Arquivo da tag: Pava

Jovem inova e cria ovo de Páscoa de bacon para celebrar a data

Combinação inusitada mistura o salgado e o doce.
Mixologista ensina como fazer o ovo de bacon.

Ovo também conta com tiras de bacon banhadas no chocolate (Foto: Mariane Rossi/G1)Ovo também conta com tiras de bacon banhadas no chocolate (Foto: Mariane Rossi/G1)

Mariane Rossi, no G1

Os ovos de Páscoa caseiros deixaram de ser tradicionais e estão cada vez mais incrementados. Um mixologista de São Vicente, no litoral de São Paulo, desenvolveu uma receita bastante inusitada. Misturando o doce do chocolate e o salgado do toicinho defumado, Bruno Caldeira Mendes criou o ‘Ovo de Páscoa de Bacon’.

Mendes explica que estava procurando novas receitas na internet. “Resolvi testar o bacon fatiado coberto com chocolate, que foi o que eu tinha encontrado na internet”, explica. Depois, ele encontrou uma receita simples de ovo. “A primeira vez que apareceu uma receita parecida na busca foi de um francês. Testei algumas vezes e deu certo”, conta ele.

Segundo Bruno, para fazer um ovo de bacon é preciso ter cerca de dez tiras de bacon e 210 gramas de chocolate ao leite. Além disso, é necessário ter a forma para ovo de páscoa e também um pincel utilizado em cozinha.

Confira as etapas para fazer o ovo de páscoa de bacon:
1. Coloque as tiras de bacon para fritar na panela, sem óleo.
2. Retire o bacon da frigideira e coloque em um papel toalha para escorrer o óleo e deixar esfriar.
3. Quebre as tiras de bacon fritas em pequenos pedaços.
4. Pegue o chocolate em barra e derreta no fogão ou no micro-ondas. Depois de estar derretido, mexa o chocolate até ele ficar bem fino e leve.
5. Utilizando um pincel de cozinha, espalhe o chocolate na forma do ovo de páscoa. Feche a forma e deixe na geladeira durante 15 minutos.
6. Retire o ovo da geladeira, abra a forma e salpique os pedaços de bacon em cima do chocolate.
7. Passe mais uma camada de chocolate ao leite. Feche a forma e coloque novamente na geladeira.
8. Quando o chocolate já estiver duro, retire-o da forma e o ovo de páscoa está pronto.

O ovo de bacon não tem recheio. “A casca dele é que tem o bacon. O crocante é o bacon, que dá uma diferença bacana. Para quem gosta de comida agridoce é bem legal. No fundo, dá um gosto de salgado com o gosto do bacon. É o salgado com o doce”, explica.

Bruno sugere colocar tiras de bacon banhadas com chocolate dentro do ovo. Para isso, basta pegar o bacon feito e pincelar com o chocolate usado para fazer o ovo de páscoa. Cada ovo recebe, em média, três tiras de bacon e é vendido por R$ 56.

Ovo de bacon é fica crocante (Foto: Mariane Rossi/G1)Ovo de bacon fica bem crocante (Foto: Mariane Rossi/G1)

Quase metade dos usuários do Twitter no Brasil usa rede de microblogs junto com a TV

Brasileiros acham que o Twitter deixa a TV mais legal

Twitter: dos usuários que assistem TV e navegam na rede de microblogs simultaneamente, 76% afirmam que estão em busca de outras perspectivas sobre o programa que está passando, diz executiva (Foto AFP)

Twitter: dos usuários que assistem TV e navegam na rede de microblogs simultaneamente, 76% afirmam que estão em busca de outras perspectivas sobre o programa que está passando, diz executiva (Foto AFP)

Sérgio Matsuura, em O Globo

O Twitter divulga nesta quinta-feira a primeira pesquisa sobre o perfil dos seus usuários no Brasil, com destaque para o crescente uso da plataforma como companheira da TV. Segundo os números, 97% dos tuiteiros assistem à televisão todos os dias, mas a atenção é dividida com o celular: 50% ficam com os smartphones nas mãos em busca de produtos para comprar, informações sobre a programação e conversando pela rede social. (O Twitter tem no mundo mais de 241 milhões de usuários ativos por mês. O Brasil está entre os cinco principais mercados em termos de usuários, mas a empresa não compartilha números por país.)

