Arquivo da tag: Fio

Igreja de Marcos Pereira publica nota de apoio ao pastor, condenado pela Justiça

Foto: Divulgação / Igreja Assembleia de Deus dos Últimos Dias

Foto: Divulgação / Igreja Assembleia de Deus dos Últimos Dias

Publicado no Extra

Mesmo após ser condenado a 15 anos de prisão por estupro de fiéis, Marcos Pereira continua com amplo apoio dentro de sua igreja a Assembleia de Deus dos Últimos Dias (ADUD). A organização publicou, nesta sexta-feira, uma nota de solidariedade ao pastor, em que cita supostas irregularidades da decisão judicial e reitera que o pastor está sendo vítima de calúnias.

No texto, divulgado nas redes sociais, a ADUD afirma que o processo que culminou na condenação se deu de maneira irregular e que, portanto, cabe recurso e até anulação. De maneira enfática o autor da nota afirma: “Se antes nosso Pastor estava “PRESO SEM PROVAS”, agora ele foi (em primeira instância) “CONDENADO SEM PROVAS”.”

Ao final, a mensagem compara Marcos Pereira aos apóstolos e profetas que, pelos relatos bíblicos, “também foram perseguidos, experimentaram escárnios e açoites, e até cadeias e prisões. Foram apedrejados, serrados, tentados, mortos ao fio da espada, desamparados, aflitos e maltratados. Homens dos quais o mundo não era digno”.

Leia abaixo a nota na íntegra:

“Fomos surpreendidos pela sentença de condenação do nosso Pastor Marcos Pereira divulgada nesta quinta-feira pela Segunda Vara Criminal de São João de Meriti-RJ.

Ressaltamos que esta condenação se deu em primeira instância, e, portanto, não é definitiva, cabendo recursos e até a anulação da mesma, tendo em vista as contradições na condução do processo que não está na fase de Transitado e Julgado. Confiamos na verdade, que a inocência do nosso Pastor será provada.

O conteúdo da sentença diz que nosso Pastor foi condenado com base nos depoimentos de supostas vítimas, sem que nenhuma prova fosse apresentada. Se antes nosso Pastor estava “PRESO SEM PROVAS”, agora ele foi (em primeira instância) “CONDENADO SEM PROVAS”.

Esta condenação não apaga as DIVERSAS ILEGALIDADES cometidas na condução do inquérito e do processo, além do cerceamento de defesa de que nosso Pastor está sendo vítima.

Provas ilegais, tentativa de coação de testemunhas gravada, suposta vítima que revelou em juízo que foi coagida a depor contra o Pastor, mas que, na verdade, nunca foi estuprada, a exposição exagerada e imediata na mídia e a parcialidade nas investigações são fatos que põem em xeque a real situação do processo legal.

Confiamos em Deus. Ele é nosso refúgio e fortaleza nos momentos de angústia. ESTAMOS COM NOSSO PASTOR MARCOS PEREIRA, SABEMOS QUE ELE É INOCENTE. Seguimos a obra de Deus com humildade, paciência e esperança. A campanha EU AMO MEU PASTOR está de pé.

Nosso mestre Jesus foi condenado. Basta ao discípulo ser como seu mestre. Pastor Marcos Pereira, tu és homem de Deus, Ungido do Senhor. Guardadas as devidas proporções, os profetas e apóstolos também foram perseguidos, experimentaram escárnios e açoites, e até cadeias e prisões. Foram apedrejados, serrados, tentados, mortos ao fio da espada, desamparados, aflitos e maltratados. Homens dos quais o mundo não era digno.

FORÇA ADUD, FORÇA PASTOR MARCOS PEREIRA, AS SUAS OVELHAS CONHECEM O SEU PASTOR!”

ADUD2

Candidatura de Marina Silva está por um fio

Marina-Silva

Por Ilimar Franco, no O Globo

A candidatura de Marina Silva está por um fio. Seus aliados jogaram a toalha. Não creem mais na criação da Rede. A data limite, fixada pelo partido, para garantir a burocracia, se encerrará na quinta-feira.

Nem a metade das assinaturas foram certificadas. As portas do PV estão fechadas e seu principal aliado, Fernando Gabeira, se retirou da política. Sondado, o PPS está à espera de José Serra.

Hálito das ruas produz bom senso na Câmara

PEC37JoseCruz

Josias de Souza, no UOL

A Câmara acaba de rejeitar a PEC 37 –aquela proposta de emenda à Constituição que retirava o poder do Ministério Pública de realizar investigações criminais. A proposta obteve apenas 9 votos a favor. Votaram contra 430 deputados. Houve 2 abstenções. Ninguém se animou a defender o projeto.

