Conteúdo marcado como alma

Renascer como fênix

Renascer como fênix
Ricardo Gondim Os vivos albergam três inimigos que podem surpreender nas madrugadas insones: fracasso, impotência e culpa. Quem lida mal com as próprias inadequações sofre horrores. A percepção da fraqueza existencial, faca de dois gumes, tanto ajuda como destrói. Quem reluta contra sua condição frágil arquejará, invariavelmente, sob o peso de seus erros. Exigências sociais também podem deixar qualquer um como peixe fora d’água, arfando. Não há fadiga mais debilitante do […]

Laicos, graças a Deus

Laicos, graças a Deus
João Pereira Coutinho, na Folha de S.Paulo Leio nas notícias que um tribunal do Sudão condenou uma mulher à morte. Mas, na hora da sentença, os juízes confrontaram-se com um pormenor: a referida mulher está grávida de oito meses. O tribunal foi salomônico: a mulher pode dar à luz primeiro e só depois ser enforcada. Justíssimo. Mas qual foi o crime hediondo de Meriam Yehya Ibrahim? Eis a história, contada […]

Alegria em conta-gotas

Alegria em conta-gotas
Ricardo Gondim Alegria é pepita descoberta depois do vendaval. Ela nasce do instante; sua pouca duração é causa do arrepio. Como clarão na madrugada invernal, A alma não foge de encarar qualquer desafio. Alegria é elétron que espalha energia pelo corpo. Na soma de cores o espírito avança. O choro perde força. Sorrateiras lágrimas somem frente à calma mansa. Alegria serve de torniquete, para estancar a sangria que desperdiça felicidade. […]

A divina perfeição humana

A divina perfeição humana
Ed René Kivitz “Vocês ouviram o que foi dito: ‘Olho por olho e dente por dente’. Mas eu lhes digo: Não resistam ao perverso. Se alguém o ferir na face direita, ofereça-lhe também a outra. E se alguém quiser processá-lo e tirar-lhe a túnica, deixe que leve também a capa. Se alguém o forçar a caminhar com ele uma milha, vá com ele duas. Dê a quem lhe pede, e […]

Propaganda promete dinheiro à vista para quem vender a alma ao “tinhoso”

Propaganda promete dinheiro à vista para quem vender a alma ao "tinhoso"
Elverson Cardozo, no Campo Grande News “Precisando de dinheiro? Compro sua alma! Pago à vista. 9666-6966. Tratar com tinhoso”. O recado, que tem como ilustração um capetinha, segurando um tridente, foi deixado em um cartaz, do tamanho uma folha sulfite A4, no poste, na esquina das ruas Bahia e da Paz, no Jardim dos Estados, mas também pode ser visto em outros cantos de Campo Grande, como a Avenida Afonso […]