Conteúdo marcado como alma

A vida, um sono ligeiro

A vida, um sono ligeiro
Ricardo Gondim Passamos rapidamente. Nem nos damos conta de que estamos perigosamente próximos da última curva. Nossos passos largos diminuem e caminhamos vagarosos. Nossa voz adquire o timbre dos idosos. A mão, que outrora assinava o nome com firmeza, não custa a tremer. Não tarda, precisamos de que alguém nos ajude a levantar e deitar. Somos como a flor do campo que floresce pela manhã e murcha no crepúsculo. Como um […]

A humildade é uma das virtudes bíblicas

A humildade é uma das virtudes bíblicas
Luiz Felipe Pondé, na Folha de S.Paulo A humildade é uma das virtudes mais difíceis na vida. Principalmente porque está fora de moda, confundida com baixa autoestima. Somos ensinados a buscar o orgulho como autoafirmação. Nada mais distante de uma personalidade razoavelmente madura do que o orgulho. A humildade é uma das virtudes bíblicas. O filósofo judeu Martin Buber, quando elenca em seu maravilhoso “Hasidism and Modern Man” (Prometheus Books), […]

Uma prece… de Clarice Lispector

Uma prece… de Clarice Lispector
“… alivia a minha alma, faze com que eu sinta que Tua mão está dada à minha,  faze com que eu sinta que a morte não existe porque na verdade já estamos na eternidade, faze com que eu sinta que amar é não morrer, que a entrega de si mesmo não significa a morte, faze com que eu sinta uma alegria modesta e diária, faze com que eu não Te […]

Cientistas afirmam que a alma pode abandonar o corpo e observá-lo

Cientistas afirmam que a alma pode abandonar o corpo e observá-lo
publicado no History Channel A alma das pessoas que passam por um estado de morte clínica abandona o corpo físico e pode observar nitidamente o que acontece em seu entorno, segundo o estudo de uma equipe de pesquisadores holandeses. Os médicos reuniram mais de 70 casos de pessoas que conseguiram relatar suas experiências durante o lapso em que estiveram clinicamente mortas e estabeleceram que a consciência pode viver além do […]

Renascer como fênix

Renascer como fênix
Ricardo Gondim Os vivos albergam três inimigos que podem surpreender nas madrugadas insones: fracasso, impotência e culpa. Quem lida mal com as próprias inadequações sofre horrores. A percepção da fraqueza existencial, faca de dois gumes, tanto ajuda como destrói. Quem reluta contra sua condição frágil arquejará, invariavelmente, sob o peso de seus erros. Exigências sociais também podem deixar qualquer um como peixe fora d’água, arfando. Não há fadiga mais debilitante do […]