10 dicas científicas para evitar ou combater a ressaca

ressaca-910x622

Publicado no Catraca Livre

1 – Intercale bebidas alcoólicas com água
Como o álcool pode causar desidratação, que afeta tecidos do cérebro, causando pressão e dores de cabeça, é importante beber muita água junto com o mé – se possível, na proporção de um para um: uma dose de bebida alcoólica, uma de água.

2 – Não beba de estômago vazio

Não é porque as bebidas alcoólicas têm (muitas) calorias que elas contam como refeições. Beber de estômago vazio faz o álcool ser absorvido mais rapidamente – com ele cheio, é o contrário. É importante comer bem antes de tomar todas.

3 – Reabasteça no café da manhã
O álcool diminui o nível de açúcar no sangue. Sucos de frutas são uma boa forma de repor o estoque, mas se o caso for muito extremo, apele para algo com índice glicêmico maior, como um pão branco (francês, de forma, baguete, etc.) ou um pouco de mel.

4 – Prefira bebidas claras
Bebidas mais escuras, como vinho tinto ou rum, contêm substâncias produzidas durante a fermentação que podem aumentar a incidência e intensidade das ressacas. Troque o uísque pela vodca, ou o vinho tinto pelo branco, para evitar esse problema.

5 – Apele para os multivitamínicos
Beber esgota nutrientes do organismo como vitamina B12 e ácido fólico. Tome suplementos multivitamínicos para repor o que foi perdido após a bebedeira. Isso ajuda seu corpo a funcionar adequadamente – o que inclui evitar enjôos, dores de cabeça e afins.

6 – Evite bebidas gaseificadas.
Fuja dos espumantes e drinks que contenham bebidas gaseificadas. Pesquisas indicam que as bolhas de gás carbônico fazem o álcool ser absorvido mais rapidamente e em maior quantidade. Não por acaso, a ressaca do Ano Novo é das piores que existem.

7 – Use o poder do potássio
Quando ficamos desidratados, não perdemos apenas água, mas também eletrólitos como o potássio, cálcio, sódio e outros mais. Reponha-os comendo banana ou espinafre. Se preferir, tome bebidas isotônicas para atletas – os chamados “suplementos hidro-eletrolíticos”.

8 – Faça ovos mexidos
Ovos contêm taurina, substância que tem sido associada à reversão dos danos no fígado causadas por uma noite de exagero na bebida. Faça os ovos mexidos, com o máximos de vegetais que puder, para adicionar antioxidantes, vitaminas e minerais!

9 – Conte com a força do gengibre
Muitas vezes a ressaca vem acompanhada de sensações desagradáveis vindas do seu sistema digestivo. Dê alguns goles em um bom chá de gengibre para acalmar as coisas. Estudos mostram que a planta ajuda no combate aos sintomas das náuseas.

10 – Tome um ar fresco
O oxigênio acelera a quebra das toxinas do álcool, então levante do sofá (ou da cama, ou do chão), e vá dar uma volta! Um pouquinho de esforço físico não machuca ninguém e ainda vai liberar um pouco de endorfina para melhorar esse (mau) humor.

(BÔNUS) 11 – Seja o motorista da vez
Infelizmente, a única forma infalível de impedir a ressaca é deixar de beber. Se acordar com a cabeça latejante não é uma opção, seja o motorista da vez. Você garante a segurança dos amigos, participa da festa, e com certeza terá boas histórias para contar no dia seguinte.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for 10 dicas científicas para evitar ou combater a ressaca

Deixe o seu comentário