Anel caro aumenta risco de divórcio

publicado no Ciência Maluca

Um belo anel de milhares de reais daquela marca americana tão cobiçada. Há quem acredite que esse seja o melhor acompanhante para um pedido de casamento perfeito. A maior demonstração de amor do mundo. Nem tanto, amigos. Um anel de noivado caro pode ser o começo do fim de um relacionamento.

anel

É o que mostra uma pesquisa com mais de 3 mil americanos. Entre os entrevistados, quem gastou de 2 mil a 4 mil dólares no anel de noivado corria um risco 1,3 vezes maior de se divorciar do que quem gastou de 500 até 2 mil dólares. Mas o pior mesmo era o grupo dos mais “afortunados”: gastar mais de 20 mil dólares no anel aumentava em mais de 3 vezes o risco de um término curto.

O problema é que as pessoas gastam tanto para ter um dia perfeito que acabam quebrados. Aí as dívidas criam uma tensão a mais – e o amor sai abalado.

Só que também não dá para ser tão econômico assim. O grupo com mais divorciados havia gastado menos do que 500 dólares na joia (ok, com a cotação atual o valor é uma bolada – mas considere a realidade americana). O ideal mesmo é manter os pés no chão: os donos de anéis de até 1 mil dólares eram os menos estressados – e quem menos havia se separado num curto prazo.

Fica o aprendizado: nada de se endividar para criar um conto de fadas. Ou ele pode terminar antes do que você imagina.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Anel caro aumenta risco de divórcio

Deixe o seu comentário