opinião + reflexão

Muito pouco

Helena Beatriz Pacitti Muito pouco é quando a gente liga o chuveiro em um dia quente e apenas uns pingos d’água caem no rosto, porque a água do prédio acabou e o porteiro esqueceu de lhe avisar.  Um só pingo é muito pouco. Muito pouco é quando você tem que parar de brincar, apagar a luz e dormir.  Se você tem de 4 a 8 anos de idade, você se […]

SEXO e sexo

SEXO e sexo
Crônica de Fabrício Carpinejar publicada originalmente no Zero Hora Sexo é tudo para o homem, na primeira colocação do ranking, seguido de futebol e carro. O quarto e o quinto lugares ainda estão vagos. Sexo não é tudo para a mulher, situado no quinto lugar da lista, depois de casamento, amor, romance e paixão. . Sexo é envolvimento para o homem. É capaz de morar com uma mulher que faz […]

Os agentes da ANA

Paulo Brabo Recebi hoje o memorando. Meus superiores permitem finalmente que eu fale, desde que divulgue como ficção. Não acredite portanto em nada, porque se você insistir vou ter de negar – negar tudo, até mesmo que era verdade que eu estava mentindo em primeiro lugar. Desde 1982 sou agente da organização mais secreta do Brasil (e, gostamos de pensar, do mundo): a ANA, Agência Nacional de Acobertamento. A ANA […]

Não existe almoço de graça

Texto de Luiz Felipe Pondé publicado originalmente na Folha de S.Paulo A EUROPA ESTÁ em chamas pelo medo da dissolução da União Europeia. No Brasil, os defensores dos direitos dos imigrantes ilegais na Europa ainda se aferram à imagem adolescente de que o continente deve receber “todo mundo”, numa conta infinita a ser paga pela colonização. Não existe almoço de graça, mas tem muita gente, que normalmente não paga o […]

Mais um novo nascimento

Ricardo Gondim Quintuplico minha paixão pela vida. Amo viver: as cores fascinam, os gênios intrigam, as poetisas seduzem, os santos constrangem, os justos desafiam, os solidários estimulam. A vida se torna, esmagadoramente, formosa. A vida me prende feito vício. Amo viver: os sabores me esfomeiam, os silêncios me atraem, os mistérios me intrigam, os horizontes me instigam. Trago o milagre para bem pertinho dos olhos e, sem reação, meio estrábico, […]