Arquivo da tag: folha

Ator de “Chaves” terá museu no México


Roberto Gómez Bolaños, ator protagonista do seriado “Chaves” terá museu em sua homenagem no México

Publicado originalmente por ANSA [via Folha de S.Paulo]

A partir do próximo ano, o México terá um museu em homenagem ao comediante Roberto Gómez Bolaños, conhecido no Brasil por seu famoso personagem Chaves.

De acordo com o diretor do grupo Chespirito, empresa promotora dos produtos vinculados à imagem do ator, Luis Arnau, o museu será construído na capital mexicana e terá uma réplica do cenário da série “Chaves”.

O local contará também com um dos barris originais, o figurino dos atores, além de fotografias e outros objetos da série mexicana.

Segundo Arnau, o acesso ao público será gratuito e os visitantes poderão conhecer os apartamentos do personagem Seu Madruga e de Quico e dona Florinda.

“Roberto Gómez não queria o museu, pois não acredita que alguém verá sua obra. Nós, no entanto, dissemos para ele que será o contrário”, disse Arnau.

Pastores da Universal chefiam a campanha do líder Russomanno

Diógenes Campanha, na Folha de S.Paulo

Integrantes da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd) comandam a campanha de Celso Russomanno à Prefeitura de São Paulo.

No “núcleo duro” da candidatura estão o presidente nacional da legenda, Marcos Pereira, bispo licenciado da igreja e coordenador da campanha, e o pastor Vinicius Carvalho, presidente estadual do PRB, responsável pela agenda do candidato e também licenciado da Iurd.

Outros dois integrantes da igreja ocupam cargos executivos: o tesoureiro Aildo Rodrigues Ferreira e o jornalista Edson Pedroso, que assumiu a coordenação logística do comitê de Russomanno após deixar o escritório da TV Record em Nova York.

A emissora pertence ao bispo Edir Macedo e abrigou Russomanno em um quadro de defesa do consumidor.

“Ele já estava negociando com a Record antes de vir para o partido”, diz Marcos Pereira, que afirma ter convidado Russomanno para se filiar ao PRB em junho de 2011.

Pereira foi vice-presidente da Record antes de ser presidente do PRB: “Mas também sou professor de direito e mestrando da PUC, a Pontifícia Universidade Ca-tó-li-ca”.

Aliado de Geraldo Alckmin e ex-advogado de Macedo, o deputado estadual Campos Machado, presidente do PTB paulista comanda o “conselho político” da campanha.

Machado foi procurado por Pereira depois de ter negociado com o PMDB de Gabriel Chalita e o PT de Fernando Haddad. Foi encorajado por tucanos a apoiar do PRB.

Na época, os apoiadores de José Serra quiseram impedir a adesão do PTB a Chalita.

Segundo o Datafolha, Russomanno lidera com 35%. Serra tem 21% e Chalita, 7%.


Editoria de arte/Folhapress

Homem ganha R$ 200 mil na TV e gasta tudo em 4 meses para não dividir com ex

publicado no F5

O inglês Scott Brown, 33, ganhou R$ 200 mil em um programa da televisão britânica, “Deal or No Deal”, e decidiu não dar um tostão para a mulher, de quem estava separado.

Ele tinha apenas quatro meses, antes de o programa ir ao ar, para torrar o dinheiro.

Brown disse que primeiro usou R$ 60 mil para quitar débitos dele e da mulher, Rachel, 29, com quem tem dois filhos, de seis e dois anos. Ele ainda reservou R$ 8.000 para cobrir gastos com o divórcio, além de comprar roupas, brinquedos e objetos para os filhos.

O resto, admitiu ao jornal “Daily Mail”, ele gastou se divertindo. Comprou um iPad, passou férias no México e comprou um Jaguar usado.

A última parte do dinheiro ele usou dias antes de seu próprio prazo, 21 de agosto, para pagar um curso de eletricista e começar uma nova carreira.

Como ele já havia suspeitado, a mulher, que havia pedido a separação no Natal do ano passado, após conhecer um caminhoneiro na internet, pediu parte do dinheiro quando assistiu o marido ganhá-lo na televisão.

Ela entrou na Justiça com um pedido de parte da pequena fortuna ganha pelo marido.

