Garoto famoso na web por ensinar crochê tem perfil removido no Facebook

publicado no UOL

Após ficar famoso na web ao divulgar vídeos que ensinam a fazer peças de crochê, o adolescente José Ideíldo da Silva Júnior, mais conhecido como Júnior Silva, teve seu perfil do Facebook removido definitivamente nesta terça-feira (29). O garoto de 12 anos lamenta a decisão da rede social, tomada a partir de uma regra da comunidade: “estou muito triste, muito chateado. Estava com 50 mil seguidores.

junior-silva-de-12-anos-faz-sucesso-com-videos-nas-redes-sociais-em-que-ensina-croche-1504116010411_615x470

Dá vontade de desistir”, lamentou o menino ao UOL. Já o Facebook informou, em nota, que os “padrões da comunidade não permitem que menores de 13 anos tenham um perfil na rede social”. A regra está especificada no item 4 dos Termos de Segurança da rede social. “Você não usará o Facebook se for menor de 13 anos”, diz a norma.

A assessoria de imprensa do Facebook afirmou também que a exclusão pode ter sido fruto de denúncias em razão da idade do menino. Mas informou ainda que o adolescente poderia ter uma página e postar os vídeos desde que seu conteúdo fosse administrado por um responsável.

A mãe dele, Denise Vieira, informou que não sabia da regra e que essa não é a primeira vez que ele tem um perfil excluído da rede social. “Já aconteceu antes. Mas agora ele estava com tantos seguidores que estou com meu coração partido. Ele está muito triste”, disse.

A conselheira suplente do Conselho Tutelar de Iaras (cidade a 285 quilômetros de São Paulo), onde a família mora, disse que vai fazer outro perfil para o filho, como administradora, e que não o deixará desistir dos seus sonhos.

Denise, que tem mais três filhos, acredita que o perfil pode ter sido denunciada. “Eu acho que podem ter denunciado porque tem muita gente que critica, diz que ele precisa ir pra escola, empinar pipa e não ficar fazendo crochê. Mas eu tenho um filho maravilhoso, que sempre foi muito elogiado por sua educação. Ele dá conta de tudo, não fica 24 horas na internet.

Ele leva uma vida normal, como todos os meninos de sua idade, e gosta de gravar os vídeos fazendo crochê”, completou. Já o “crocheteiro mirim” disse que apesar de ter desanimado, não vai desistir. “Vou continuar com minha vida normal. Dá vontade, mas não vou desistir. Eu gosto de ensinar crochê e não vou abandonar meus seguidores. Em breve, vou abrir uma nova página e minha mãe será a administradora”, avisou o garoto, que também viralizou no YouTube com suas habilidades.

A agilidade de suas mãos e suas técnicas são divulgadas cerca de três vezes por semana na web. Em questão de minutos belos tapetes, cachecóis e outras peças ficam prontos. No YouTube, o garoto já tem mais de 3 mil inscritos em seu canal.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Garoto famoso na web por ensinar crochê tem perfil removido no Facebook

10 Comentários

  1. Neneia Ross disse:

    Gente, vamos nos manifestar!
    VOLTA JUNIOR SILVA!!!
    #somostodosjuniorsilva

    • Ângela Maria azevedo carvalho disse:

      Que respeitem as normas sem excessão,mas que no caso de exemplos ,como o do artista mirim em crochê,que possibilitem o perfil,com administração de um responsável pelo menor…

  2. Jailza Nascimento Araujo disse:

    É só a mãe dele administrar , realmente Júnior está famoso e tem que ter muito cuidado antes que seja tarde ! E todos nós vamos segui ele . Júnior não desanime , mais rede social e sucesso temos que ter cuidado viu seu lindo .

  3. Oque tenho a dizer e que ele permaneca pois so esta ajudando outras pessoas..claro ele tem que estudar ter laser tambem..
    Postar videos de criancas sendo maltratadas pode? So no Brasil acontece isso.
    VOLTA AI GAROTO

  4. Liliane disse:

    Se tiraram ele que tem esse dom maravilhoso,tem que tirar centenas de milhares de menores também, todos os adolescentes e crianças que conheço tem perfil no Facebook e sem administrador,o Facebook tem que rever isso é fazer uma faxina, força Júnior pq se vc tinha muitos seguidores,agora vai dobrar, nós amamos vc,bjs

  5. Elaine disse:

    Gente o que mas tem e crianças com o item da regra 4 que o Facebook impõe, tudo com a idade falsa pra poder usa o face.

  6. Alessandra disse:

    Achei errado em relação a idade , tem tantas crianças que tem menos idade dele e tem facebook por que não exclui elas tbm.Em meios termos eu concordo com o Facebook, mas porque é perigoso em ambas as partes pois pode ocorrer riscos de sequestros tbm.
    Tadinho, depois ele ta ensinando fazer croche, não tá fazendo ofensas ou oportunando a vida de alguém. Mas espero q a mãezinha dele não desista e ajude ele a seguir com seus planos e esteja ao lado dele pra realizar seus sonhos.Eu n sei fazer croché mas depois disso vou começar minhas aulas!

  7. Neusa disse:

    Não consigo entender por mais que pesquiso ou estudo. Vejo no Facebook, em outros tantos sites. Pedofilia, crianças na droga, maltratadas pela família ou estranhos, mortas por balas perdidas do crime, enfim…..o professor mirim de artes manuais considerado um contraventor. Será possível que exista algum órgão ou pessoa que me esclareça. Mas pelo amor de Deus me esclareçam e não falem em nome da Lei.

  8. Selma alves dos santos disse:

    Absurdo o brasil quer ele de volta deixe de acabarem com os sonhos das crianças

  9. Juraci Costa Ferteira disse:

    Ele é um menino educado e disciplinado, por isso tem tempo pra tudo: estudo, lazer fazer crochê, ao invés de estar 24horas no computador ou na rua se drogando ou andando com mas companhias. Sua mãe vai administrar seu Face e ele voltará a ensinar crochê a seus seguidores.

Deixe o seu comentário