Lauriete e Magno Malta finalmente assumem o namoro

título original: Deputada e senador Magno assumem namoro em Tocantins

Publicado no site da Agência Congresso

O que todo muito comenta no ES e Brasília há mais de seis meses, acabou sendo confimado em Tocantins, num encontro evangélico.

Lá o senador Magno Malta (PR) e a deputada federal Lauriete Almeida (PSC) assumiram o relacionamento amoroso, conforme noticiam sites de lá:

Foram tratados inclusive como casados.Na última segunda-feira o casal acabou atrasando um vôo da Gol que saia de Vitória porque não apareceram.

Os dois tem viajado juntos constantemente e desenvolvidos ações políticas conjuntas. Magno deve apoiar a reeleição de Lauriete em 2014

Lauriete foi eleita com 69.818 votos, numa eleição dificil para a Câmara Federal. Segundo o site http://musica.gospelmais.com.br, Lauriete se dirvorciou há quatro meses.

Cantora gospel, foi casada por 20 anos com Reginaldo Almeida, político e pastor evangélico. Muito bonita, é dona de uma voz impecável.

Em 27 anos de carreira, já gravou 24 CDs. Lauriete se destaca no meio gospel capixaba, nacional e internacional.

Ao longo de sua carreira, conquistou alguns prêmios como discos de ouro e de platina. Magno anda rindo à toa.

Os dois já pensam em morar juntos e tem feitos diversas visitas a municípios do Brasil – menos ES – O senador admite que deseja concorrer a presidência da República em 2014.

Neste mesmo ano ele pretende apoiar a reeleição do governador Renato Casagrande (PSB-ES).

Mas em 2018 quer concorrer ao governo capixaba, o que mostra que nem ele mesmo acredita em sua eleição para a vaga de Dilma.

O casal foi a Tocantins, dia 10 do mês passado, apoiar o candidato tucano a prefeito de Porto Nacional, Otoniel Andrade (foto)

Ele acabou eleito com 10.184 votos, e derrotou o segundo colocado, Paulo Mourao (PT), com 8.312, 29,40% votos e Clyeton Maia (PMDB) com 7969 votos.

Mas a eleição foi tumultuada. Segundo a imprensa local, o candidato eleito foi acusado de compra de votos e até invasão de residências.

dica da Rina Noronha

refrescando a memória:

durante a conturbada separação da cantora-deputada, magno malta chamou o ex-marido dela de “canalha, vagabundo e nojento”. o irmão de lauriete foi contratado no gabinete do pagodeiro, assim como aconteceu antes com músicos de sua banda.

depois é só mandar um “grandioso és tu” na tribuna que fica tudo certo, neam…

Leia Mais

Paulo Maluf: Por ser um homem sério, Marin trabalhou comigo

O cartola José Maria Marin guarda no bolso uma medalha de campeão
da Copa São Paulo de 2012 (foto: Reprodução)

Eliano Jorge, no Terra Magazine

O deputado federal Paulo Maluf, do PP-SP, avaliza a chegada de seu amigo e antigo vice José Maria Marin à presidência da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

- Ele é um homem muito competente – garantiu, em conversa com Terra Magazine. – Exatamente por ser um homem sério é que ele trabalhou comigo, se não ele não trabalharia comigo. Ainda convivo com ele. É um homem ligado ao esporte, ligado ao futebol desde criança. Está com 79 anos, tem um serviço prestado ao esporte brasileiro.

renúncia de Ricardo Teixeira foi anunciada pelo substituto nesta segunda-feira (12), após desgaste provocado por escândalos que envolvem o nome do ex-presidente. O estatuto da CBF determina que assuma o cargo o mais idoso entre os cinco vice-presidentes da entidade.

- O fato de o Ricardo Teixeira ter renunciado não é problema meu nem seu. Agora, se você pergunta sobre o Marin, convivo com ele há 50 anos. É um homem honrado, corajoso, ele enfrentou a ditadura militar sendo candidato a vice-governador comigo, contra o candidato oficial do Planalto. Não tenho nenhuma restrição a ele, ao contrário, só elogios, pode colocar aí – opinou Maluf.

Além de comandar a Federação Paulista de Futebol na década de 1980, Marin substituiu Maluf no governo em 1982.

- Foi, inclusive, jogador profissional na sua juventude, no São Paulo Futebol Clube. Foi presidente da Câmara de Vereadores, foi deputado em diversos mandatos, foi vice-governador. Ele tem uma vida dedicada ao futebol – acrescentou Maluf.

O novo presidente da CBF virou notícia neste ano, ao ser flagrado pela TV Bandeirantes, guardando no bolso da calça uma das medalhas de campeão da Copa São Paulo, enquanto participava da cerimônia de premiação dos jogadores do Corinthians.

- Com todo respeito à mídia, foi uma exploração indevida. Ninguém precisa ficar com uma medalhazinha de bronze, escondido, sendo presidente da CBF. Isso foi uma exploração. Disseram que a medalha era de ouro, não tem medalha de ouro. Quem fica com uma medalha de bronze a não ser por recordação? Se ele tivesse pedido, teriam dado uma dúzia a ele – reclamou o amigo.

Leia Mais