Trabalhar de casa deixa mais feliz

publicado no Ciência Maluca

Pense numa bela sexta-feira ensolarada. Trancafiado no escritório você mal vê o dia acontecer lá fora – talvez a chuva já tenha até tomado conta do cenário, mas você nem percebeu. Imagine, então, que seu chefe chegou com uma surpresa: você pode escolher trabalhar no escritório ou em casa hoje. Você daria conta de resistir à tentação de antecipar o fim de semana?

Trabalhar-2

É provável que boa parte dos chefes tenha essa mesma dúvida (seja na sexta ou quarta-feira). E por isso poucas empresas ainda oferecem uma rotina flexível, sem a necessidade de bater cartão todos os dias. Bem, eles estão enganados: trabalhar até duas vezes por semana de casa aumenta a produtividade.

Pesquisas americanas (aqui e aqui) mostram que mudar um pouco a rotina do escritório melhora a satisfação dos funcionários. Eles se sentem menos estressados e cansados, e mais envolvidos com o emprego. Dá para imaginar o motivo: trabalhar de pijama, fazer seu próprio horário, se desligar um pouco dos papos de escritório, e ter liberdade para caminhar quando bem entender não deve mesmo fazer mal a ninguém, certo?

Mas só funciona mesmo se a “mamata” rolar poucas vezes por semana. Por mais entediante que possa ser, o escritório tem seus benefícios. Funcionários que trabalham remotamente acabam se sentindo desconectados do emprego e dos colegas de trabalho, como se não fizessem parte daquilo. Isso, claro, afeta o comprometimento profissional deles. Além disso, a interação constante com outros profissionais sempre ajuda a impulsionar a criatividade.

Ou seja, pedir para passar uma semana em casa não vai colar. Mas agora você tem bons argumentos para pedir licença pelo menos uma vez por semana. Só falta convencer seu chefe. :p

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Trabalhar de casa deixa mais feliz

Deixe o seu comentário