Site Pet Romance quer ser o Facebook dos bichos

Após o cadastro, o usuário pode publicar e curtir textos e fotos. Perfis de animais para adoção e contatos de pet shops e outas empresas da área são alguns dos recursos do site.

Publicado na Exame

Um novo site pretende intensificar as relações entre cães, gatos e outros animais. Batizado de Pet Romance, ele quer ser a rede social dos bichos de estimação.

“Você se cadastra no site como se fosse o próprio bicho”, explicou em entrevista a EXAME.com o idealizador do site Luís Quadros.

Segundo ele, o usuário deve informar o nome e o tipo do animal quando cria um perfil no site. Informações como raça, idade, peso, cor, localização são opcionais.

Após o cadastro, o usuário pode publicar e curtir textos e fotos. Perfis de animais para adoção e contatos de pet shops e outas empresas da área são alguns dos recursos do site.

Segundo Quadros, o site é para todo tipo de bicho – embora 80% das contas sejam de cães ou gatos. Após 11 meses no ar, o Pet Romance já acumula 6 mil usuários ativos, 30 mil fotos publicadas, 50 mil postagens compartilhadas e 95 mil fãs no Facebook.

“Entre os usuários, já surgiram até algumas gírias próprias do site – como #aubraços, #lambeijos, #aumigo”, afirma Quadros.

Até o momento, o idealizador não faturou nada com o site. Mas ele já tem planos para monetizá-lo. Entre eles, estão a inclusão de anúncios e um espaço para que pet shops e outras empresas possam fazer vendas online.

A ideia é que, a cada negócio fechado, o Pet Romance fique com uma pequena porcentagem. E os planos de Quadros não param por aí.

Em dezembro, ele deve lançar o app do site para Android (em janeiro, sai a versão para iOS). O aplicativo terá funções extras – como um botão de emergência para casos de sumiço do bicho de estimação e um recurso que vai dizer ao usuário que outros animais com perfil no site estão nas redondezas.

“O app será como um Waze para pets”, aposta ele. Além disso, a versão em inglês do Pet Romance deve entrar no ar no começo do ano que vem. Com ela, Quadros quer ganhar os usuários americanos.

“O Pet Romance é o Facebook dos bichos”, resume ele.

Leia Mais

A história do gato que virou guia de um cão cego e que prova o poder da amizade entre os animais

publicado Hypeness

Sempre mostramos histórias sensacionais de animais que fazem coisas incríveis, em uma demonstração de inteligência e sensibilidade que, por vezes, falta a alguns humanos. Dessa vez não é diferente: em um vídeo produzido pela Nat Geo Wild, vemos a amizade e cooperação entre um cão idoso e um gato que lhe serve de guia.

Tervel é um labrador velhinho, de 14 anos, que sofreu agressões quando era filhote, o que acarretou em sua vida adulta a cegueira e surdez parcial. Devido a suas crescentes dificuldades, Tervel ficava muito isolado, e passava o tempo quase todo deitado na sua cesta. Até que entrou em sua vida um felino excepcional.

Pudditat é um gato que não se dá bem com outros da sua espécie por ser muito mandão. Mas que com Tervel teve uma empatia imediata, que os transformou em grandes amigos. Com o passar do tempo, além da amizade, Puddicat assumiu outro papel: o de gato-guia. Hoje Tervel se movimenta com facilidade e confiança, seguindo os passos do gato, que o acompanha de perto e o direciona. Em um gesto de amizade inquestionável e encantador, que pode conferir no vídeo e imagens abaixo:

pwditat-cat-600

puddicat6

puddicat5

puddicat4

puddicat3

puddicat2

tevel-pudditat

o-TERFEL-570

Leia Mais

Fotos de animais gêmeos: 25 pares de irmãos impossíveis de diferenciar

Publicado no Hype Science

Dois animais superfofos são melhores do que um, certo?
A raridade de tais gêmeos na natureza torna os animais idênticos verdadeiramente especiais, ainda mais os dessa lista, que são filhotes!

E quando dizemos “raridade”, na verdade estamos nos referindo a maioria das espécies, incluindo humanos, mas não a todas – nascimentos gêmeos ou mesmo trigêmeos são comuns entre os macacos da subfamília Callitrichinae, por exemplo.

Naturalmente, pode ser que nem todos os animais mostrados abaixo sejam verdadeiramente gêmeos. Alguns devem ser, provavelmente, apenas irmãos ou membros muito semelhantes da mesma espécie, mas a máxima do título continua: não podemos distingui-los.
Confira 25 fotos de animais gêmeos: [BoredPanda]

fotos-de-animais-gemeos-25

fotos-de-animais-gemeos-24

fotos-de-animais-gemeos-23

fotos-de-animais-gemeos-22

fotos-de-animais-gemeos-21

fotos-de-animais-gemeos-20

fotos-de-animais-gemeos-19

fotos-de-animais-gemeos-18

fotos-de-animais-gemeos-17

fotos-de-animais-gemeos-16

fotos-de-animais-gemeos-15

fotos-de-animais-gemeos-14

fotos-de-animais-gemeos-13

fotos-de-animais-gemeos-12

fotos-de-animais-gemeos-11

fotos-de-animais-gemeos-10

fotos-de-animais-gemeos-9

fotos-de-animais-gemeos-8

fotos-de-animais-gemeos-7

fotos-de-animais-gemeos-6

fotos-de-animais-gemeos-5

fotos-de-animais-gemeos-4

fotos-de-animais-gemeos-3

fotos-de-animais-gemeos-2

fotos-de-animais-gemeos-1

Leia Mais

Selfies de animais em nova campanha da National Geographic

publicado no Plugcitários

Até os animais resolveram fazer selfie. Esse é o tema usado na nova campanha da National Geographic para promover sua coleção de imagens da diomedia.com.br.

Os anúncios elaborados pela Heads Propaganda apresentam fotografias tiradas por animais em frente ao espelho, os populares selfies. A campanha de mídia impressa, intitulada “Selfies da Natureza”, tem como objetivo reforçar que apesar da facilidade de se encontrar imagens por aí, as melhores fotos da natureza fazem parte do banco de imagens da Nat Geo. Confira os anúncios:

Selfie5

Selfie4

Selfie3

Selfie2

Selfie1

Leia Mais

Fotógrafos colocam animais no metrô de Paris

publicado no Plugcitários

Metrô, por mais que todos os dias algo de diferente esteja acontecendo, a sensação de rotina nas estações e nos trens se torna inevitável com o passar do tempo. A grande questão é: como driblar isso?

Dois fotógrafos, Thomas Subtil e Clarisse Rebotier, tiveram a ideia de trazer algo inusitado para esse cenário tão rotineiro. Animais! Sim, animais selvagens. Coisa que você com certeza nunca havia visto dessa forma em um metrô. E assim, criaram a exposição “Animetrô”. Um conjunto de fotos bastante divertidas, que colocam os animais ali, junto das pessoas no metrô. “Queremos que as pessoas sonhem e pensem que estão em outro lugar”, disse a fotógrafa em entrevista à BBC Brasil.

4u7hqcq2fb9jf4km0ljo2ldsl

4ut69dhbk18vawkpjxvtqcqmp

7rywrq4d90qd3ytvm5uiywjdb

8hpqfe33wl3j3mvxp2p2opwe8

48814bbbn2j3ngqhw4nes9hfx

140406195229_animetro4

escola-focus-Animetrô

aiio88p276gw6tdejkp173bpr (contando claro, com o grande talento dos fotógrafos.) Confira abaixo:

Leia Mais