Plantas aumentam produtividade no ambiente de trabalho

size_590_planta-mesa-de-trabalho

publicado no EXAME

Esqueça os móveis caros e equipamentos cheios de funções: aumentar a produtividade no ambiente de trabalho é mais barato do que se imagina. Basta decorá-lo com plantas.

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Queensland descobriu que um escritório decorado com plantas pode aumentar em até 15% a produtividade dos funcionários.

Este é o primeiro estudo nesse sentido para analisar os efeitos das plantas em um ambiente de trabalho em longo prazo, e ele também descobriu que essa medida melhorou a satisfação e a qualidade de vida dos empregados.

De acordo com o professor da Universidade de Queensland e co-autor da pesquisa, Alex Haslam, um escritório mais “verde” ajuda o profissional a ficar fisicamente, mentalmente e até emocionalmente mais envolvido em seu trabalho.

Realizado em parceria com as universidades de Cardiff, Exeter e Groningen, o estudo analisou o impacto de um ambiente enxuto e um com plantas nos funcionários em grandes escritórios comerciais no Reino Unido e na Holanda.

Os pesquisadores monitoraram os níveis de produtividade dos empregados por dois meses e também entrevistaram as pessoas para saber suas percepções sobre a qualidade do ar, concentração e satisfação no ambiente de trabalho.

Como resultado, eles se mostraram mais satisfeitos e afirmaram ter percebido melhor qualidade no ar nos ambientes em que haviam plantas.

Segundo Haslam, o retorno que uma empresa tem ao investir no paisagismo é uma equipe de trabalho mais satisfeita, com qualidade de vida, e também mais produtiva – algo que leva a melhores resultados para a companhia.

Ainda de acordo com o professor, as descobertas feitas na pesquisa desafiam filosofias empresariais modernas que sugerem que um ambiente enxuto traz mais produtividade.

Ao site UQ News, da Universidade de Queensland, Haslam afirma: “Os escritórios modernos ficaram mais enxutos para criar ambientes mais espaçosos. Nossas descobertas questionam essa teoria difundida de que menos é mais. Às vezes, menos é apenas menos”.

Leia Mais

Vinte anos depois, elenco de ‘Os Batutinhas’ recria cenas do filme

batutinhas

publicado no EGO

Vai ter muita gente que foi adolescente nos anos 1990 dando suspiros de nostalgia ao ver as fotos abaixo. A produtora 22 Vision, de Los Angeles, reuniu o elenco de “Os Batutinhas”, sucesso em 1994, para recriar o pôster e algumas cenas do filme. A produção das imagens, feitas por Bradford Rogne, foi assinada por Brian Pocrass, com co-produção de Joey Lauren Koch.O figurino é de Erin Micklow.

batutinhas2 batutinhas3 batutinhas4

batutinhas5

 

Leia Mais

Uso abusivo de descongestionante nasal pode causar arritmia, pressão alta e até trombose

01descongestionante

publicado no extra

Basta a temperatura cair para muita gente sacar de bolsos e gavetas os frascos de descongestionantes nasais. Com a chegada de noites mais frias, a incidência de gripes, resfriados e alergias respiratórias aumenta. Um prato cheio para apelar para tais medicamentos. No entanto, o hábito de pingar continuamente o remédio no nariz, além de viciar, mascara um enorme perigo para a saúde do coração.

A longo prazo, os efeitos dos descongestionantes elevam o risco de trombose e formação de coágulos. Na mucosa nasal, o uso abusivo provoca uma reação inflamatória, fazendo com que seja preciso quantidades cada vez maiores do remédio para se obter bem-estar.

– O alívio da congestão nasal é imediato. Por isso, a pessoa acha que está fazendo um grande negócio. Mas é só um paliativo – diz o otorrinolaringologista Jair de Carvalho e Castro, do Hospital Samaritano do Rio.
Segundo o médico, o correto é buscar ajuda para descobrir e tratar a causa do entupimento das narinas, que pode ser sinusite, desvio de septo ou pólipo nasal, entre outras.

Lavar as narinas com soro fisiológico ou solução de água com sal e bicarbonato é uma boa alternativa para aliviar a congestão sem remédios, ensina Jair de Carvalho e Castro. Para quem já se viciou nos descongestionantes, o tratamento é feito com medicamentos orais e injetáveis que visam à recuperação da mucosa do nariz.

03su140a_web

Leia Mais

A criação dos bichos

publicado no IdeaFixa

O ilustrador Ricardo Solis imaginou a criação dos animais e de seus padrões e cores de pele de uma forma lúdica e fantasiosa – e transformou tudo em ilustração.
Ricardo Solis nasceu em Guadalajara, México. Desde jovem Ricardo se sentia atraído pela a arte e pela natureza. Agora, como um artista profissional, ele tenta expressar em sua obra a beleza e a perfeição de ambos, juntamente com sua crença na existência de um criador.

Ricardo vive atualmente em Guadalajara com sua esposa e quatro filhos, que eles ensinam em casa.

Ricardo-Solis-animal-paintings-12 Ricardo-Solis-animal-paintings-3 Ricardo-Solis-animal-paintings-14 Ricardo-Solis-animal-paintings-1 Ricardo-Solis-animal-paintings-2 Ricardo-Solis-animal-paintings-4 Ricardo-Solis-animal-paintings-7 Ricardo-Solis-animal-paintings-8 Ricardo-Solis-animal-paintings-9 Ricardo-Solis-animal-paintings-10 Ricardo-Solis-animal-paintings-13 Ricardo-Solis-animal-paintings-11 Ricardo-Solis-animal-paintings-6 Ricardo-Solis-animal-paintings-5

Leia Mais