Estudo revela que o pum da mulher fede mais que o do homem

publicado no Metro

Um novo estudo do doutor Michael Levitt, conhecido como o “Senhor dos Peidos”, apontou que o pum das mulheres tem uma concentração significativamente maior de sulfeto de hidrogênio. Isso faz com que suas flatulências tenham maior intensidade de cheiro do que a dos homens.

Resumindo: o pum da mulher fede mais que o do homem.

Mas os representantes do sexo masculina não estão totalmente livres de culpa, já que, após uma análise feita com um sistema de tubos e saco retal para coletar “gases”, descobriu-se que os machos produzem um maior volume de gases.

Para chegar a essas conclusões, os puns foram analisados por dois especialistas, que julgaram a sua intensidade.

Além disso, o estudo de Levitt revelou a composição de uma flatulência humana, que consiste em: nitrogênio (70-85%), hidrogênio (0-50%), dióxido de carbono (10-30%), metano ) e Oxigênio (0-10%).

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Estudo revela que o pum da mulher fede mais que o do homem

Deixe o seu comentário