Os nove mandamentos do papa Francisco

As inovações do papa simpático, surpreendente e popular que está modernizando a Igreja

Rodrigo Terrer e Ruan de Sousa Gabriel, na Época

Papa Francisco gesticula em sua primeira visita à Albânia. Em Tirana, ele afirmou que extremistas distorcem a religião para justificar violência (foto: Hector Pustina/AP Photo)

Papa Francisco gesticula em sua primeira visita à Albânia. Em Tirana, ele afirmou que extremistas distorcem a religião para justificar violência (foto: Hector Pustina/AP Photo)

Desde o último dia 5, autoridades católicas do mundo todo estão reunidas no Vaticano para discutir “Os desafios pastorais sobre a família no contexto da evangelização”, tema da III Assembleia Geral Extraordinária do Sínodo dos Bispos.

O papa Francisco convocou o sínodo para discutir temas espinhosos como métodos contraceptivos, homossexualidade, casamento e divórcio. O encontro foi precedido por debates acalorados entre os representantes das alas conservadora e progressista da Igreja sobre a situação dos católicos divorciados.

Hoje, quem se casa pela segunda vez não pode mais comungar. Francisco aproveitou a missa de abertura do encontro para dar um puxão de orelha nos brigões: “As reuniões do sínodo não têm o objetivo de discutir ideias lindas e inteligentes ou de ver quem é o mais inteligente”.

O sínodo termina neste domingo, dia 19, quando será publicada a “Exortação Apostólica”, um resumo dos debates. Um documento preliminar divulgado na segunda, 13, afirmava que os “homossexuais têm dons e qualidades que podem oferecer à comunidade cristã” e deveriam ser acolhidos pela Igreja.

A participação de Francisco no sínodo é apenas um dos muitos episódios em que o Papa mostrou porque é o mais popular pontífice desde João Paulo II. Abaixo, os nove motivos que fazem de Francisco um Papa histórico.

1. O papa é humilde – Biógrafos dizem que todos os pertences de Francisco cabem numa mala. Francisco é desapegado, e isso lhe permite, nas palavras dela, “viajar leve pela vida”. Ele já deu inúmeros sinais de sua humildade e de sua simpatia.

2. O papa é pop – Todo Papa atrai atenção mundial, mas Francisco é um verdadeiro show. Onde quer que vá, há uma multidão tentando abraça-lo e receber sua bênção.Tudo que o papa faça ou diga vira notícia. Não é todo papa que ganha uma revista semanal dedicada a ele.

3. O papa é um exemplo – Francisco faz aquilo que prega. Suas palavras não são apenas da boca pra fora. E muitos dos seus ensinamentos reverberam os preceitos do catolicismo. Mais do que isso: Francisco encarna como nenhum outro papa a dicotomia da Igreja Católica.

4. O papa fez bem para o mundo – O antecessor de Francisco, Bento XVI, era um papa cerebral e pouco caloroso, o que levou o Vaticano a se fechar. Francisco é espontâneo e simpático, o que levou a Igreja a se abrir. Em uma exortação apostólica publicada no ano passado, Francisco disse preferir uma Igreja rota, esfarrapada e suja, por atuar nas ruas, a uma Igreja enferma, por estar confinada e se agarrar a uma ilusória sensação de segurança. Essa nova posição teve um efeito salutar para o mundo – e para o Brasil.

5. O papa é direto – Francisco não disfarça o que quer dizer com sermões floreados e retóricas vazias. Trata questões polêmicas com simplicidade e objetividade. Mesmo quando se refere a dogmas da Igreja Católica, do celibato de padres à pedofilia, do casamento gay ao aborto, Francisco não se esconde atrás das palavras.

6. O papa dialoga – Francisco é o papa mais aberto ao diálogo com outras religiões a se sentar no trono de Pedro.

7. O papa quer mudança – Francisco se tornou papa disposto a arejar as carcomidas estruturas da Igreja Católica, que precisa de renovação em um período de profundas transformações sociais no mundo.

8. O papa é fã de futebol: Nunca antes na história do Vaticano um papa declarou amor ao futebol como Francisco. Ele já recebeu seleções, vestiu camisas de vários times, e declarou seu amor incondicional ao seu clube de coração, o San Lorenzo de Almagro.

9 – O papa é argentino, mas adora os brasileiros: Francisco pode ser argentino, mas com toda sua humildade e simpatia, conquistou o coração dos brasileiros quando esteve no país, no ano passado. Ele atraiu jovens do mundo todo ao Brasil, foi recepcionado com euforia e prometeu voltar em 2017.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Os nove mandamentos do papa Francisco

Deixe o seu comentário