Conteúdo marcado como quem

Reino Unido dará dinheiro ou presentes para quem perder peso

Reino Unido dará dinheiro ou presentes para quem perder peso
Publicado no Extra O serviço de saúde do Reino Unido planeja combater a obesidade dando dinheiro ou presentes para quem perder peso. Mas, para isso, será preciso estar empregado. Mais de dois terços dos adultos no Reino Unido são clinicamente obesos ou estão com sobrepeso, representando um gasto de R$ 20 milhões por ano com o tratamento de doenças relacionadas com a obesidade. A medida tem gerado polêmica no país. […]

“Da Paz”, de Marcelino Freire, por Naruna Costa

Publicado no Portal Gelédes DA PAZ por Marcelino Freire Eu não sou da paz. Não sou mesmo não. Não sou. Paz é coisa de rico. Não visto camiseta nenhuma, não, senhor. Não solto pomba nenhuma, não, senhor. Não venha me pedir para eu chorar mais. Secou. A paz é uma desgraça. Uma desgraça. Carregar essa rosa. Boba na mão. Nada a ver. Vou não. Não vou fazer essa cara. Chapada. […]

Ficar a sós com uma mulher bonita faz mal à saúde

Ficar a sós com uma mulher bonita faz mal à saúde
  Publicado no Hype Science Pode parecer estranho, mas essa frase vale para o mais convicto dos heterossexuais. Basta ficar cinco minutos isolado com uma mulher atraente para que o nível de Cortisol do homem comece a subir. O corpo produz o hormônio Cortisol em caso de stress físico ou psicológico (ou ambos, como neste caso), e sua acumulação excessiva traz danos ao organismo. Quem chegou a essa conclusão foram […]

Propaganda promete dinheiro à vista para quem vender a alma ao “tinhoso”

Propaganda promete dinheiro à vista para quem vender a alma ao "tinhoso"
Elverson Cardozo, no Campo Grande News “Precisando de dinheiro? Compro sua alma! Pago à vista. 9666-6966. Tratar com tinhoso”. O recado, que tem como ilustração um capetinha, segurando um tridente, foi deixado em um cartaz, do tamanho uma folha sulfite A4, no poste, na esquina das ruas Bahia e da Paz, no Jardim dos Estados, mas também pode ser visto em outros cantos de Campo Grande, como a Avenida Afonso […]

Dois pesos e duas medidas

Dois pesos e duas medidas
Luiz Felipe Pondé, na Folha de S.Paulo Não sou religioso, só frequento templos vazios. Tampouco considero o ateísmo prova de maior inteligência ou coragem intelectual. Dias atrás, nesta coluna, ataquei as dimensões picaretas das religiões. Por que digo isso? Porque hoje em dia, em épocas de exigências de pureza ideológica (no mundo da cultura vivemos um fascismo descarado dos bonzinhos, baseado em difamação de quem não frequenta as ideias que […]