Pobre elite branca


Ariovaldo Ramos

Um jurista, membro da “elite” branca brasileira, disse que não sabe como vai fazer para viver no país porque não é negro, nem índio, nem da população LGBT, nem invasor de terras e, portanto, não sabe como vai conseguir viver aqui no Brasil.

O que este advogado não entende, ou melhor, não quer entender, é que, graças à injustiça que há no Brasil, ele e a classe que ele representa é que vivem com a dignidade e qualidade que todo cidadão deveria viver. Mas, estas pessoas que ele citou: o negro, o, pobre, o índio, o sem teto e sem terra, o membro da população LGBT, é que, de fato, não vivem, e não vivem porque gente como ele não deixa!

No Brasil os parlamentares fazem a lei, como de resto, em qualquer nação democrática, porém, no Brasil os parlamentares decidem se vão ou não cumprir a lei estabelecida por eles, e eles chamam isso de separação de poderes, isto é: o Judiciário que julga se houve ou não o cumprimento da lei, quando o juízo for contra um parlamentar, o Judiciário tem de lhes perguntar se pode ou não executar a lei.

O jornalista fez um comentário racista, estão dizendo que ele deve ser perdoado… Jesus pediu que o Pai perdoasse os que não sabem o que fazem, porém, o jornalista, até por força da profissão, sabia o que estava fazendo.

Aos que sabem o que fazem Jesus pediu o juízo do Pai.

fonte: Mídia Ninja

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Pobre elite branca

1 Comentário

  1. havenilton disse:

    Eu não sou jurista e também não pertenço a elite branca, mas concordo com o cidadão, no Brasil atualmente tem muita gente com direitos e poucos com deveres.
    pastorhavenilton.blogspot.com.br

Deixe o seu comentário