Conteúdo marcado como fraqueza

Ver o seu time de futebol perder piora seu desempenho no trabalho

Ver o seu time de futebol perder piora seu desempenho no trabalho
Se o domingão não ajudou o seu time, pode avisar o chefe que amanhã você não vai render. Ana Carolina Leonardi, na Superinteressante Domingo é dia de futebol. Segunda-feira é dia de tristeza. Isso todo mundo já sabe – mas para os torcedores fanáticos, essas duas frases estão conectadas, de acordo com um novo estudo da Universidade de Tessalônica. Na Grécia, assim como no Brasil, domingo é o dia que […]

Lamentos, lágrimas e cinzas

Lamentos, lágrimas e cinzas
Ricardo Gondim Ezequiel, o profeta bíblico, comeu um livro repleto de lamentos, prantos e ais. Depois de encher a barriga, afirmou: Eu o comi, e na boca me era doce como mel. [3.3]. Como pode um livro de lamentos ser doce na boca de alguém? Muito estranho alguém gostar de prantear. Ezequiel precedeu a fala de Jesus: Felizes – bem-aventurados – o que choram porque eles serão consolados. Os que […]

O que me ofende

O que me ofende
Contardo Calligaris, na Folha de S.Paulo Domingo passado, nas páginas da “Ilustríssima”, houve um debate (imperdível) entre Slavoj iek e João Pereira Coutinho. iek começou bem, mas terminou repetindo uma das mais persistentes trivialidades culturais dos últimos dois séculos: o Ocidente é hoje decadente, faltam-lhe valores –por isso, ele só poderia ser salvo por uma nova esquerda radical, animada por ideais fundamentais. Que cansaço. Não precisamos de fundamentalismo, novo ou […]

O corpo (negro caído no chão) é templo do Espírito Santo

O corpo (negro caído no chão) é templo do Espírito Santo
Lembrai-vos dos prisioneiros, como se vós fôsseis prisioneiros com eles, e dos que são maltratados, pois também vós tendes um corpo. — Hebreus 13:3 Vamos às atividades do dia Lavar os copos, contar os corpos. — Criolo Ronilso Pacheco, no Novos Diálogos O capítulo 25 do Evangelho de Mateus, com esta perigosa perícope de 31 a 46, não é uma passagem comum, não é um recurso meramente pedagógico para falar […]

Renascer como fênix

Renascer como fênix
Ricardo Gondim Os vivos albergam três inimigos que podem surpreender nas madrugadas insones: fracasso, impotência e culpa. Quem lida mal com as próprias inadequações sofre horrores. A percepção da fraqueza existencial, faca de dois gumes, tanto ajuda como destrói. Quem reluta contra sua condição frágil arquejará, invariavelmente, sob o peso de seus erros. Exigências sociais também podem deixar qualquer um como peixe fora d’água, arfando. Não há fadiga mais debilitante do […]