Arquivo da tag: pavarini

O ~satanismo~ da Família Valadão

valadao

Sérgio Pavarini

No início da noite de hoje (18), Ana Paula Valadão postou no Instagram uma foto do aniversário do sobrinho Lorenzo: Festa na família! Niver do @lorenzovaladao! #MyNephewLorenzo.

“Homem-Aranha” foi o tema escolhido para a festa do filho de André e Cassiane. Na hora de uma das fotos, toda a família Valadão se juntou, sorriu e… fez o sinal tradicional do super-herói na hora de soltar a teia. Sentem que lá vem polêmica.

Acontece que o sinal é o mesmo que simboliza internacionalmente o rock’n roll, sinônimo prosaico de “legal”. No entanto, para muitos crentes o gesto é conhecido como “mão chifrada” e é símbolo do diabo. Nem adianta lembrar que o gesto é o mesmo usado na linguagem dos surdos para dizer “eu te amo” que o rebanho é chegado nesse tipo de história cabeluda chifruda.

Em poucos minutos, os comentários já davam ideia da dimensão que uma simples fotenha em família (sem o aniversariante, aliás) iria provocar:

  • As pessoas estão ficando cegas. Colocam o fanatismo e a admiração acima da Bíblia.
  • Foi-se o tempo que festinha de filhos de crentes tinha temas biblicos. Hoje só se usa para vender DVD e fazer shows! Pobres cristãos modernos!!!
  • Imagina vc vender sorvete e nao ter sorvete na festinha do filho, fazer bolo e decoracao e contratar um outro??? Agora vender Dvd e ahow para crentes e usar personagens do mundo… So os “puxas” ou nao convertidos para apoiarem!!
  • Muitas pessoas usam os personagens do DTcriança justamente para evitar certos tipos de escândalo, daí vindo uma coisa dessas da F. Valadão, não tem como a gente n se escandalizar!!!
  • Todos cristãos de verdade sabem o que este gesto significa. Esta família sempre me abênçoa com palavras, mas infelizmente foram infelizes nesta foto.

Alguns conservaram 1 pouco de lucidez e tentaram contra-argumentar:

  • É impressionante como as pessoas se acham no direito de julgar os outros!!! Pq cada um não cuida da sua própria vida?
  • Cara se vc não curte também não comente, vão orar galera
  • Qta hipocrisia…… Se não é para edificar… Calem a boca gente!!!
  • Tem q ser muito idiota pra ficar polemizando com o nada. Parabéns a essa família que tem levado Deus ao Brasil!
  • Meu Deus qta gente louca igrejas malucas têm formado…

Esse último comentário é bem interessante. Já escrevi 1 montão sobre uma infinidade de práticas esquisitonas de toda a família e sei que eles têm parcela de culpa em várias das deformações do rebanho. No entanto, hoje é dia de festa e teologizar filosofar em cima de 1 momento familiar especial é besteira sem tamanho.

Parabéns ao Lorenzo e a toda a família Valadão.

big abraço

dica do Carlos Júnior

ps: + 2 cliques ~satânicos~ pra vcs.

barack_obama_handsign1
popesignbig

#cataploft

26 momentos que restauraram nossa fé na humanidade em 2012

Publicado por BuzzFeed [via Tá me zuando?]

Às vezes precisamos de um lembrete de que as pessoas podem fazer coisas maravilhosas.

1. Os pais deste menino transformaram a cadeira de rodas dele na fantasia mais legal de Halloween.

1

2. Scott Wydak tem Síndrome de Down e sofre de hepatite.  Scott adora receber cartas e seu sobrinho Sean divulgou sua caixa postal no Reddit (uma mistura de rede social com fórum) e os usuários do site enviaram centenas de cartas, pacotes e presentes para Scott.

1

1

Via: mashable.com

Via: mashable.com

1

3. O gesto de bondade de uma pessoa desconhecida fez com este carro não fosse inundado em um dia de chuva.

Via: i.imgur.com

Via: i.imgur.com

4. O médico que ofereceu atendimento médico gratuito após o furacão Sandy.

Via: shortformblog.com

Via: shortformblog.com

5. E outas pessoas que ajudaram como puderam, como compartilhar a energia elétrica para que as outros pudessem recarregar os celulares e falar com seus familiares.

Via: facebook.com

Via: facebook.com

6. Pessoas que fizeram doações para quem foi atingido pelo furacão.

Via: reddit.com

Via: reddit.com

7. Ou que ajudaram a salvar vidas.

Via: @ andjustice4some

Via: @ andjustice4some

8. Empregados de um hospital fizeram uma corrente humana para passar galões de combustível por 13 lances de escadas até o gerador reserva do Hospital Bellevue em Nova York.

Via: facebook.com

Via: facebook.com

9. Um casal mais velho se colocando na lugar de um casal mais novo.

Tradução do bilhete: “Gostaria de me oferecer para cuidar do seu bebê para que vocês possam almoçar fora, mas meu marido disse que eu pareceria uma stalker (alguém que fica perseguindo, no caso, no intuito de roubar a criança). Então, eu comprei o almoço para vocês. Aproveitem este lindo bebê. Somos pais de adolescentes, então sabemos o que o futuro reserva para vocês. Aproveitem o máximo que puderem.”