- Dos usuários que assistem à TV e navegam no Twitter simultaneamente, 76% afirmam que estão em busca de outras perspectivas sobre o programa que está passando. E a experiência compartilhada é um atrativo a mais: 62% afirmam que o Twitter deixa a TV mais legal – comenta Janette Shigenawa, diretora de pesquisas do Twitter para a América Latina.

Os números apontam sobre a importância das marcas para o tuiteiro. Cada usuário segue, em média, 27 marcas que, pelo Twitter, conseguem conversar diretamente com seus consumidores. O principal segmento é o de moda, tema de interesse de 70% dos brasileiros na rede social, seguido por tecnologia (55%), automotivo (54%) e alimentos e bebidas (49%).

E a rede é apontada não apenas como um canal de relacionamento direto com as marcas preferidas, como ambiente para novas descobertas. Segundo a pesquisa, 85% dos usuários do Twitter gostam de experimentar novos produtos. Por outro lado, 80% dizem ser fiéis as marcas que gostam.

Entre os assuntos de interesse, destaque para filmes e cinema (79%), música (77%), ciência e tecnologia (75%), cuidados com a saúde (70%) e, surpreendentemente, livros e leitura, apontados por 69% dos usuários.

- Pelo Twitter as pessoas discutem suas leituras e falam direto com os autores. O Paulo Coelho é uma das personalidades brasileiras com maior número de seguidores – afirma Guilherme Ribenboim, presidente do Twitter no Brasil.

Outro destaque da pesquisa é o percentual de usuários que acessam a rede social pelo celular, que já atinge 60%. Ribenboim destaca que é um fenômeno não apenas no Brasil, mas global, e reforça as principais característica da plataforma: as mensagens rápidas e o tempo real.

- O nosso crescimento em mobile é lógico e estratégico. O usuário entra no Twitter nos momentos de microtédio. Na fila do banco, no transporte público, pega o celular e se informa sobre o que está acontecendo.

O Twitter pretende se tornar a principal plataforma de conversação sobre a Copa do Mundo que se aproxima. Em 2013, a partida final da Copa das Confederações, entre Brasil e Espanha, foi o evento que mais gerou tweets por minuto no país e a expectativa é que a repercussão este ano seja maior.

- A Copa é estratégica para nós. Estamos prontos para atender o mercado de TV, mas também o mercado publicitário. Trabalhamos próximos dos jogadores de futebol, empresas de mídia, portais e com as marcas – diz Ribenboim.

ExpoCristã é cancelada. De novo

Anna Virginia Balloussier, na Folha de S.Pauloexpo_crista

A ExpoCristã, que por mais de uma década se manteve como maior feira gospel de negócios do Brasil, foi cancelada. De novo.

A Expo prometia voltar “com força total” para sua 12ª edição, que aconteceria em julho no Expo Center Norte, em São Paulo. O site ainda convida fiéis a serem um “líder de caravana” do “evento mais completo para cristãos”.

Entre apoios já anunciados, o banco Bradesco, a universidade Mackenzie, a seguradora Mapfre e a Universal Music Christian Group.

Marcas como Quinta da Glória (moda gospel) e Bom Pastor (editora) também estavam no barco.

Em 2013, a casa caiu após a feira ser despejada no pavilhão do Anhembi, com uma dívida de quase meio milhão de reais.

Neste ano, a ExpoCristã estava sob nova direção: Leo Ganem, ex-CEO de duas empresas da Globo (seis anos na Som Livre e três na Geo Eventos).

A organização diz, em nota à imprensa, que o evento não acontecerá neste ano “devido às dificuldades impostas pelo calendário, com Copa e Eleições”.

Mulheres elogiam vida sexual aos 70

Marina Azaredo, em O Estado de S.Paulo

Ana Maria diz que tem vida sexual 'sem grilos'. (foto: Daniel Teixeira/Estadão)

Ana Maria diz que tem vida sexual ‘sem grilos’. (foto: Daniel Teixeira/Estadão)

Elas são avós e até bisavós. Mas esqueça aquela imagem da senhora tradicional, que se dedica apenas a cozinhar para os netos e cuidar do lar. As mulheres de 70 anos de hoje malham, vão ao cinema, frequentam restaurantes com os amigos, saem para dançar e têm vida sexual ativa. Sim, nunca as mulheres da terceira idade fizeram tanto sexo.

