opinião + reflexão

Gente que lê é perigosa

Gente que lê é perigosa
Sérgio Pavarini “A leitura torna o homem completo”, escreveu Francis Bacon. A amizade com os livros tem sido estimulada ao longo da História e é um hábito que abre as portas do conhecimento. Infelizmente, os livros nem sempre foram acessíveis a todos. Até o século XIX, a leitura era algo exclusivo ao universo masculino. “As mulheres que leem são perigosas”, pensavam. Livros e liberdade sempre caminharam juntos, por isso ditadores […]

Agora só resta aos profetas da derrota da Rio-2016 lamber sabão

Agora só resta aos profetas da derrota da Rio-2016 lamber sabão
Ruy Castro, na Folha de S.Paulo Ninguém teve dor de barriga por velejar na baía, remar na Lagoa ou nadar do Leme ao Posto 6. Ninguém foi picado por um pernilongo. Ninguém perdeu um avião. Ninguém ficou engarrafado mais do que o normal. Ninguém morreu de um croquete ou pastel. Os que subiram os morros, em busca de uma feijoada na laje ou de algo mais letal, voltaram de lá […]

Só é possível viver com leveza quando sabemos que logo a vida vai acabar

Só é possível viver com leveza quando sabemos que logo a vida vai acabar
Contardo Calligaris, na Folha de S.Paulo Fui ver “A Viagem do meu Pai”, de Philippe Le Guay, que me pareceu muito melhor do que diz a crítica. Espero que o filme continue em cartaz: é uma visão tocante (e não desesperadora) da idade avançada –na experiência do idoso e dos que convivem (ou conviverão, mais cedo ou mais tarde) com ele. Claro, o filme só conta “uma” história. Em matéria […]

Hospitalidade, disciplina e virtude

Hospitalidade, disciplina e virtude
Ricardo Gondim A Bíblia hebraica, que os cristãos chamam de Antigo Testamento, contém dois versículos com o mandamento de amar o próximo e mais de trinta para amar o estrangeiro. Abraão albergou peregrinos em sua tenda sem saber que eram anjos de Deus. O Testamento cristão, chamado de Novo Testamento, contém inúmeras passagens sobre hospitalidade. Paulo a incluiu como traço essencial no caráter do líder nas comunidades primitivas. As primeiras ordens […]

Brasil mostra ao mundo que criatividade sobrevive às crises e ao desgoverno

Brasil mostra ao mundo que criatividade sobrevive às crises e ao desgoverno
Josias de Souza, no UOL Michel Temer sabia que seria vaiado. Resignado, evocou Nelson Rodrigues: “No Maracanã, vaia-se até minuto de silêncio.” Estufando o peito como uma segunda barriga, o presidente interino decidiu na primeira hora que iria à cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos. Avaliara que, em certos momentos, é preciso manter a presença de espírito. Ao sentir o hálito espesso do estádio lotado, concluiu que o ideal seria […]