Tempo de concentração das pessoas na era digital é menor que o de um peixe

Estudo revela que o nível de atenção caiu de 12 segundos para oito em apenas uma década

Mudanças foram ocasionadas pela revolução móvel, diz estudo  (foto: Paula Giolito / Agência O Globo)

Mudanças foram ocasionadas pela revolução móvel, diz estudo (foto: Paula Giolito / Agência O Globo)

Publicado em O Globo

Se já era difícil captar a atenção das pessoas quando as tecnologias digitais não existiam, agora ficou pior. Um estudo desenvolvido pela Microsoft revelou que o tempo médio de atenção das pessoas caiu de 12 segundos em 2000 para oito em 2013. A queda no nível de concentração coloca os humanos abaixo até mesmo de um peixinho dourado, que é capaz de se manter atento por até nove segundos. De acordo com a pesquisa, a diminuição é fruto da revolução móvel— com a chegada smartphones e tablets— que disseminou a conexão ao ambiente digital de maneira constante.

“Pessoas que ficam conectadas em vários dispositivos ao mesmo tempo encontram dificuldade de filtrar estímulos irrelevantes— são mais facilmente atraídas por múltiplos fluxos de mídia”, aponta o relatório.

A pesquisa, feita no Canadá, monitorou duas mil pessoas e estudou a atividade cerebral de outras 112 através de eletroencefalogramas. Além da perda nos níveis de atenção, o estudo identificou que o cérebro desenvolveu uma capacidade muito maior de realizar várias tarefas ao mesmo tempo.

Segundo a Microsoft, as transformações são fruto da habilidade do cérebro de se adaptar a novas condições. A queda nos níveis de atenção seria então uma consequência da evolução para a internet móvel.

O estudo também identificou uma diferença de comportamento entre as gerações. Pelo menos 77% dos jovens de 18 a 24 anos responderam que quando nada prende a atenção deles a primeira coisa que fazem é olhar o celular. Na faixa etária de mais de 65 anos, apenas 10% responderam ter o mesmo comportamento. Quando perguntados se a última coisa que fazem antes de dormir é olhar o celular, 73% dos jovens responderam que sim, contra 18% dos idosos.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Tempo de concentração das pessoas na era digital é menor que o de um peixe

Deixe o seu comentário