Via: i.imgur.com

Via: i.imgur.com

10. Uma criança da Líbia que não acredita no ódio.

Via: facebook.com

Via: facebook.com

11. Pais que tatuaram uma bomba de insulina na barriga para que seu filho diabético não se sentisse diferente.

Via: 4.bp.blogspot.com

Via: 4.bp.blogspot.com

12. Um policial de Nova York que, em uma noite fria e chuvosa, ao ver um morador de rua de pés descalços, calça em seus pés um par de meias e botas.

Via: facebook.com

Via: facebook.com

13. Policiais que realizaram o sonho de Gage Hancock-Stevens, um menino de 13 anos e cego, de ser policial por um dia.

1

Via: millcreekmultimedia.com

Via: millcreekmultimedia.com

Via: millcreekmultimedia.com

Via: millcreekmultimedia.com

Eles ainda o presentearam com um bolo.

Via: millcreekmultimedia.com

Via: millcreekmultimedia.com

Continue lendo

Festival Promessas: Internautas criticam evento e a cobertura do G1

Ana Paula no palco do Troféu Promessas 2012, em São Paulo

Sérgio Pavarini

Ontem (8) aconteceu no Campo de Marte a edição paulistana do Festival Promessas. Ao contrário do show de estreia no Rio de Janeiro, cerca de 100 mil pessoas estiveram presentes e o temor de novo fracasso de público foi sepultado. Túmulo do samba, mas é nóis no gospel, mano.

Mais uma vez a Globo não economizou e usou uma estrutura profissa de encher os bolsos olhos. Dezessete torres de led proporcionaram 1 efeito visual anos-luz (com trocadilho) das apresentações quase mambembes que eram a tônica e a dominante da música evangélica até pouco tempo atrás.

Nesta edição não houve boicote de igrejas e foram raras as vozes desafinadas falando sobre a idolatria da babilônia platinada. Mesmo porque em matéria de ídolo$, a gente tem pós-doutorado.

Seguindo o tratamento profissional, o G1 destacou o repórter Rodrigo Ortega para cobrir o evento. Especialista em música pop, o jornalista escreveu logo no início do texto que  os pulos e giros de André Valadão “lembraram os de Chris Martin, cantor inglês do Coldplay”. #oscrentepira

Sobre Cassiane, o ex-blogueiro (e guitarrista) disse que ela tem “voz poderosa de artista soul e trejeitos fortes de cantora de rock”. Nem precisava chegar ao final do texto para imaginar que o colega seria enviado so patíbulo. Em lugar do “hang the blessed DJ” dos Smiths, o refrão seria adaptado para “hang the journalist”. Not so blessed. #panic

Acostumado à hipocrisia e breguice aos maneirismos dos veículos gospel, nos quais “ministrações” substituem a palavra “show” e são sempre “uma bênção”, o  rebanho não gostou nem um pouco de ver ler que, na verdade, seus “levitas” são simplesmente artistas. #choquederealidade

Rodrigo foi sutil ao se referir à abundância de clichês no discurso de alguns artistas, algo absolutamente consonante com a pobreza musical de muitas das músicas apresentadas. A trilha em direção à profissionalização ainda é longa, inclusive para os expoentes que estão na frente da fila. São Roberto Marinho nos ajude!

Selecionei trechos de alguns comentários. Antes de tomar um Plasil, nada de fingir que não faz parte dessa massa ignara porque você é “diferenciado”. Eles são nós. Se cegos, é hora de ajudá-los a enxergar além do óbvio. Que os reis de 1 olho só sejam destronados da terra gospel. Amém?

  • Nunca vi tantas “aspas” na minha vida quanto nesse texto, apesar do sarcasmo fajuto, aparentemente o tal Rodrigo assistiu todo o espetáculo
  • Achei descenessario todo este sarcasmo.. porque tratar a música gospel e seus “artistas” assim? se é para agirem de tal forma melhor não fazerem festival nenhum..
  • Texto ácido e sarcasmo desnecessário cercado de preconceito cultural e linguístico!
  • A Globo deveria contratar alguem mais inteligente que esse Rodrigo Ortega (dono do texto da reportagem)
  • Festival de Idolatria isso sim. As pessoas não vão para adorar Jesus, mas para adorar seus ídolos gospel que só enchem o bolso nesses eventos. Thalles por exemplo só toca se pagarem 30 mil.
  • Esse mundo gospel esta podre. Esse Serginho é feiticeiro e está apresentando o show dos artista de satanás.
  • Essa proposta da globo e outros foi a coisa mais inteligente para acabar com esses crentes. As forcas das trevas celebram…
  • Enquanto eles vivem no luxo os adeptos deles morrem de fome sem ter casa para morar ou comer porque doam toda uma vida para esses oportunistas que só servem para ser esterco do solo terrestre!
  • Que saudades que eu tenho do Brasil quando nada disso existia!! Esse tipo de movimento veio na esteira da vulgarização e mau gosto na música.
  • Cadê a igreja de Jesus? Onde fazer megashows é agradar a Deus?
  • A Igreja Evangélica representa os últimos dias de uma velha era, a da ignorÂncia.
  • O Brasil precisa é de professores, cientistas, engenheiros e não desses semeadores de ilusões: pastores, padres, pais de santo e dessa praga recente chamada de música gospel.
  • Será que com tanta influência do termo “gospel” o diabo não acabará vindo de maneira “gospel”?

foto: Flavio Moraes/G1