Homem enfrenta multidão e impede linchamento de menor após furto de celular, no Piauí

Suspeito de roubo foi salvo de linchamento no Centro de Piauí (foto: Vídeo / Facebook / Reprodução)

Suspeito de roubo foi salvo de linchamento no Centro de Piauí (foto: Vídeo / Facebook / Reprodução)

Carla Nascimento, no Extra

Um homem de camisa vermelha briga, sozinho, contra dezenas de mãos. Ele tenta impedir que X., de 16 anos, seja linchado em plena luz do dia, em uma rua do Centro de Teresina, no Piauí. Aos prantos, o garoto, que tentava fugir após furtar um celular, reclama de dor e chora, enquanto o homem que o resgata o abraça, tentando impedir que os socos, tapas e até chineladas o alcancem. As imagens, publicadas pela página 3.0 Plantão Policial PI, dividiram opiniões nas redes sociais.

Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil do Piauí, o menor admitiu ter aproveitado um momento de distração da funcionária de um restaurante – na mesma área onde aconteceu a tentativa de linchamento – e furtou o telefone dela. X. tentou fugir, mas foi perseguido por pessoas que presenciaram a cena.

Num vídeo postado nas redes sociais, é possível ver toda a agressão. Um homem mais exaltado protesta: “Não bate? Por que é que não vai bater?”, e parte com violência. Esse mesmo homem voltaria a agredir o menor em diversas situações durante a filmagem. Ao fundo, uma voz feminina exclama: “Meu Deus do céu!”. Outro homem pede para que os socos e tapas sejam interrompidos: “Desse jeito não vai resolver nada não, cara”, e logo em seguida ouve-se um comentário: “A população está revoltada mesmo”.

O adolescente é revistado numa parede lateral da loja Riachuelo, na rua Álvaro Mendes. “Vê se tem mais alguma coisa”, diz um homem, que momentos antes partia contra o menino segurando um chinelo.

Em quase três minutos de vídeo, o clima oscila entre momentos mais calmos e de intensa agressividade. Na situação mais tensa de todo o registro, o jovem escapa por muito pouco, ainda com a ajuda do homem de camisa vermelha, que tenta afastá-lo da multidão, aos gritos de “É linchamento!” e “Vamos matar!”. Pouco depois um grupo de cerca de cinco pessoas revolve intervir e se coloca diante do menor, agora sentado nos degraus da loja. A multidão discute com eles, em muito menor número, mas o grupo insiste em chamar a polícia.

No auto de apreensão, a informação é a de que Policiais Militares de uma guarnição que estava perto do local foram acionados e levaram o adolescente até a Central de Flagrantes. Em seguida, ele foi encaminhado à Delegacia de Segurança e Proteção ao Menor. Lá, já sem o aparelho – que teria sido perdido durante a confusão -, o adolescente admitiu o furto, e aguarda no local até o fim dos trâmites judiciais. De acordo com a assessoria de imprensa, o garoto teve escoriações e passa bem.

Até o fechamento desta reportagem, o aparelho telefônico ainda não havia sido recuperado. O homem que evitou o linchamento não acompanhou os policiais até a delegacia.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Homem enfrenta multidão e impede linchamento de menor após furto de celular, no Piauí

Deixe o seu comentário