Seita satânica processa Netflix em 50 milhões por série Sabrina

Publicado no Hypeness

Por essa ninguém esperava, mas um grupo de satanistas entrou com um processo de 50 milhões de dólares contra o Netflix. A seita Satanic Saint não gostou nada de ver a estátua Baphomet sendo utilizada na série O Mundo Sombrio de Sabrina.

Os satanistas possem um templo em Detroit, nos Estados Unidos e segundo o líder, Lucien Graves, a imagem usada pelos produtores do seriado é exatamente igual a que se encontra no templo. Ou seja, para eles a Netflix está plagiando uma imagem, digamos, demoníaca.

Representantes do templo dizem que a estátua foi desenhada entre 2013 e 2014, baseada em uma iconografia do século 19. Para a Satanic Saint, o fato de ter sido feita sob encomenda restringe o uso sem a permissão dos membros do grupo.

O valor original da imagem está na casa dos 100 mil dólares. O pedido milionário da indenização se dá pela estátua ter sido representada como uma figura estereotipada do mal.

“Queremos encorajar a benevolência e a empatia entre todas as pessoas, rejeitar a autoridade tirânica, defender o bom senso prático e a justiça”, informa a seita conhecida por reclamar de governos que permitem a exibição de imagens religiosas em público.

Na série de Sabrina, Baphomet, uma cabeça de bode, é venerada pelos satanistas e aparece em diversas cenas em que a bruxa transita pela escola de magia em que estuda contra a vontade.

Até o momento, nem a Netflix ou a Warner se pronunciaram sobre o assunto.

O seriado
A história de O Mundo Sombrio de Sabrina começa antes do aniversário de 16 anos da adolescente, quando ela tem que firmar compromisso com a Igreja da Noite e prometer servir ao Senhor das Trevas, o diabo, ok? Dá pra sentir um clima mais sombrio no ar.

A versão repaginada chega quase 20 anos após da primeira, que foi estrelada por Melissan Joan Hart. A bruxa é interpretada pela atriz Kiernan Shipka, filha de um bruxo com uma mortal e criada por suas duas tias. Claro que o gato preto Salem marca presença, te julgando, mas agora mudo.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Seita satânica processa Netflix em 50 milhões por série Sabrina

Deixe o seu comentário