Jô Soares é alvo de ameaça após entrevista com Dilma

jô

Publicado na Folha de S. Paulo

Na semana passada, Jô entrevistou a presidente por 69 minutos no Palácio da Alvorada, em Brasília. A conversa foi exibida na última sexta-feira (12) em seu programa. A atração marcou 7 pontos no Ibope na Grande São Paulo, um aumento de 2 pontos em relação às quatro sextas-feiras anteriores (cada ponto equivale a 67 mil domicílios).

Espectadores reclamaram da escolha da entrevistada e do tom da conversa, tido por críticos como ameno.

Desde o fim da eleição presidencial de 2014, Jô passou a criticar em seu “Programa do Jô”, na Globo, aqueles que pedem o impeachment de Dilma Rousseff. Suas posições no quadro “As Meninas do Jô”, em que debate com jornalistas a política nacional, entre outros temas, passaram a ser vistas como “de esquerda” e o apresentador ganhou, nas redes sociais, uma reputação de “petista fanático”.

À Folha, ele disse ser “anarquista”. “O artista não pode ter uma posição política no sentido intelectual. Tem que ser anarquista. Intelectualmente, eu sou anarquista”, afirmou.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Jô Soares é alvo de ameaça após entrevista com Dilma

Deixe o seu comentário