Facebook bloqueia fotógrafo que publicou diálogo de Bolsonaro

Ele conta que foi denunciado por seguidores de Jair e Eduardo Bolsonaro, o que fez com que ele sofresse a punição

O deputado Jair Bolsonaro troca mensagens com o filho pelo celular (foto: Lula Marques/Facebook)

O deputado Jair Bolsonaro troca mensagens com o filho pelo celular (foto: Lula Marques/Facebook)

Publicado na Veja on-line

O fotógrafo Lula Marques, que divulgou no Facebook uma foto contendo o diálogo entre o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) com o filho, o também deputado Eduardo Bolsonaro (PSC-SP), foi bloqueado de fazer novas postagens por 24 horas na rede social. Ele conta que foi “denunciado” por seguidores dos deputados, o que fez com que ele sofresse a punição.

A série de fotos foi tirada no último dia 2 de fevereiro, momentos antes da eleição que definiu Rodrigo Maia como presidente da Casa. Jair Bolsonaro, que também concorria ao cargo, teve apenas quatro votos. Lula Marques disse que estava na Câmara fazendo a cobertura da eleição para a presidência e que só fotografou Bolsonaro porque ele era um dos candidatos.

“Somente ontem (quarta-feira), quando eu estava editando, é que ampliei a foto e percebi do que se tratava o diálogo. Fotografei o Bolsonaro assim como todos os outros candidatos. Ele estava em um local público, cumprindo uma missão pública”, disse.

A assessoria de imprensa de Jair Bolsonaro informou que o deputado pretende processar o fotógrafo. “Eu tenho 35 anos de profissão e nunca sofri nenhum tipo de processo. Se é da vontade dele, não tem problema. É o tipo de gente que se acha intocável”, disse Marques.

O fotógrafo lembrou de outro episódio, envolvendo um outro deputado, que viu o casamento ruir depois de ter uma foto publicada em que dialogava com uma amante. “Nem ele me processou. Quem está em um espaço público tem de ser responsável pelos seus atos”.

A troca de mensagens entre pai e filho

No texto publicado no aplicativo WhatsApp, Jair Bolsonaro é duro com o filho. “Papel de filho da puta que você está fazendo comigo. Tens moral para falar do Renan? Irresponsável (Jair tem um filho chamado Renan).

A cobrança continua: “Mais ainda, compre merdas por aí.Não vou te visitar na papuda”.

O pai ainda se mostra preocupado com o que o filho estaria fazendo naquele momento.

“Se a imprensa te descobrir aí, e o que está fazendo, vão comer seu figado e o meu. Retorne imediatamente”.

Somente aí Eduardo Bolsonaro responde para o pai. E não gostou de ser comparado com o meio-irmão.

“Quer me dar esporro tudo bem. Vacilo foi meu. Achei que a eleição só fosse semana que vem. Me comparar com o merda do seu filho , calma lá”.

A imagem termina com uma pergunta do pai. “Voto em JHC ou João Fernando Coutinho?”

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Facebook bloqueia fotógrafo que publicou diálogo de Bolsonaro

Deixe o seu comentário