta publicada na imprensa local, após acusações de má gestão e proteção de um padre pedófilo.

Na longa carta publicada primeiramente no site da diocese e endereçada ao cardeal Marc Ouellet, prefeito da Congregação para os Bispos, Dom Rogelio Livieres Plano, ex-bispo de Ciudad del Este (Paraguai), membro do Opus Dei, acusa diretamente o Papa com palavras extremamente incomuns e graves da parte de um bispo.

“Como um filho obediente da Igreja, aceito esta decisão, ainda que considerando infundada e arbitrária, e sobre a qual o Papa prestará contas a Deus”, escreveu ele.

O Vaticano se recusou a comentar a carta incendiária.

Livieres Plano foi recebido em Roma há poucos dias pelo cardeal Ouellet, mas lamentou não poder explicar-se perante o Papa.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Bispo destituído por acobertar abusos declara guerra ao Papa

1 Comentário

  1. […] por água, açúcar, gás carbônico e aditivos alimentares listados n 14min Pavablog Bispo destituído por acobertar abusos declara guerra ao Papa Reconhecendo “erros humanos”, o prelado paraguaio acredita ser vítima de uma […]

Deixe o seu comentário