Um juiz determinou na quinta-feira passada que Brown escreva uma carta detalhando como gastou a quantia. Ele ainda foi impedido legalmente de continuar gastando e manter o dinheiro –ou o que havia sobrado dele– parado até que o caso se resolvesse.

Após ser ouvido no tribunal, Brown disse ao jornal como participar do programa mudou sua vida.

“Fiquei superfeliz de ganhar aquele dinheiro. Eu soube que Rachel poderia querer parte dele e eu decidi: ‘Ela não vai ganhar um tostão’.”

O homem contou que a mulher disse no ano passado que não o amava mais e que, na época que participou do game show, ele havia saído de casa e estava dormindo no chão na casa de seus pais.

“Como ela pode ter direito sobre esse dinheiro? Minha vida foi arrasada, não posso ver meus filhos todos os dias e perdi tudo que construí nos últimos onze anos”, disse.

Gostaria que tivesse uma igreja em cada quarteirão, diz Russomanno

Celso Russomano, cadidato a prefeito em São Paulo – Foto: Fernando Donasci/UOL

Publicado por UOL

O candidato à Prefeitura de São Paulo Celso Russomanno (PRB) disse que, se for eleito, gostaria de “uma igreja em cada quarteirão”. A afirmação foi feita durante a sabatina Folha/UOL realizada nesta quarta-feira (22).

“Vou preservar todas as igrejas, regularizando a situação delas, e gostaria que em cada quarteirão houvesse uma igreja pregando o amor ao próximo”, disse.

Para Russomanno, a linha religiosa das pessoas evita mortes e crimes. “As pessoas não matam ou roubam porque a lei proíbe, mas porque têm uma linha religiosa. Existe igreja porque a população é temente a Deus, porque a população acredita”, declarou.

Russomanno também afirmou que o deputado federal e ex-prefeito Paulo Maluf (PP) não é seu padrinho político. “Ele [Maluf] não é meu padrinho [político], nunca foi e nunca será”, disse.

A firmação foi feita após a colunista da “Folha de S.Paulo” Barbara Gancia dizer que Russomanno “aprendeu com seu padrinho Maluf a não responder às perguntas”.

Segundo a jornalista, o candidato não respondeu objetivamente à questão sobre qual seria sua “primeira canetada” à frente da prefeitura caso fosse eleito.

Russomanno, porém, queria discorrer sobre seus planos para a saúde. “O senhor quer comandar o debate, mas nós é que faremos isso. Pedimos para que o senhor seja mais objetivo”, disse Maurício Stycer, repórter especial do UOL.

Em 1997, Russomanno deixou o PSDB  e filiou-se ao PPB, que mais tarde virou PP. Ele foi candidato ao governo do Estado de São Paulo em 2010 e, no ano seguinte, saiu do PP após divergências com Maluf. Filiou-se, então, ao PRB, partido ligado à Igreja Universal do Reino de Deus, para disputar a prefeitura.

Russomanno afirmou que não é um candidato populista. “Eu sou o candidato que tem feito propostas de pé no chão. Sem nada mirabolante”, afirmou.

Museu em Cancun reúne esculturas no fundo do mar

Publicado por F5

O Museu Subaquático de Arte (Musa) está localizado nas águas cristalinas de Cancun, no México.

Aberto desde o ano passado, o museu reúne mais de 400 esculturas feitas de concreto e fibra de vidro, numa mistura que não agride o oceano.

O escultor Jason deCaires Taylor é o responsável pelas obras que visam atrair turista sem prejudicar a conservação do local.

Trata-se do primeiro museu subaquático do mundo e suas obras estão localizadas a pouco mais de 8 metros de profundidade.

Mergulhador trabalha em uma escultura do “Museu Subaquático de Arte”

O “Musa” está localizado nas águas cristalinas de Cancún, no México

O objetivo é aumentar os visitantes aos recifes naturais do Parque Nacional Costa Ocidental de Isla Mujeres, Punta Cancún e Punta Nizuc

Segundo os idealizadores do museu, as obras mergulhadas no fundo do mar são a melhor maneira de conservar e aumentar o atrativo turístico do local

Continue lendo