Há duas semanas, antes que a rapaziada descesse ao meio-fio, era grande, muito grande, enorme o risco de aprovação da proposta. Algo que daria às polícias federal e civil o monopólio da investigação. O deputado Chico Alencar (PSOL-RJ) produziu a melhor explicação para a reviravolta:

“O hálito quente das ruas no cangote da maioria dos partidos os fez ficar contra a PEC 37, levando-nos a essa surpreendente quase unanimidade”. Mais cedo, os deputados já haviam bloqueado o repasse de R$ 43 milhões para a Copa. De novo, o bafo.

Mais do que soprar, a multidão que tomou a ruas mostrou os dentes. O brasileiro sempre foi visto como cachorro que não morde. Há muito tempo deixara de abanar o rabo. De repente, foi ao asfalto para distribuir mordidas. Os congressistas estão com medo. “Vai ao arquivo!”, acaba de anunciar o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves.

4 coisas básicas do dia a dia que você provavelmente faz errado

Vinícius Giba, na Mundo Estranho

1. Fazer cocô.

Fazer cocô sentado nas privadas modernas causa problemas que não ocorrem com quem faz agachado.

Além da ~trava consciente~~ que usamos para não fazer cocô a qualquer momento, temos um músculo em torno do reto que ajuda a impedir a saída do bolo fecal. Essa ajuda depende do ângulo entre o nosso tronco e nossas pernas. Quando estamos de pé, ele fecha a saída. Quando sentamos, libera um pouco, mas não o suficiente. Quando agachamos, aí sim!, ele abre a passagem de verdade.

Fazer sentado retém um pouco de cocô lá dentro. Com a idade, isso causa – entre outras doenças – as desconfortáveis hemorróidas!


Sentado x agachado. Crédito da imagem: Reprodução/http://www.relfe.com/toilet_seat_constipation.html

2. Dormir

Dormir 8 horas por dia é uma coisa relativamente nova. Famílias ~pré-lâmpadas~~ tinham o sono dividido em partes durante a noite. Especialistas desconfiam que essa seja a causa do alto nível de insônia dos dias atuais.


Como todos sabem, nosso cérebro regula nosso sono a partir da luz do ambiente.

Sem TV, iluminação, Nintendo 64 ou telefones, a vida noturna antes da eletricidade tendia bastante ao sono. Assim, famílias iam dormir pouco depois de anoitecer, acordavam naturalmente antes da meia-noite e matavam tempo por mais ou menos uma hora. Porém, como o mundo continuava escuro, o sono voltava e eles dormiam de novo. Levantavam na hora do nascer do sol.

Aquela acordada que damos no meio da madrugada tem suas raízes nessa história.

3. Escovar os dentes

Passar fio dental é mais importante que escovar os dentes – não é só um opcional extra.

Explicando melhor: após comer, a acidez da comida deixa os dentes um pouco mais vulneráveis. Escovar os dentes com muita força nesse momento pode ser prejudicial. Dentistas estão passando a aconselhar um certo intervalo entre a refeição e a escovação e fazê-la de forma mais leve, focando nas gengivas. O fio dental cai como uma luva nessa situação: remove a comida+bactérias entre os dentes (lugar bem legal para elas) e não os agride tanto.

4. Sentar

Sentar é pior para a coluna do que ficar de pé ou andar. Mas já que a gente tem que ficar muito tempo sentado, umas dicas: a) O encosto ideal tem 135 graus de inclinação e não os tradicionais 90. b) Bancos sem encosto também ajudam bastante. c) Levante a cada 30 ou 40 minutos. Isso vai te poupar bastante dor no futuro.

Frases da Libélula

b6628b3265a6ada420656d28dd5b44db3826ccae_m1

Juliana Dacoregio

“Há pessoas que são assassinadas quando forçadas a existir.”

“Aproximaram-se cada vez mais. Suas personalidades combinavam. Até que um dia ambas assumiram a responsabilidade de ser uma a melhor amiga da outra. Fio tivera outros amigos antes de Zora, pois todo mundo tem amigos. Tinha também uma torradeira; nem todo mundo tem uma torradeira.”

“Não podemos nos defender da admiração, não podemos desconfiar de quem gosta de nós, é uma guerra da qual sairemos sempre perdedores.”

“A admiração embute um canibalismo sublimado.”

“Ser chamado pelo nome por um estranho transmite sempre a sensação de não se pertencer mais a si mesmo.”

“Somente aqueles que sempre dispuseram de tudo é que sonham com uma vida aventureira e excepcional em que tudo se escreve com maiúsculas.”

“Ela carregava a energia de todos os relâmpagos que ela sabia possuir dentro de si, e, sem nenhuma dúvida, estava convencida de que participava da tempestade, em pé de igualdade com as grandes nuvens escuras.”

Estas são algumas das muitas frases marcantes do romance A Libélula de seus Oito Anos, de autoria do francês, Martin Page. Minha opinião e minhas costumeiras epifanias (viagens) sobre o livro estão lá no Amálgama, portanto acessem, não fiquem só aqui dando Ctrl + C nas frases legais.

Vai lá => Atraída pela capa, fisgada pela história

fonte: Paperback Writer Girl