9 hábitos que atrapalham sua produtividade no trabalho

reproducaouol-1438817204066_615x300

Publicado por InfoMoney [via UOL]

Nada sabota mais a sua produtividade do que maus hábitos. Eles vão aparecendo lentamente até que você percebe os danos que estão causando.

Maus hábitos vão atrasá-lo, diminuir a sua eficiência, torná-lo menos criativo e sufocar o seu desempenho. Conseguir controlá-los é fundamental, e não apenas por causa da produtividade. Um estudo da Universidade de Minnesota descobriu que as pessoas que exercem um alto grau de autocontrole tendem a ser muito mais felizes do que aqueles que não o fazem, tanto a curto, quanto a longo prazo.

Alguns maus hábitos podem causar mais problemas do que outros. O colunista Travis Bradberry, do site Entrepreneur.com, listou nove que considera os piores. Cortar esses hábitos poderá aumentar sua produtividade.

1. Navegar impulsivamente na internet

Bastam 15 minutos consecutivos de foco antes de poder exercer plenamente uma tarefa. Uma vez que você fizer isso, vai cair em um estado de euforia e de aumento da produtividade, chamado estado de fluxo.

As pessoas nesse estado são cinco vezes mais produtivas do que seriam de qualquer outra forma. Quando desvia o olhar para o celular com coisas não relacionadas ao trabalho, começa uma coceira para verificar as notícias, Facebook, o resultado do jogo de futebol, ou o que quer que seja. Você perde sua concentração.

Isso significa que você deve ter 15 minutos de foco contínuo para conseguir se concentrar e entrar no estado de fluxo. Se ficar se distraindo várias vezes, sua produtividade despencará.

2. O perfeccionismo

As ideias precisam de tempo para se desenvolver. Parece que congelamos quando é hora de começar, porque nós sabemos que nossas ideias não são perfeitas e o que nós produzimos pode não ser bom. Mas como você pode sempre produzir algo ótimo se você não começar e dar a suas ideias tempo para evoluir?

A autora Jodi Picoult resumiu a importância de evitar o perfeccionismo: ” Você pode editar uma página ruim, mas não é possível editar uma página em branco”.

3. As reuniões

As reuniões vão devorar o seu precioso tempo como nenhuma outra coisa. Pessoas muito produtivas evitam reuniões, tanto quanto é humanamente possível.

Eles sabem que uma reunião vai se arrastar para sempre se eles deixarem, por isso informam todos no início do encontro que vão manter o cronograma previsto. Isso define um limite claro que motiva todos para que a reunião seja mais focada e eficiente.

4. Responder e-mails assim que chegam

Pessoas produtivas não permitem que seu e-mail seja uma constante interrupção. Além de verificar seu e -mail em um cronograma, eles tiram proveito dos recursos que priorizem mensagens por remetente.

Elas definem alertas para os seus fornecedores mais importantes e seus melhores clientes, e salvam o resto até atingirem um ponto de parada em seu trabalho para que consigam ler e responder. Algumas pessoas configuram uma resposta automática que permite aos remetentes saberem quando eles vão verificar o seu e-mail novamente.

5. Pressionar o botão “soneca”

Quando você dorme, seu cérebro passa por uma série elaborada de ciclos. O último deles o prepara para estar alerta ao acordar. É por isso que às vezes você acorda logo antes do despertador tocar: o seu cérebro sabe que é hora de levantar e está pronto para fazê-lo.

Ao apertar o botão de soneca e voltar a dormir, você perde esse estado de alerta e acorda mais tarde, cansado e grogue. O pior de tudo é que esse cansaço pode durar horas. Portanto, não importa o quão cansado você pensa que está quando o despertador toca, se esforce para sair da cama, se você quiser ter uma manhã produtiva.

6. Multitarefas

Ser “multitarefa” pode piorar muito a sua produtividade. Uma pesquisa conduzida na Universidade de Stanford aponta que pessoas “multitarefas” são menos produtivas do que aquelas que fazem uma única coisa de cada vez.

Os pesquisadores descobriram que quando você tenta fazer duas coisas ao mesmo tempo, seu cérebro não tem capacidade para executar as tarefas com sucesso.

7. Adiar tarefas difíceis

Nós temos uma quantidade limitada de energia mental e, conforme essa energia vai acabando, nossa tomada de decisão e produtividade caem. Isso é chamado fadiga da decisão.

Quando você adia tarefas difíceis porque elas o desafiam, você acaba deixando de lado sua hora de maior produtividade. Para vencer essa fadiga, você deve lidar com tarefas complexas de manhã, quando a mente está fresca.

8. Usar o telefone, tablet ou computador na cama

Este é um grande problema que a maioria das pessoas nem sequer percebe, mas prejudica seu sono e produtividade. O comprimento curto de onda de luz azul emitida pelos eletrônicos tem um papel importante no seu humor, nível de energia e qualidade do sono.

De manhã, a luz solar tem elevadas concentrações desse luz azul. Quando seus olhos são expostos diretamente a ela, a produção do hormônio melatonina para de fazer a indução do sono e faz você se sentir mais alerta. Na parte da tarde, os raios do sol perdem a luz azul, que permite que o seu organismo a produzir melatonina e começar a fazer você sonolento.

Durante a noite, o seu cérebro não espera nenhuma exposição à luz azul e fica muito sensível a ela. A maioria dos nossos dispositivos – laptops, tablets, televisões e telefones celulares – emitem luz azul de comprimento curto de onda. E fazem isso diretamente no seu rosto.

Essa exposição prejudica a produção de melatonina, interferindo na capacidade de adormecer e na qualidade do sono. Uma noite de sono ruim tem efeitos desastrosos sobre a produtividade. A melhor coisa é evitar esses dispositivos após o jantar.

9. Comer muito açúcar

Uma das funções da glicose é a de “acelerador ” de energia para o cérebro. Você precisa de glicose para se concentrar em tarefas desafiadoras. Com pouca glicose, você pode se sentir cansado, sem foco e lento; muita glicose deixa você nervoso e incapaz de se concentrar.

A pesquisa demonstrou que o limite é de cerca de 25 gramas de glicose. A questão é que você pode obter essa quantidade de várias maneiras e vai sentir o mesmo efeito – pelo menos inicialmente. A diferença está em quanto tempo a produtividade dura.

Donuts, refrigerantes e outras formas de açúcar refinado enviam um impulso de energia que dura apenas 20 minutos, enquanto a aveia, arroz integral e outros alimentos que contenham carboidratos complexos liberam sua energia lentamente, o que permite manter o seu foco.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for 9 hábitos que atrapalham sua produtividade no trabalho

Deixe o seu comentário