Arquivo da tag: inglaterra

Adolescente em estado terminal arrecada mais de R$ 3,7 mi para caridade

10308285_773011666043888_8568838157692314579_n

Publicado na BBC Brasil

Um blogueiro britânico de 19 anos com câncer terminal arrecadou 1 milhão de libras (R$ 3,7 milhões) para a caridade e postou uma última mensagem para seus seguidores.

Quando Stephen Sutton foi diagnosticado com câncer de intestino aos 15 anos, ele começou a levantar fundos para a Teenage Cancer Trust, instituição na Grã-Bretanha dedicada à adolescentes com câncer.

Na terça-feira, Sutton postou no Facebook: “Esta é minha última mensagem. Acho que já fui muito longe.”

Em reação à notícia de que o total de arrecadações ultrapassou 1 milhão de libras, Sutton tuitou: “Muito obrigado à todos”.

“Essa situação é de tirar o folêgo de várias maneiras!”, ele adicionou.

Dezenas de pessoas responderam dando parabéns, incluindo uma que descreveu Sutton como uma “verdadeira inspiração”, enquanto outra disse que ele tinha “mudado a vida de milhares de pessoas”.

No dia anterior ele disse à seus milhares de amigos e seguidores no Facebook que aquele seria seu último post e que qualquer novidade viria de seus familiares.

Ele escreveu: “É uma pena que o fim tenha chegado tão de repente. Há tantas pessoas à quem eu não consegui agradecer ou dizer adeus. Me desculpem por isso.”

“Eu continuarei lutando enquanto eu conseguir, e o que quer que aconteça em seguida, eu quero que vocês todos saibam que eu estou mentalmente bem, e em paz com a situação.”

“Isso é tudo. Mas a vida tem sido boa. Muito boa.”

As mensagens de terça-feira fizeram com que as pessoas doassem mais de 250 mil libras durante a noite e mais 200 mil libras na quarta-feira de manhã.

Sutton criou uma lista de desejos que ele gostaria de realizar antes de morrer para ajudar a levantar fundos e dar à outras pessoas a motivação para “aproveitar a vida”.

Entre os vários desejos que conseguiu realizar estavam tocar bateria para 90 mil pessoas, abraçar um elefante e fazer uma tatuagem.

Na Inglaterra, ‘Noé’ tem sessão cancelada por inundação

Fato inusitado aconteceu em um cinema localizado na cidade de Exeter

 Exibição de 'Noé' foi interrompida por inundação em um cinema da Inglaterra (foto:  Divulgação)


Exibição de ‘Noé’ foi interrompida por inundação em um cinema da Inglaterra
(foto: Divulgação)

Publicado em O Dia

Um cinema localizado na cidade de Exeter, na Inglaterra, teve a primeira exibição do filme “Noé” – que traz conto bíblico de um dilúvio que devastaria o mundo e a construção de uma arca para salvar alguns animais e humanos – foi cancelada após ironicamente uma de suas salas ficar inundada.

Segundo o site “Exeter Express & Echo” a causa da inundação foi uma pane no sistema hidráulico do cinema. Alguns internautas brincaram com o fato e o ironizaram nas redes sociais.

O longa “Noé” que foi dirigido por Darren Aronofsky (“Cisne Negro”), é baseado na história bíblica da Arca de Noé, e tem como protagonista o ator Russell Crowe que recebe uma missão divina antes de uma enchente apocalíptica destruir o mundo. A atriz Emma Watson também está no filme.

dica do Ailsom Heringer

Menino de 2 anos liga para a ambulância e salva vida da mãe

Riley, de 2 anos, no colo da mãe, Dana Henry Foto: BBCBrasil.com

Riley, de 2 anos, no colo da mãe, Dana Henry
Foto: BBCBrasil.com

Publicado no Terra

IO pequeno Riley foi condecorado por bravura pela polícia de do condado de Laicestershire, na Inglaterra.

Mesmo tendo só dois anos de idade, ele salvou a vida de sua mãe ao ligar para o serviço de emergência depois que viu ela desmaiar em casa.

