Filhos de mães que trabalham fora de casa se dão melhor na vida

De acordo com pesquisa, filhos e filhas se beneficiam quando as mães trabalham fora.

mulheres_profissionais_0

Ana Luísa Fernandes, na Superinteressante

Um novo estudo da Harvard Business School prova que ter uma mãe que trabalha fora de casa tem vantagens, ao contrário do que diz o senso comum. A pesquisa, liderada pela professora Kathleen McGinn, aponta que filhas de mães que trabalham ganham salários 23% mais altos e 33% delas ocupam cargos de supervisão, contra apenas 25% das rebentas de mães que ficam em casa.

Para os filhos de trabalhadoras, os efeitos são diferentes, mas ainda assim positivos: eles gastam mais tempo cuidando da casa e da família – uma média de 16 horas por semana, contra 8 horas do outro grupo.

Os resultados liberam as mães que se sentem culpadas de voltar para o escritório. “Filhas de mães que trabalham enxergam que é ok ir trabalhar, e não é ok passar o tempo todo limpando a casa. E filhos enxergam que não tem como manter o controle da vida pessoal e profissional, se todo mundo não trabalhar junto”, disse McGinn em uma entrevista.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Filhos de mães que trabalham fora de casa se dão melhor na vida

Deixe o seu comentário