Arquivo da tag: polícia civil

Propaganda sobre ‘xaveco’ causa embaraço para o Metrô

Vagão parado na estação da Sé em horário de pico (foto: Nacho Doce/Reuters)

Vagão parado na estação da Sé em horário de pico (foto: Nacho Doce/Reuters)

Eduardo Gonçalves, na Veja on-line

Uma peça publicitária do Metrô de São Paulo veiculada ao vivo num programa esportivo da rádio Transamérica causou embaraço para a companhia. Na propaganda, o locutor afirma que os vagões lotados são um bom lugar para “(sic) xavecar a mulherada”.

A inserção, que foi ao ar na última semana, não poderia ter sido divulgada em pior hora: a Polícia Civil prendeu mais de vinte pessoas neste ano por assédio a mulheres no sistema metroviário paulista.

“Nos horários de pico, é normal trem e metrô lotados. É assim nas grandes metrópoles espalhadas pelo mundo. Para falar a verdade, até gosto do trem lotado, é bom para xavecar a mulherada, né mano (sic). Foi assim que eu conheci a Giscreuza”, diz o trecho da peça publicitária.

O Metrô informou que não aprovou previamente o conteúdo nem autorizou sua divulgação. ”Advertida, a Rádio Transamérica tirou o comercial do ar e informou que a produção desse infeliz conteúdo é de sua inteira responsabilidade”, diz  nota do Metrô.

Polícia de PE apura denúncia de venda de bebês pela internet

Página em rede social foi criada para intermediar negociações.
Crianças são ofertadas por preços que variam de R$ 7 mil a 10 mil.

Publicado originalmente no G1

A Polícia Civil de Pernambuco começa a investigar, nesta quarta-feira (31), um suposto esquema de venda ilegal de bebês pela internet. A página foi criada, em Pernambuco, no início do mês, no Facebook. Lá, mulheres grávidas oferecem seus bebês a quem tem vontade de adotar por preços que variam entre R$ 7 mil e R$ 10 mil. As informações iniciais foram levadas à polícia pelo Ministério Público de Pernambuco.

O delegado do Departamento de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA) do Recife, designado para o caso, Ademir de Oliveira, contou que uma mulher interessada na compra trocou e-mails com uma das gestantes. “Soubemos de uma pessoa, que me parece que queria obter o bebê para adoção. Em certo momento, a mulher que ofereceu a criança falou em dinheiro, então ela denunciou”, explicou Ademir.

O trabalho dos agentes pretende identificar as pessoas, chegar até elas e até as crianças e observar cada caso de negociação. A polícia vai analisar os diálogos entre as mães das crianças e as pessoas que pagariam as recompensas para avaliar se houve realmente o crime. O delegado informou ainda que o artigo 232 do Estatuto da Criança e do Adolescente fala que ofertar criancas para adoção com pagamento ou recompensa penaliza tanto a pessoa que oferece como quem paga pela criança. “A conduta criminal vem de ambas as partes”, disse.

Ademir alerta à população que há um procedimento legal e seguro para adotar crianças, que investiga a vida das famílias em questão e descobre se a pessoa ou casal pretendendo adotar tem condições de sustentar um bebê. “Quando a pessoa utiliza um sistema não oficial, ela pode estar negociando com um pedófilo, um traficante de drogas, de pessoas. Queremos, com essa investigação, preservar estas crianças”, afirmou Ademir.

A polícia ainda não pode afirmar se já houve alguma negociação realizada e concluída através da página na internet.

Governo demite funcionário que deixou imprimir cédulas com o nome de Goku

Casa da Moeda colocou em circulação cédulas de cem reais com o nome de Goku seja Louvado

Casa da Moeda colocou em circulação cédulas de cem reais com o nome de Goku seja Louvado

Publicado impagavelmente no G17

O Governo Federal anunciou a demissão do funcionário que permitiu a impressão de 5 mil cédulas, de 100 reais, impressas com frase “Goku seja louvado”. Goku é um personagem fictício protagonista da serie japonesa Dragon Ball.

Além da demissão, o governo determinou a abertura de uma sindicância interna, uma investigação criminal por parte da Polícia Federal, três processos administrativos e mais duas investigações paralelas por parte da Polícia Civil.

