TPM masculina: homens também sofrem dos sintomas, diz estudo

A man is seated on the bed in a bedroom. He has his head in his hands and is looking away from the camera. Horizontally framed shot.

Publicado no Doutíssima

Um recente estudo mostra que a maioria dos homens sofre de uma variedade de sintomas comumente associados à síndrome pré-menstrual (TPM). Pesquisadores da Universidade de Derby, no Reino Unido, pediram a 50 homens e 50 mulheres que respondessem sobre a ocorrência de sinais associados à TPM. Surpreendentemente, os resultados mostraram que eles pontuaram mais do que elas.

Os homens noticiaram sentimentos antissociais, sofrimento com falta de concentração, depressão, falta de excitação e dor – inclusive no estômago, nas costas e na cabeça. Os pesquisadores acreditam que eles reclamaram mais do que elas porque possuem menos paciência quando se trata de doenças.

A sugestão é de que eles sofrem de uma forma de TPM decorrente de queda brusca nos níveis de testosterona – hormônio responsável pelo desejo sexual, produção de esperma e tônus muscular. Tecnicamente, a TPM masculina é chamada de síndrome de irritação masculina, constatada pela primeira vez pelo escocês Gerald Lincoln.

No entanto, os especialistas alertam que quem tem sintomas provavelmente também está sofrendo efeitos colaterais de excesso de peso, preguiça, tabagismo e ingestão excessiva de bebidas alcoólicas. Além disso, um estudo da Universidade Nacional da Austrália sugere que a energia emitida por mulheres na TPM é contagiosa e capaz de ser passada ao parceiro masculino.

Homens também podem causar TPM

Segundo uma pesquisa preliminar realizada pela Universidade de Western Sydney, Austrália, a TPM é pior para mulheres que estão em um relacionamento com um homem do que para aquelas que estão em um relacionamento com pessoa do mesmo sexo. Em outras palavras, seriam os homens os grandes causadores desse tipo de desconforto feminino.

Os pesquisadores observaram que os problemas em relacionamentos heterossexuais são capazes de piorar e até mesmo causar o sofrimento pré-menstrual feminino. Quando as mulheres estavam em relacionamentos homossexuais, elas mencionaram os mesmos sintomas, mas em menor intensidade e causando menos sofrimento.

A síndrome pré-menstrual é um problema que afeta grande parte das mulheres. Ela causa um grupo de sintomas que costuma aparecer aproximadamente duas semanas antes da menstruação. Geralmente, os sinais desaparecem assim que ela começa.

Especialistas indicam que as mudanças hormonais ocorridas durante o ciclo menstrual pode ser uma causa importante – e que alterações químicas no cérebro também têm participação. Elas podem afetar mulheres em níveis distintos – isto é, umas mais do que as outras. Além disso, problemas como estresse e depressão são capazes de intensificar o desconforto.

Atualmente não há cura para a tensão pré-menstrual, mas existem tratamentos que podem ajudar a gerenciar os sintomas que tanto afetam a vida no dia a dia. Caso ela seja leve ou moderada, simples mudanças na dieta e estilo de vida podem ser suficientes para atenuá-la. Em casos mais graves, é possível procurar um médico para que sejam receitados medicamentos.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for TPM masculina: homens também sofrem dos sintomas, diz estudo

Deixe o seu comentário