Globo vai recorrer da decisão de indenizar pais de menino vítima de câncer

Publicado no UOL

A Globo informou que vai recorrer da decisão de indenizar o encarregado de obras Vanderlei Velozo Miranda e Roseli Cristina da Silva Miranda, pais de Guilherme, um menino de oito anos, que morreu vítima de um tumor cerebral em 2015. No mesmo ano, Regina Casé exibiu no “Esquenta” uma entrevista com o menino, feita segundo os pais, sem autorização, enquanto ele estava na brinquedoteca de um hospital.

“O objetivo do programa foi acolher e confortar o menor e sua família. Estamos surpresos com essa decisão, já que os pais estavam presentes na gravação, acompanhando o menor, e participaram voluntariamente do programa. A emissora vai recorrer da decisão”, disse a comunicação da Globo ao UOL.

Guilherme morreu cinco dias depois da entrevista.

“A indenização será calculada levando-se em consideração diversos fatores, sendo os principais: o tempo de exibição fixado em 12 minutos aproximadamente e os lucros obtidos pela emissora no período de exibição. O valor somente será conhecido após perícia contábil determinada em sentença”, explicou o advogado da família, Alexandre Damaceno ao UOL na terça-feira (30).

Vanderlei pede na ação R$ 3,949 milhões de indenização. A Rede Globo e Regina Casé foram condenadas ao pagamento de indenização pelos danos materiais por uso indevido da imagem de Guilherme.

“Como sempre defendido pela família, não houve autorização para a realização da entrevista, tampouco para exibição no programa e isso ficou devidamente comprovado no processo judicial”, disse o advogado.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Globo vai recorrer da decisão de indenizar pais de menino vítima de câncer

Deixe o seu comentário