Arquivo da tag: IURD

Igreja Universal terá que reembolsar e indenizar fiel endividada que gastou R$ 10 mil para ter problemas resolvidos

Igreja Universal é condenada a reembolsar fiel e indenizá-la por danos morais (foto: Bia Guedes / Agência O Globo)

Igreja Universal é condenada a reembolsar fiel e indenizá-la por danos morais (foto: Bia Guedes / Agência O Globo)

Publicado no Extra

A Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) foi condenada pela Justiça a indenizar uma fiel levada a fazer doação para o “Culto da Fogueira Santa”. No processo, a frequentadora da igreja contou que havia depositado uma doação de R$ 10 mil numa conta bancária da igreja na crença de que seus problemas familiares e financeiros seriam resolvidos. A IURD terá que devolver os R$ 10 mil depositados e mais R$ 10 mil referentes a uma indenização moral, sendo os valores acrescidos de juros e correção monetária.

A decisão foi tomada pelo juiz Mario Cunha Olinto Filho, da 2ª Vara Cível da Barra da Tijuca. Na sentença, ele assinalou que a fiel encontrava-se “com o casamento se dissolvendo e, embora devendo cotas de condomínio e a escola dos filhos, resolve, por conta das promessas da ré (IURD), ‘doar’ R$ 10 mil para o ‘Culto da Fogueira Santa’, para ter as prometidas vitórias”.

O juiz acrescentou: “O dinheiro evidentemente não foi para a fogueira, embora possamos dizer metaforicamente que a autora torrou suas verbas: foi evidente para os bolsos dos organizadores da igreja, não sendo de forma alguma desconhecido do público – inclusive diante de inúmeras reportagens jornalísticas – serem escolhidos por critérios que envolvem a capacidade em arrecadação”.

Sobre o assunto, a IURD divulgou a seguinte nota:

“Com referência ao processo 040 2490 10 2009 8.19. 0001, que tramita na 2ª Vara Cível da Barra da Tijuca (RJ), a Igreja Universal do Reino de Deus informa que recorrerá da sentença, por entender que ela atenta às liberdades constitucionais de Crença e de Culto Religioso, além de resvalar em odioso preconceito contra a Universal, seus bispos, pastores e membros. Assim denota a mentirosa e leviana afirmação de que a doação foi “para os bolsos dos organizadores da igreja”, contra a qual serão tomadas as providências judiciais cabíveis.

Além disso, reiteramos que a Universal segue os rigorosos padrões bíblicos no tocante a ofertas e dízimos, onde seus membros e visitantes são convidados a oferecer suas doações “com alegria” e não por obrigação. A pessoa que oferece o faz espontaneamente, como um ato de liberalidade individual”.

BBB: Aline compara Angela a Igreja Universal do Reino de Deus

Aline comparada Angela com a Igreja Universal do Reino de Deus e diz que ambos têm "bom texto". (foto: Reprodução/TV Globo)

Aline comparada Angela com a Igreja Universal do Reino de Deus e diz que ambos têm “bom texto”. (foto: Reprodução/TV Globo)

Publicado no UOL

Aline e Diego estavam sentados na varanda da casa-grande e o brother lamentou que Franciele realmente saiu do “Big Brother Brasil 14″. O carioca achava que a saída de sua namorada era apenas uma estratégia do programa, mas se entristeceu quando percebeu que não era bem assim.

“A Fran foi mesmo. Estranho. Eu achava muito mais forte que a Angela.”

“Eu também. Sem dúvida. O problema é que o texto é muito bom”, comentou Aline.

Diego não entendeu muito bem o que ela quis dizer e a sister esclareceu:

“A Angela tem um texto muito bom. A Franciele é mais coração. Por que você acha que a Igreja Universal do Reino de Deus tem milhões de fiéis e seguidores? O texto é muito bom.”

“Ah, não sei… Só sei dizer que é difícil dizer…”, lamentou o carioca.

Igreja Universal perde quase 230 mil fiéis em dez anos

Fenômeno nos anos 1990, igreja perdeu mais de 10% do seu público

universal-perde-membros

 

Publicado no Estadão

O mundo evangélico pentecostal sofreu mudanças significativas na última década. Fenômeno dos anos 90, a Igreja Universal do Reino de Deus perdeu quase 230 mil fiéis em dez anos, passando de 2,101 milhões para 1,873 milhão. Uma queda de mais de 10%.

No universo chamado neopentecostal (que exclui a Assembleia de Deus, mais tradicional), duas novas igrejas são a maior ameaça à Universal. Segundo técnicos do IBGE, os microdados mostram que a Igreja Mundial do Poder de Deus, do apóstolo Valdemiro Santiago, já arrebanhou 315 mil fiéis. A outra grande dissidência é a Igreja Internacional da Graça de Deus, do missionário R.R.Soares. Ainda não há dados disponíveis sobre o número de fiéis da Igreja Internacional.

Somadas ao fenômeno do crescimento dos evangélicos sem vínculo com igrejas, as novas denominações fizeram diminuir também o número de fiéis de outras igrejas, como a Nova Vida e a Congregação Cristã no Brasil.

Dica da Rina Noronha

Surtado, Edir Macedo amaldiçoa celulares em culto da Universal

reprodução/youtube

reprodução/youtube

Fundador e líder máximo da Igreja Universal do Reino de Deus, Edir Macedo pregava recentemente um estudo sobre o livro de Apocalipse quando o celular de alguém da plateia tocou. Contrariado, o bispo ironicamente chamou atenção do dono do aparelho por interromper a sacralidade do momento. Depois, apelou para imprecações mais teológicas, por assim dizer.

Lembre-se: não adianta mandar consertar o aparelho. Imagine na Copa.

Eis o vídeo:

Se você tem estômago (ou dúvidas se a lambança é verdadeira), aqui está a versão integral do vídeo. A bronca episcopal começa aos 58 minutos.

No Ceará, cabaré processa Igreja Universal

banner_martelo

 

Stella Maris, no Brasilianas.org

Em Aquiraz, no Ceará, dona Tarcília Bezerra construiu uma expansão de seu cabaré, cujas atividades estavam em constante crescimento após a criação de seguro desemprego para pescadores e vários outros tipos de bolsas.

Em resposta, a Igreja Universal local iniciou uma forte campanha para bloquear a expansão, com sessões de oração em sua igreja, de manhã, à tarde e à noite.

O trabalho de ampliação e reforma progredia célere até uma semana antes da  reinauguração, quando um raio atingiu o cabaré queimando as instalações elétricas e provocando um incêndio que destruiu o telhado e grande parte da construção.

Após a destruição do cabaré, o pastor e os crentes da igreja passaram a se gabar “do grande poder da oração”.

Então,  Tarcília processou a igreja, o pastor e toda a congregação, com o fundamento de que eles “foram os responsáveis pelo fim de seu prédio e de seu negócio” utilizando-se da intervenção divina, direta ou indireta e das ações ou meios.”

Na sua resposta à ação judicial, a igreja, veementemente, negou toda e qualquer responsabilidade ou qualquer ligação com o fim do edifício.

O juiz a quem o processo foi submetido leu a reclamação da autora e a resposta dos réus e, na audiência de abertura, comentou:

“Eu não sei como vou decidir neste caso, mas uma coisa está patente nos autos. Temos aqui uma proprietária de um cabaré que firmemente acredita no poder das orações e uma igreja inteira declarando que as orações não valem nada!”.

Este link revela que a história é fruto do tradicional bom humor cearense. :)