‘Não quis me ouvir. Perdi meu filho para o jogo’, diz mãe sobre Baleia-Azul

A blue whale swims in the deep blue sea off the coast of Mirissa, in southern Sri Lanka, April 5, 2013. The southern tip of Sri Lanka, where the deep waters of the continental shelf is close to the shore, is one of the few locations in the world to see dolphins, whales and other creatures of the deep. Since the end of the 25 years civil war in 2009, tourists are returning to the island to enjoy its natural beauty and catch a rare glimpse of the elusive blue whales, the largest creature that has ever lived. Picture taken April 5, 2013. REUTERS/Joshua Barton (SRI LANKA - Tags: ANIMALS TRAVEL SOCIETY)

REUTERS/Joshua Barton (SRI LANKA – Tags: ANIMALS TRAVEL SOCIETY)

Publicado no Estadão

Em depoimento ao Estado, Maria de Fátima, mãe de Gabriel dos Santos, de 19 anos, que se matou em Pará de Minas, relata envolvimento do jovem com o jogo baleia-azul. O “game” online incentiva o suicídio e a automutilação.

No Brasil, 1 em cada 10 adolescentes de 11 a 17 anos acessa conteúdo na internet sobre formas de se ferir – e 1 em cada 20, de se suicidar, segundo o Centro de Estudos Sobre Tecnologias da Informação e Comunicação (Cetic).
Leia abaixo o depoimento:

“Eu falei com ele para sair daquele jogo. Uma pessoa, para fazer um jogo como esse, faz um pacto e vai colhendo alma pelo mundo afora. Só que ele não quis me ouvir. Foi quando eu briguei com ele, que isso não era coisa de Deus. Mas ele não aguentou a pressão do jogo. Dizem que eles ameaçam os jogadores que querem sair, que têm os dados da família. Ele tentou sair, mas voltou ao jogo. Perdi meu filho para um jogo. Não quero que mais mãe nenhuma passe por isso. Era um filho trabalhador, honesto, não usava drogas. Você, se precisar, dê umas palmadas, olhe o celular. Mas não deixe seu filho se perder nesse jogo. Espero que essa turma (que convida para participar) seja punida.”

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for ‘Não quis me ouvir. Perdi meu filho para o jogo’, diz mãe sobre Baleia-Azul

3 Comentários

  1. Eduardo Preto disse:

    Talvez criar os filhos como gente, não como idiotas úteis dispostos a seguir cegamente os ditames da onda do momento… De que bela merda o planeta se livrou.

  2. mula disse:

    baleia azul = seleção natural especie

  3. JAIR disse:

    Tenho falado que o Livro do Apocalipse Biblico identifica no capitulos 13 e 17 a BESTA que sobre do mar com 7 CABEÇAS, que são as inteligencias (Do engano da Mentira ) dos demonios e do Satanás para acabar com as vidas no mundão perdido e em trevas e enganado … E, os 10 CHIFRES são as forças do ENGANO das VAIDADES dos homens que desejam em conluio com o Diabo matar, roubar e destruir as almas dos homens pelo mundão em trevas densas pelos SEUS PECADOS (…)

Deixe o seu comentário