Nove filmes para ver debaixo das cobertas

publicado na Gazeta do Povo

Com temperaturas variando de 9ºC a 19ºC até domingo (29), no máximo, sair de casa pode não ser tão atrativo quanto preparar uma pipoca e se aconchegar debaixo de um cobertor quentinho. Que tal deixar as paisagens geladas apenas lá fora — e na tela da televisão?

oitoodiados1-kuJG-U20294886181luE-1024x576@GP-Web

1. “Dr. Zhivago” / “Dr. Jivago” (1965)

Direção: David Lean

Baseado no romance de Boris Pasternak e vencedor de cinco Oscars, retrata a vida do médico e poeta Yuri Jivago (Omar Sharif), que se divide entre duas mulheres: a esposa Tonia (Geraldine Chaplin) e a enfermeira Lara (Julie Christie). Tudo se passa durante a revolução russa, com as típicas paisagens do país com um dos invernos mais rigorosos do planeta. Disponível no Google Play.

2. “O Iluminado” / “The Shining” (1980)

Direção: Stanley Kubrick

Clássico do terror psicológico. É uma adaptação do livro homônimo de Stephen King. Jack Torrance (Jack Nicholson) interpreta um escritor em recuperação do alcoolismo, contratado como zelador do Hotel Overlook durante o inverno. Ele, a mulher e o filho ficam isolados após uma tempestade de neve, o que aos poucos altera para pior seu estado mental. Cada vez mais alucinado e violento, Nicholson cria um clima maníaco e insustentável para todos a seu redor, com visões que Kubrick aproveita para criar cenas imortais. Disponível no iTunes e no Google Play.

3. “Sempre ao seu Lado” / “Hachiko: A Dog’s Story” (2009)

Direção: Lasse Hallström

Prepare seu lenço e tenha um ombro amigo. O filme — baseado em fatos reais, para piorar a situação — conta a história de um professor vivido por Richard Gere que faz amizade com um cãozinho da raça japonesa akita abandonado em uma estação de trem. É agora que fica difícil: o dono morre e o fiel cachorro não arreda o pé da estação onde o esperava todos os dias. E continua lá, impassível, por anos a fio. Não dá para assistir nem ao trailer sem debulhar-se em lágrimas. Disponível na Netflix e no Google Play.

4. “Intocáveis” / “Intouchables” (2011)

Direção: Olivier Nakache e Éric Toledano

Mais um filme baseado em uma história verídica. Neste caso, nas memórias do empresário Philippe Pozzo di Borgo sobre sua amizade com o argelino Abdel Yasmin Sellou. Filme de língua não-inglesa de maior sucesso na história dos Estados Unidos, foi indicado ao Globo de Ouro de melhor filme estrangeiro. Disponível na Netflix e no Google Play.

5. “A Invenção de Hugo Cabret” / “The Invention of Hugo Cabret” (2011)

Direção: Martin Scorsese

Adaptação do livro homônimo de Brian Selznick, com produção de Johnny Depp. O filme foge ao cenário comum das obras de Scorsese, Nova York, e a seu tema predileto, as gangues. Em vez disso, ele vai a Paris do início do século 20 e faz uma emocionante e apaixonada homenagem aos pioneiros do cinema, atores e cineastas. Disponível na Netflix e no Google Play.

6. “A Mulher de Preto” / “The Woman in Black” (2012)

Direção: James Watkins

Ainda é difícil ver Daniel Radcliffe como outro personagem que não Harry Potter. Mas ele tem bastante talento e disposição para encarnar tipos variados, como o advogado que precisa investigar uma velha mansão assombrada neste terror gótico. O filme é baseado no livro homônimo de Susan Hill. Disponível na Netflix e no Google Play.

7. “Frozen: Uma Aventura Congelante” (2013)

Um dos maiores fenômenos da animação da história da Disney, fez com que milhões de meninas quisessem ser a princesa Elsa ou a Anna. Sem contar que tornou a música “Let it Go”, vencedora do Oscar de melhor canção, praticamente onipresente em qualquer festa infantil. Disponível no iTunes e no Google Play.

8. “O Regresso” / “The Revenant” (2015)

Direção: Alejandro González Iñárritu

O filme entrou para a história pela cena da luta de Leonardo DiCaprio com o urso, e por ter rendido ao ator finalmente seu primeiro Oscar. A história do caçador em busca de vingança também garantiu ao mexicano Alejandro González Iñárritu sua segunda estatueta de melhor diretor consecutiva. Disponível no iTunes e no Google Play.

9. “Os oito odiados” / “The Hateful Eight” (2016)

Direção: Quentin Tarantino

As paisagens geladas do oeste americano no inverno servem como pano de fundo para mais uma trama cheia de sangue, tiros, traições e vinganças de Quentin Tarantino. Tudo embalado por uma magistral trilha sonora do compositor italiano Ennio Morricone, que venceu o Oscar pelo trabalho. Imperdível. Disponível no iTunes e no Google Play.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Nove filmes para ver debaixo das cobertas

Deixe o seu comentário