O governo disse que as cédulas já estão em circulação, o que torna difícil fazer o recolhimento. Diante disso, o governo enviou uma nota pedindo a população que, ao encontrar uma destas cédulas, que risque o nome de Goku de caneta e escreva ao lado “Deus” ou “Lula”.

Cães protegem corpo de andarilho e impedem resgate em Ribeirão Preto

Bombeiros foram chamados para retirar animais que rosnavam e latiam. Morador de rua morreu de mal súbito enquanto dormia, diz enfermeira.

CÃO

publicado no G1

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) teve trabalho para recolher o corpo de um morador de rua encontrado morto na noite desta quarta-feira (28), em Ribeirão Preto (SP). Três cachorros que pertenciam ao andarilho ficaram deitados sobre a vítima por quase cinco horas, impedindo a aproximação das pessoas. A causa da morte está sendo investigada.

Os moradores do bairro que assistiram ao resgate se emocionaram ao ver a cena: sempre que alguém se aproximava, os cães latiam, rosnavam e voltavam a deitar sobre o corpo do homem, coberto por um lençol. Segundo a balconista Edilene Cunes, que mora na casa em frente ao local, o andarilho era conhecido na vizinhança pelo cuidado com os animais.

“Ele sempre andava na rua acompanhado dos cães, eram os parceiros dele. Ele era uma pessoa legal com todo mundo, não fazia mal a ninguém. Infelizmente, não conseguimos ajudá-lo a tempo”, lamentou.

A enfermeira Nean de Moura explicou que o homem aparentava ter 60 anos e pode ter sofrido um mal súbito enquanto dormia. Em uma das mãos, a vítima segurava uma sacola com roupas e ração. “Eu fico espantada ao ver essa situação porque a gente tentava afastar os cachorros para ajudar, mas eles voltavam e deitavam de novo”, afirmou.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi chamada ao local e conseguiu recolher os animais. “Os cachorros chegaram a avançar, não deixavam chegar perto nem da calçada. Foi então que o Samu pediu nosso apoio porque somos treinados para esse tipo de atendimento”, explicou o sargento Aloísio Terra.

Após ser periciado pela Polícia Civil, o corpo do homem foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), apesar de não apresentar ferimentos. Uma filha do andarilho, que mora em Jardinópolis (SP), reconheceu a vítima no início da madrugada. Os cães foram deixados na rua, mas acabaram sendo adotados por moradores da região.

Cães dormiam sobre corpo de morador de rua encontrado morto em Ribeirão Preto (Foto: César Tadeu/EPTV)Cães dormiam sobre corpo de morador de rua encontrado morto em Ribeirão (Foto: César Tadeu/EPTV)

Mãe chicoteia filha de 2 anos por queimar nota de R$ 5

Após queimar nota de R$ 5, criança foi chicoteada pela mãe, no sertão da Paraíba Foto: Polícia Civil / Divulgação

Após queimar nota de R$ 5, criança foi chicoteada pela mãe, no sertão da Paraíba
Foto: Polícia Civil / Divulgação

Charley Garrido,  no Terra

A mãe de uma criança de dois anos foi presa, na noite do último domingo, após ser denunciada por vizinhos por agredir sua filha com chicotadas, depois que ela queimou uma nota de R$ 5. O crime aconteceu no município de Cajazeiras, sertão da Paraíba.

De acordo com a Polícia Civil, Maria José Alves Tenório, 26 anos, teria se irritado com a criança, que ao “brincar” com uma vela, queimou uma nota de R$ 5 que seria usada para comprar uma pedra de crack.

Com um chicote de plástico improvisado, a mulher teria então agredido a filha, que ficou com marcas por todo o corpo. Os vizinhos notaram o choro da criança, e se revoltaram com a situação. A mãe, por sua vez, fez as malas na tentativa de fugir do local.

“Ela só não foi linchada porque tomamos a frente da situação”, afirma a escrivã Elisângela Dantas, da Polícia Civil. Maria José foi presa em flagrante por tortura, e prestou depoimento na delegacia, antes de ser transferida para a cadeia pública feminina de Cajazeiras.

A menina de 2 anos, e seu irmão, de 11 meses – que não foi agredido – foram levados ao hospital regional, e entregues em seguida para o Conselho Tutelar.