Busca por centro de prevenção ao suicídio cresce 445% após série

publicado no Estadão

Depois da estreia da série 13 Reasons Why, produto da Netflix que trata de bullying e suicídio em uma escola americana, subiu 445% o número de e-mails com pedidos de ajuda recebidos pelo Centro de Valorização da Vida (CVV). Houve alta ainda de 170% na média diária de visitantes únicos no site.

Dylan Minnette and Katherine Langford in "Thirteen Reasons Why." MUST CREDIT: Beth Dubber, Netflix

Dylan Minnette and Katherine Langford in “Thirteen Reasons Why.” MUST CREDIT: Beth Dubber, Netflix

Em 13 episódios, o programa retrata a dor de Hannah Baker, adolescente que sofre bullying e grava em fitas os motivos pelos quais teria dado fim à vida.

Segundo o centro, a maioria das pessoas que está buscando atendimento nos canais do CVV nos últimos dias é jovem e se identifica com a dor da personagem principal. A organização alerta que pais e familiares devem ter um olhar atento para mudanças de comportamento de adolescentes e não hesitar em pedir ajuda profissional. Especialistas ouvidos pelo Estado apontam que adolescentes devem ter acompanhamento de adultos ao assistir a série.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Busca por centro de prevenção ao suicídio cresce 445% após série

Deixe o seu comentário