De acordo com a psiquiatra Carmita Abdo, coordenadora do Projeto Sexualidade (ProSex), do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, 50% a 60% das mulheres brasileiras de mais de 60 anos mantêm uma vida sexual ativa.

Uma pesquisa americana revelou recentemente que o sexo só melhora ao longo da vida. Segundo Iris Krasnow, professora de Jornalismo e Estudos Femininos da American University, que entrevistou 150 mulheres entre 20 e 90 anos, mulheres com mais de 70, 80 ou até 90 anos desfrutam a melhor atividade sexual de suas vidas.

As conclusões estão no livro Sex After…: Women Share How Intimacy Changes as Life Changes, ainda sem tradução para o português.

“Tenho uma vida sexual sem grilos. É só acender um fósforo que tudo pega fogo”, garante a aposentada Ana Maria Vieira, de 64 anos, três filhos e cinco netas. Viúva há 11 anos, ela namora há quatro o também aposentado Nilvio Machado, de 75. “Pode até não ter tanta quantidade, mas a qualidade é muito maior”, afirma. Os dois se conheceram no Clube Carinhoso, tradicional salão de bailes da região do Ipiranga, na zona sul de São Paulo, e continuam frequentando o clube toda quinta-feira à tarde.

Necessidade. Aos 84 anos, dois filhos, três netos e um bisneto, Irene Zarantonello também é frequentadora dos bailes do Carinhoso. Solteira há cerca de 20 dias, após terminar um relacionamento de um ano, ela considera sexo uma “necessidade”. “É como comer, ir ao banheiro, é importante para a saúde. E hoje é melhor do que antigamente. Antes, era mais beijo e abraço. Hoje, tem umas posições bacanas”, explica.

Para Carmita Abdo, os avanços da medicina possibilitaram essa mudança no perfil das mulheres de mais de 60 anos. “Nessa idade, muitas sofriam com a ausência de lubrificação vaginal, o que tornava o sexo doloroso. Hoje há terapias de reposição hormonal e até cremes de uso tópico que resolvem esse problema”, aponta.

Mais longevas e preocupadas com a saúde, as mulheres também têm cuidados com o corpo até mais tarde. A aposentada Marli Westphal, de 63 anos, dois filhos e uma neta, corre 10 km todo dia, faz musculação e pilates. “Quanto mais exercícios eu faço, melhor eu me sinto. Estou muito satisfeita com o meu corpo”, diz ela, que tem 1,68 metro e 64 kg. A vida saudável contribui para um sexo de mais qualidade, garante Marli, que é casada há 30 anos. “Tudo funciona melhor. O sexo está quase 100% mais gostoso do que quando eu era jovem.”

Para André Pernambuco, médico-assistente da disciplina de Geriatria da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), a mudança se deve também a fatores culturais. “Elas viveram a revolução sexual, o que provocou uma mudança de comportamento enorme. Hoje a mulher de 70 anos é uma jovem. É a nova mulher de 50″, afirma.

Nave para ‘turistas astronautas’ é mostrada

Ônibus espacial pertence à companhia comercial Virgin Galactic, do britânico Richard Branson

SpaceShipTwo foi desenvolvido na Califórnia - Divulgação

Rafaela Borges, no Estadão

A primeira nave espacial comercial de transporte de passageiros do mundo, a SpaceShipTwo, foi apresentada nesta segunda-feira, durante o Salão de Nova York, nos Estados Unidos. A nave pertence à companhia espacial comercial Virgin Galactic, do empresário britânico Richard Branson, fundador do grupo Virgin.

A Virgin Galactic aceitou cerca de US$ 85 milhões, aproximadamente R$ 187 milhões, em depósitos de mais de 700 indivíduos, o que é aproximadamente 20% mais do que o número total de pessoas que já foram para o espaço. A nova nave espacial foi desenvolvida para a frota de veículos da Virgin Galactic pela Scaled Composites, em Mojave, na Califórnia. O veículo vai permitir uma experiência de gravidade zero, com vistas do planeta a partir do espaço sideral para “turistas astronautas”.