Eletricista que cortou luz de família humilde promove ‘vaquinha’ para ajudá-la

Publicado no Estadão

O eletricista João Cândido Neto, que teve sua história viralizada na internet nos últimos dias, voltou à casa do menino que o comoveu nesta quinta-feira, 19. Dez dias após o ocorrido, ele vem buscando ajuda para a família de baixa renda que mora em uma casa torta de madeira em Santo Antônio Platina, no norte do Paraná.

“Tem bastante gente se predispondo a ajudar, inclusive a maioria são funcionários da nossa empresa (Copel). Acho que vai surpreender. Muita gente da redes sociais também tem me procurado para ajudar”, disse.

Segundo o eletricista, os pais das três crianças, além de problemas financeiros, têm problemas de saúde. “O pai tem problemas cardíacos e está desempregado. A mãe, doente. Mas a educação das crianças me surpreendeu de novo”, afirmou Neto, que voltou a se emocionar no novo encontro. “O pai queria dispensar ajuda, disse que deve ter gente que precisa mais que ele”.

A história emocionou tanto o eletricista que uma das falas da criança dará nome ao livro com mais de 200 contos que o ele pretende publicar. “Meu livro agora tem um título definitivo: Ainda bem que você veio”, revelou João Cândido, que escreve contos e crônicas do cotidiano.

O caso. João Cândido Neto passou pelo fato comovente no último dia 9, quando foi desginado para cortar a luz da casa da família em Santo Antonio da Platina, no norte do Paraná, por falta de pagamento. Ele contou em seu Facebook que uma das crianças que morava ali o surpreendeu com um ato de honestidade.

A história foi publicada por João Cândido Neto em seu Facebook no último sábado, 14. A repercussão foi tão grande que a o relato teve mais de 87 mil compartilhamentos e foi curtido por mais de 137 mil pessoas.

No texto, o eletricista conta que após fazer a “atividade desagradável” – cortar a energia da casa da família humilde que estava com duas contas em atraso – foi chamado por um dos três filhos da dona da pequena casa de madeira, que o pediu R$ 1. Como não tinha moedas, João entregou R$ 5 ao garoto e avisou: ” É pra você repartir com suas irmãzinhas”.

Como a proprietária da residência pagou as contas atrasadas no mesmo dia, o eletricista voltou no final da tarde para religar a energia do local. Ao ouvirem o barulho do motor da camionete do eletricista, as crianças ficaram eufóricas. “Ainda bem que você veio! Toma seu troco”, disse o garoto Eugênio a João, que ficou surpreso com a atitude e recusou o troco.

“Naquele instante, ao me devolver 2 reais, ‘Geninho’ estava me mostrando o maior exemplo de honestidade e responsabilidade que eu já tinha visto na vida”, escreveu o eletricista no relato.

Leia o relato na íntegra:

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Eletricista que cortou luz de família humilde promove ‘vaquinha’ para ajudá-la

Deixe o seu comentário