Religião e alucinação

GALHO SECO

Ricardo Gondim

Tenho muita pena dos crédulos. Chego a chorar por mulheres e homens ingênuos; os de semblante triste que lotam as magníficas catedrais, na espera de promessas que nunca se cumprirão. Estou consciente de que não teria sucesso se tentasse alertá-los da armadilha que caíram. A grande maioria inconscientemente repete a lógica sinistra do “me engana que eu gosto”.

Se pudesse, eu diria a todos que não existe o mundo protegido dos sermões. Só no “País da Alice” é possível viver sem perigo de acidentes, sem possibilidade da frustração, sem contingência e sem risco.

Se pudesse, eu diria que não é verdade que “tudo vai dar certo”. Para muitos (cristãos, inclusive) a vida não “deu certo”. Alguns sucumbiram em campos de concentração, outros nunca saíram da miséria. Mulheres viram maridos agonizar sob tortura. Pais sofreram em cemitérios com a partida prematura dos filhos. Se pudesse, advertiria os simples de que vários filhos de Deus morreram sem nunca verem a promessa se cumprir.

Se pudesse, eu diria que só nos delírios messiânicos dos falsos sacerdotes acontecem milagres aos borbotões. A regularidade da vida requer realismo. Os tetraplégicos vão ter que esperar pelos milagres da medicina – quem sabe, um dia, os experimentos com células tronco consigam regenerar os tecidos nervosos que se partiram. Crianças com Síndrome de Down merecem ser amadas sem a pressão de “terem que ser curadas”. Os amputados não devem esperar que os membros cresçam de volta, mas que a cibernética invente próteses mais eficientes.

Se pudesse, eu diria que só os oportunistas menos escrupulosos prometem riqueza em nome de Deus. Em um país que remunera o capital acima do trabalho, os torneiros mecânicos, motoristas, cozinheiros, enfermeiras, pedreiros, professoras, terão dificuldade para pagar as despesas básicas da família. Mente quem reduz a religião a um processo mágico que garante ascensão social.

Se pudesse, eu diria que nem tudo tem um propósito. Denunciaria a morte de bebês na Unidade de Terapia Intensiva do hospital público como pecado; portanto, contrária à vontade de Deus. Não permitiria que os teólogos creditassem na conta da Providência o rio que virou esgoto, a floresta incendiada e as favelas que se acumulam na periferia das grandes cidades. Jamais deixaria que se tentasse explicar o acidente automobilístico causado pelo bêbado como uma “vontade permissiva de Deus”.

Se pudesse, eu pediria as pessoas que tentem viver uma espiritualidade menos alucinatória e mais “pé no chão”. Diria: não adianta querer dourar o mundo com desejos fantasiosos. Assim como o etíope não muda a cor da pele, não se altera a realidade, fechando os olhos e aguardando um paraíso de delícias.

Estou consciente de que não serei ouvido pela grande maioria. Resta-me continuar escrevendo, falando… Pode ser que uns poucos prestem atenção.

Soli Deo Gloria

fonte: site do Ricardo Gondim

imagem: internet

Leia Mais

“Que idiotice é essa, Neuza Itioka? Não tem temor a Deus?”

No dia 8 de outubro, a apóstola postou em sua fan page:

Minha gente querida.

Vamos para o segundo turno com o Serra. Lembra Ciro de Deus? Isaias 45 fala dele. Serra 45.

Cuidado com quem se assemelha com ao perseguidor de Israel.

Neuza Itioka

A galera não curtiu muito a ~teologia~ dela e protestou na página do Facebook. Confiram alguns trechos de comentários:

  • fazer analogias com a Bíblia é brincadeira, ainda mais comparar Serra…. É por estas e outras que concordo cada vez mais com Phillip Yancey em uma das usas frases: “Quanto mais a igreja se aproxima da política, mais se afasta de Deus”. Deus não tem partido, ama o pecador e odeia o pecado. Deus não é psdbista e nem petista…
  • Como assim???? Serra = Ciro???? PSDB 45 = Isaias 45????? Na verdade, em Isaias 44:28 que começa a falar sobre Ciro. Qual é o partido 44?
  • não use de textos bíblicos para enganar os cristãos que possuem pouco conhecimento bíblico, pois quem usa destes meios são as grandes seitas!
  • usar de numerologia gospel pra falar que a Palavra de Deus apoia o governo Serra, a fim de angariar votos dos crentes?!
  • Mais uma da Itioka… depois de 2010, onde ela acusou sem provas o então candidato a vice presidente Michel Temer de ser satanista… Neuza… neuza… você precisa de oração!
  • é por essa e outras mais que o evangelho no Brasil é motivo de piada… numerologia, macumba gospel… e vários ingenuos caindo na ladainha dessa dona…
  • Tô boba, escandalizada, de vê-la ficar usando verso bíblico totalmente fora de contexto p justificar candidato! Q idiotice é essa??? Nao tem temor a Deus nao????????

dica do Sidnei Carvalho de Souza

bem interessante (e alvissareiro) ver que esse tipo de patacoada gospel ñ encontra ressonância. lição bem interessante p/ os que se julgam (de)formadores de opinião do rebanho.

Leia Mais