O que acontece se comermos madeira, pedra ou vidro?

publicado na Mundo Estranho

Objetos com esses materiais podem cortar ou perfurar o trato digestivo (oque exigiria intervenção cirúrgica) ou ainda causar sufocamentos e obstruir a respiração, dependendo de seu volume. Mas,se forem pequenos, costumam percorrer o mesmo trajeto da comida, chegando ao intestino graças aos movimentos peristálticos (atividade involuntária dos órgãos do sistema digestório para transportar o bolo alimentar). “Se conseguirem atravessar otrato gastrointestinal (também chamado TGI), eles saem nas fezes sem problema”, explica Mario Kondo, professor de gastroenterologia da Unifesp, especialista em hepatologia. No geral, porém, fazer essa “dieta de bode” é uma péssima ideia.

comer-pedra

Veja alguns exemplos

Papel: Só afeta o organismo se consumido em grande quantidade, por causa dos resíduos tóxicos em sua composição, como a soda cáustica

Madeira: É um vegetal e, apesar de não ser digerido pelo corpo, funciona como qualquer outra fibra: é eliminado no cocô.O perigo é causar perfurações, especialmente no caso de palitos de dente

Vidro: É um material inerte (que não participa de reações químicas). Mas pode provocar cortes no trato gastrointestinal, levando a sérias consequências. Ou seja,se for ingerido é indispensável procurar um médico

Cabelo: Engolir um fio sem querer não costuma causar nada grave. Mas quem sofre de uma doença chamada tricotilofagia come grandes quantidades,o que pode levar à formação de uma bola de cabelo no estômago, retirada só com cirurgia

Terra: Por si só, não causa problemas. Mas ela pode conter algum parasita ou ainda elementos tóxicos, como inseticidas, fertilizantes e resíduos do lixo

Pedra: Também é inerte, então geralmente não causa danos químicos. Mas pode entalar em alguma porção menor do trato gastrointestinal ou,se tiver uma ponta afiada, cortar um órgão

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for O que acontece se comermos madeira, pedra ou vidro?

Deixe o seu comentário