Ciclistas reclamam de pneus furados por tachinhas em ciclovia em SP

Meta da atual gestão é instalar 400 km de vias para bicicletas até 2015.
Medida tem causado polêmica entre comerciantes e alguns moradores.

Tachinhas estavam espalhadas pela via, diz ciclista (foto: Fabio Ximenez/Arquivo pessoal)

Tachinhas estavam espalhadas pela via, diz ciclista (foto: Fabio Ximenez/Arquivo pessoal)

Publicado no G1

Ciclistas que utilizam a ciclovia da Rua Artur de Azevedo, em Pinheiros, na Zona Oeste de São Paulo, afirmam que tiveram seus pneus furados por tachinhas que estavam espalhadas pela via. A implantação de vias para bicicletas tem causado polêmica entre comerciantes e alguns moradores.

O ciclista Fábio Ximenez diz que percorre o trajeto diariamente e percebeu, na noite nesta quinta-feira (9), que algo estava errado.

“Eu estava indo para a USP e percebi que um pneu estava murcho. Fui arrastando [a bicicleta] até a ponte da Cidade Universitária, quando vi um senhor, de mais ou menos uns 60 anos, com a dele tombada. Ele disse que o pneu tinha sido furado. Ele caiu e estava todo ralado”, conta Ximenez.

Ele disse que o homem afirmou ter encontrado algumas tachinhas presas ao pneu da bicicleta. “Eu verifiquei o meu e encontrei no mesmo local”, diz. O problema trouxe, além de prejuízos financeiros, dificuldades para o estudante voltar para casa. “Foram R$ 30 para trocar a câmara, mas, além disso, tem o fato de que eu ter que voltar de lá, pedir para alguém me dar uma carona até em casa”, afirma.

Lisa Watanabe, de 27 anos, utiliza a ciclovia nos fins de semana e também teve os pneus furados pelo objeto.

“No sábado passado fui ao parque do Ibirapuera de bike. Subi a Artur de Azevedo para pegar a Henrique Shaumann e fui ao parque normalmente. Na volta do trajeto, notei as tachinhas no meu pneu logo quando estava prestes a pegar a ciclovia novamente. Aí prestei bastante atenção na ciclovia e pude notar várias espalhadas pelo chão”, diz Lisa.

Ela conta que já ouviu outros casos de ciclistas que tiveram o mesmo problema. “No caminho de volta, parei em um café que é bike-friendly pra avisar o pessoal lá e perguntar se alguém sabia de algo a respeito, e me disseram que já tinham reclamado das tachinhas na Artur”.

Uma bicicletaria localizada próxima ao local alertou seus clientes sobre o problema por meio de sua página no Facebook. Na mensagem, a empresa afirma que te atendido muitos casos de pneus furados por tachinhas na ciclovia da Artur de Azevedo.

Procurada pelo G1, a Subprefeitura de Pinheiros, responsável pela região, não deu respostas sobre a questão até a publicação desta reportagem.

Ciclovias

Ciclista registrou tachinhas presas a pneu (foto: Lisa Watanabe/Arquivo Pessoal)

Ciclista registrou tachinhas presas a pneu
(foto: Lisa Watanabe/Arquivo Pessoal)

O incentivo ao uso da bicicleta tem sido uma das principais bandeiras da gestão atual. Apesar da aprovação, a implantação de ciclovias tem causado polêmica. Alguns comerciantes acreditam que a implantação das vias para ciclistas podem prejudicar suas vendas, por retirarem das ruas um espaço antes destinado ao estacionamento de veículos.

Até o momento, o prefeito, Fernando Haddad (PT), já construiu 78,3 km de ciclovias e pretende entregar em sua gestão um total de 400 km de ciclovias até o final de 2015 em toda a cidade. A  meta é fechar 2014 com 200 km. Desde junho, a gestão entregou 44,9 km em 23 trechos.

De acordo com a Prefeitura, o cumprimento da meta deixará São Paulo com total de ciclovias próximo do que há em outras cidades do mundo. O levantamento da administração municipal aponta que Berlim lidera o ranking com 750 km. Além dos 400 km do novo plano, há previsão de inauguração de 150 km de ciclovias que devem ser implantadas junto aos futuros corredores de ônibus, além de outros 63 km já existentes até 2013.

Fiscalização
Em agosto, a Prefeitura de São Paulo anunciou que vai colocar 1,2 mil agentes ciclistas da GCM para monitorar as ciclovias que cortam a cidade. Em uma segunda etapa, os agentes vão multar quem desrespeitar as regras.

A possibilidade de os guardas aplicarem multas está prevista no Estatuto Geral das Guardas Municipais, que amplia as atribuições dos agentes. Para que os agentes possam aplicar multas, será feito um convênio entre a GCM e a Secretaria Municipal dos Transportes.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Ciclistas reclamam de pneus furados por tachinhas em ciclovia em SP

Deixe o seu comentário