Como o homem das cavernas cortava o cordão umbilical?

publicado na Super

Os leitores desfiaram o estômago e os pudores da redação da revista SUPERINTERESSANTE

Como o cordão umbilical humano era cortado milhões de anos atrás?

Gabrielly Ribeiro
Patrocínio Paulista , SP

Lamento profundamente dizer isso, Gabi, mas a coisa era arrancada no dente mesmo. Nhac! Algumas culturas mais sofisticadas até usavam pedras afiadas, o que livrou paleo-obstetras de saborear restos de placenta com líquido amniótico. Mas isso não deixou o processo tão limpo assim – as preo-cupações com higiene só vieram no final do século 19.

CNS-LIFE-GENDER -- Behind the scenes- the model of a fetus in the womb. On Mother's Day, one of the most startling broadcasts will be In the Womb on National Geographic Channel. Pictures of unborn infants are not new but this two-hour Brit documentary uses the latest in 3-D scanning technology to provide exceptional images of a baby girl from conception to birth. Her mouth opens, she swallows amniotic fluid, hiccups, learns innate reflexes when startled, seems to recognize familiar voices and music, selects a favourite thumb to suck (at 11 weeks), dreams (but of what?) and generally is awake about 10 per cent of the time. (CP PHOTO/ Alliance Atlantis/ HO) *Calgary Herald Merlin Archive* DATE PUBLISHED THURSDAY, MAY 5, 2005 DATE PUBLISHED THURSDAY, SEPTEMBER 22, 2005 *Calgary Herald Merlin Archive*FOR CNS LIFE PACKAGE, APRIL 2, 2010

CNS-LIFE-GENDER — Behind the scenes- the model of a fetus in the womb. On Mother’s Day, one of the most startling broadcasts will be In the Womb on National Geographic Channel. Pictures of unborn infants are not new but this two-hour Brit documentary uses the latest in 3-D scanning technology to provide exceptional images of a baby girl from conception to birth. Her mouth opens, she swallows amniotic fluid, hiccups, learns innate reflexes when startled, seems to recognize familiar voices and music, selects a favourite thumb to suck (at 11 weeks), dreams (but of what?) and generally is awake about 10 per cent of the time. (CP PHOTO/ Alliance Atlantis/ HO) *Calgary Herald Merlin Archive* DATE PUBLISHED THURSDAY, MAY 5, 2005 DATE PUBLISHED THURSDAY, SEPTEMBER 22, 2005 *Calgary Herald Merlin Archive*FOR CNS LIFE PACKAGE, APRIL 2, 2010



Por que não fizemos moedas quadradas? Assim não sairiam rolando ao cair no chão. Perderíamos menos e economizaríamos em sua cunhagem.

Tobias Perin
Sapucaia do Sul, RS

Muito perpicaz a sua observação, Tobias, mas moedas são redondas exatamente para economizar grana, e não apenas para poupar o bolso de suas pontas afiadas. Até metade do século 19 a moeda valia seu peso em ouro, prata ou cobre. Se fosse quadrada, os cantos se desgastariam mais rápido e perderiam valor. O formato redondo também dificultou o trabalho de falsários que limavam as moedas para roubar um pouco do metal.

Ouvi dizer que, para conservar tomate, podemos colocar farinha de trigo em seu “olho”. Efetuei o experimento com um exemplar do tipo gaúcho, à temperatura ambiente, e ele durou precisamente 43 dias.

João Luís Cunha
Pelotas, RS, “com muito gosto”

Em reconhecimento ao seu brilhante espírito científico, vou abster-me de fazer piadas sobre Pelotas. Gaúcho ou não, o tomate é protegido por uma pele que barra as trocas gasosas com o ambiente. Ao ser arrancado do tomateiro, o o tal do “olho” fica exposto ao ar. É o mesmo que aconteceria se você tivesse um buraco na barriga – em 43 dias, estaria mais podre do que um tomate amassado. A solução é tapar a cicatriz do tomate com farinha, manteiga ou o que seu talento investigativo preferir. A falta de oxigênio bloqueia a respiração aeróbica; com isso, retarda o metabolismo e o amadurecimento. Mas não demora para o tomate iniciar a respiração anaeróbica e estragar de qualquer jeito.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Como o homem das cavernas cortava o cordão umbilical?

Deixe o seu comentário