Papa diz que Igreja deve pedir perdão aos gays e às mulheres

Papa Francisco também falou em reflexão sobre “bênção a tantas armas”

Francisco fala aos jornalistas durante vôo de volta à Itália – foto: Divulgação (Arquivo)

Francisco fala aos jornalistas durante vôo de volta à Itália – foto: Divulgação (Arquivo)

Publicado no Brasileiros

Em entrevista concedida para jornalista em sua volta da Armênia para Roma, no domingo (26), o papa Francisco admitiu que a Igreja Católica deve um pedido de perdão a homossexuais e mulheres pela forma como foram tratados ao longo da história.

Em uma conversa espontânea, Francisco foi questionado sobre os comentários de um cardeal alemão sobre o tema, ainda mais urgente após o atentado que matou 49 homossexuais em uma boate na cidade de Orlando.

Segundo agências internacionais, o papa garantiu que os ensinamentos da Igreja são de que os homossexuais não devem ser discriminados. “Eles devem ser respeitados, acompanhados pastoralmente.”

Ele aproveitou para lembrar da relação da instituição com as mulheres: “Acho que a Igreja não deve apenas pedir desculpas (…) a uma pessoa gay a quem ofendeu, mas também deve pedir desculpas aos pobres, bem como às mulheres que foram exploradas, às crianças que foram exploradas por trabalho (forçado). Deve pedir desculpas por ter abençoado tantas armas”.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Papa diz que Igreja deve pedir perdão aos gays e às mulheres

Deixe o seu comentário