Dana Henry foi levada ao hospital, onde passou por uma cirurgia de emergência para conter uma hemorragia em seu ovário.

Ela havia ensinado Riley a fazer a ligação, mesmo assim ficou surpresa quando o menino colocou os ensinamentos em prática.

 

Funcionária do Subway seca meias e luvas em forno de assar pães

Britânica publicou foto de seus itens encharcados dentro do equipamento que aquece os lanches da rede de fast food

Publicado no iG

Funcionária do Subway publica foto no Instagram com meias e luvas úmidas no forno da rede

Funcionária do Subway publica foto no Instagram com meias e luvas úmidas no forno da rede

Uma funcionária da rede de fast food Subway tornou-se alvo de uma investigação da empresa após ter postado na internet uma foto com suas meias e luvas úmidas postas para secar no forno de pão do restaurante.

O caso aconteceu na cidade de Worcester, Inglaterra, segundo noticiou o jornal britânico Daily Mail.

Alice Skykes, de 25 anos, publicou no Instagram imagens de um par de meias encharcado e as luvas pretas estendidas sobre a prateleira de metal usada para assar os pães dos clientes.

Mas as fotos foram removidas da rede social depois que Jessica Hinton, uma cliente da loja do Subway naquela região, reclamou do ocorrido na internet. Como pedido de desculpas, a rede ofereceu a ela tickets de refeição no dia seguinte.

A cliente também recebeu uma mensagem particular no Facebook da funcionária, que se desculpou dizendo que sua chefe “não pensou que seria justo que ela tivesse pés úmidos por um turno de nove horas de trabalho”.

Sykes tentou ainda justificar suas ações afirmando que foi algo incomum e insistiu que o forno foi higienizado após secar seus itens nele.

“Nós nos esforçamos para ter o forno limpo diariamente e temos inspeções mensais que provam que eu e minha chefe estamos muito arrependidas por tudo e esperamos que você aceite nossa oferta”, escreveu a funcionária à cliente na internet.

dica do Fabio Martelozzo Mendes

Igreja Jedi é a 7ª maior religião da Inglaterra

geek-jedi-igreja

Publicado no Geek Cafe

A saga Star Wars ganhou um público de um patamar um tanto inusitado, afinal no último censo da Inglaterra, 175.000 pessoas informaram que são adeptos da Igreja Jedi, isso mesmo, Jedi! Bem, podemos dizer que é no mínimo estranho, certo?

A Igreja Jedi está em todos os lugares do mundo,  na República Checa são 15.000 membros, na Austrália já são em 65.000, Canadá tem 9.000 cavaleiros e aqui no Brasil não temos números, afinal o nosso censo não considera como religião.

Um dos “Cavaleiros Jedi”, o americano e ex-soldado do Iraque, Ally Thompson concedeu uma entrevista ao Details Magazine dizendo que os eles não adoramYoda e explicou como funciona:

Não, nós não adoramos o Yoda e a telecinese não é algo que fazemos. Pelo menos não como nos filmes. Mas não posso negar que a Força está muito presente em nossos ensinamento! Algumas pessoas chamam essa Força de mágica, mas para a maioria é uma energia que vem da mente.

Os encontros são virtuais ou em lugares pré-determinados, porque os membros não tem um local físico da Igreja. Imagine uma convenção de Star Wars, só que com um detalhe, eles não estão lá para comentar e celebrar os filmes, mas de como os seres vivo compartilham entre si A Força! E o detalhe mais bizarro, que as pessoas já nascem sabendo oque é certo e errado.

George Lucas, diretor de Star Wars, criou a palavra “jedi” inspirado em “jidaigek”, que é um gênero de filme japonês, das primeiras décadas do século XX, cujos personagens são samurais do período Edo. No filme, os Cavaleiros Jedi são guardiões da paz da República Galáctica interplanetária e tem um código de conduta – num é livro sagrado não tá?!

O que vocês acham?