O casal indiano que adotou 12 crianças com HIV que foram rejeitadas pelas famílias

publicado no Hypeness

O indiano Ajay Sharma e sua esposa Babita quebraram com todos os paradigmas de adoção e provaram que o coração bom faz coisas extraordinárias: eles adotaram 12 meninos HIV positivos abandonados pelas famílias.

As crianças têm entre sete e 17 anos e possuem histórias semelhantes: nasceram com HIV, perderam seus pais, vítimas da doença, e nenhum parente quis ficar com elas. Inicialmente, o casal teve dificuldade em encontrar uma casa que abrigasse tanta gente, e quando conseguiu, na cidade de Ganganagar, teve problemas com os vizinhos, que rejeitaram a vinda das crianças ao bairro, por puro preconceito.

Mas, aos poucos, a situação foi mudando e os habitantes começaram a aceitar as crianças e a família passou a receber apoio de médicos e professores, comovidos com a iniciativa, que começaram a se deslocar à casa para consultar e ensinar as crianças.

adocao4

“Eu sinto uma onda de energia positiva quando encontro essas crianças. Elas são tão cheias de vida. Só rezo para que a ciência encontre um tratamento viável para esta doença”, diz o Dr. Rajiv Prakash, pediatra que visita regularmente a casa. Há três anos, a professora Neema Jain ensina hindu, inglês e matemática.

Ajav Sharma resolveu mudar sua vida completamente depois que, em 2004, sofreu uma hemorragia cerebral e ficou em coma por 15 dias.

Depois de experimentar um encontro próximo com a morte, ele diz: “entendi a importância de se estar vivo e decidi dedicar minha vida à causa das crianças carentes”. Sharma abandonou o emprego no Governo de Phalawada e começou a ensinar as crianças nas favelas. Em 2008, resolveu então adotar uma criança com HIV, que tinha perdido os pais e depois foi abandonada por parentes. Na época, o menino estava muito fraco e não conseguia vaga em hospitais. “Minha consciência não me permitia deixar essa criança. Trouxe-o para casa e cuidei dele. Felizmente, ele sobreviveu”, disse.

Sharma tem vindo, desde aí, a se questionar sobre o motivo pelo qual a sociedade é tão injusta para uma criança que está sofrendo não por culpa própria. E resolveu tentar mudar essa atitude. Naquele dia, Ajav prometeu cuidar de outras crianças abandonadas com HIV positivo e o resultado está à vista.

adocao3

adocao21

adocao

 

adotados_hiv_close

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for O casal indiano que adotou 12 crianças com HIV que foram rejeitadas pelas famílias

Deixe o seu comentário