Arquivo da tag: redes sociais

Americano cria app para ajudar você a evitar pessoas

hellisotherpeople_ss1Publicado na Info

Um desenvolvedor norte-americano resolveu ir contra a onda de redes sociais. Criou, para isso, um aplicativo chamado Hell is Other People, que tem como proposta ajudar você a “fugir” das pessoas indesejadas.

Baseado em geolocalização, o app se conecta ao Foursquare para executar uma função que é exatamente contrária à da rede. Ele mostra onde estão todos os seus amigos, indicando-os como pontos laranjas. Mas não para que você vá encontrá-los, e sim para evitá-los – os pontos verdes, que aparecem ali perto, representam “rotas de fuga”.

O nome desta rede antissocial vem da cabeça do filósofo francês Jean-Paul Sartre – um de seus personagens, Joseph Garcin, afirma que “o inferno são os outros” (“hell is other people). Ou seja, ter que aturar outras pessoas pode ser uma verdadeira tortura.

No entanto, uma das ironias do aplicativo é ter que participar de outras redes sociais para escapar das pessoas que estão nelas. Se não tiver uma conta e amigos ativos no Foursquare, o Hell is Other People não será de utilidade nenhuma. Além disso, o app parece não funcionar direito aqui no Brasil. Dá para ter uma ideia de como ele funciona com esse mapa de demonstração.

Dica do Sidnei Carvalho

 

Série fotográfica caseira recria diariamente imagens famosas – no Facebook

série-fotográfica-caseira-facebook

Publicado no Blue Bus

Engraçado, barato e criativo, o ‘Face For A Day’ é 1 projeto que consiste em recriar cenas reais ou do cinema de forma barata, simples e engraçada. Tom Mochen idealizou e protagoniza a maioria das fotos, com ajuda de amigos. A série pode ser acompanhada pelo Facebook – onde já tem mais de 3 mil likes – e pra sugerir momentos, é só enviar 1 email pra lá :)

série-fotográfica-caseira-facebook série-fotográfica-caseira-facebook série-fotográfica-caseira-facebook série-fotográfica-caseira-facebook série-fotográfica-caseira-facebook série-fotográfica-caseira-facebook série-fotográfica-caseira-facebook

‘Tuenti é mais seguro do que Facebook’, diz criador

Executivo garante que rede espanhola que desembarca no Brasil incentiva compartilhamento de conteúdo apenas entre ‘amigos de verdade’

Zaryn Dentzel, fundador da rede social Tuenti (Divulgação/Tuenti)

Zaryn Dentzel, fundador da rede social Tuenti (Divulgação/Tuenti)

Publicado na Veja

“A privacidade e a intimidade ganharão relevância à medida que os usuários tenham consciência do seu valor”, diz Zaryn Dentzel, de 30 anos, fundador do Tuenti. A rede social que acaba de chegar ao Brasil foi lançada na Espanha em 2006 e possui 15 milhões de usuários em todo o mundo. O diferencial, segundo o empreendedor, está na segurança dos dados dos cadastrados. Há pelo menos duas razões para isso: o Tuenti não permite que os perfis de usuários sejam indexados por buscadores a privacidade máxima é padrão na configuração das contas. Ainda de acordo com o fundador, a startup incentiva o compartilhamento de conteúdo apenas com amigos próximos: “O usuário pode conversar com qualquer contato, mas só compartilha fotos e informações pessoais com os amigos de verdade”, diz. O modelo de negócio adotado pelo Tuenti para a publicidade também difere do mercado de redes sociais. O serviço apenas vende espaços para anúncios na versão web e na linha do tempo do usuário no formato de um banner. Portanto, não são exibidos posts patrocinados, como ocorre nos similares. Na entrevista a seguir, Dentzel conta como pretende enfrentar a supremacia do Facebook no Brasil.

Porque você decidiu trazer o Tuenti para o Brasil? Queremos apresentar uma alternativa a outras plataformas e acreditamos que há um espaço interessante no mercado para um serviço que aposta na privacidade como um diferencial. O Tuenti é uma rede social e um serviço multiplataforma de mensagens instantâneas que funciona na versão web e também em aplicativos. Trata-se, dessa forma, de uma ferramenta de comunicação social privada, segura e gratuita, disponível em doze idiomas para Android, iPhone, Blackberry, Windows Phone e Firefox OS. Os usuários podem desfrutar de uma plataforma social e de um chat graças ao serviço “cross-platform”, que inclui também recursos na nuvem.

Qual é a principal diferença entre o Tuenti e o Facebook? O Tuenti inclui as melhores funcionalidades de mensagem instantânea e rede social. O serviço é focado na privacidade e na simplicidade e supera, nesse sentido, limitações importantes de outras ferramentas. O Tuenti é muito mais privado e seguro do que o Facebook. Além de ser multiplataforma, todas as conversas e todas as informações não dependem de um único computador ou de um telefone – você pode começar uma conversa no smartphone e terminá-la em um PC. Essa é uma grande vantagem em relação à maioria dos serviços de mensagens instantâneas.

Por que você acha importante compartilhar alguns conteúdos apenas com amigos próximos? A privacidade e a intimidade ganharão relevância à medida que os usuários tenham consciência do seu valor. Oferecemos um produto mais completo, melhor e mais atrativo, que aposta precisamente na privacidade e na relação com os amigos próximos. Na realidade, ninguém tem milhares de amigos e os amigos dos amigos não precisam ter acesso ao que você compartilha. Nossa abordagem desde o início do Tuenti segue esse princípio: o usuário pode conversar com qualquer contato, mas só compartilha fotos e informações pessoais com os amigos de verdade.

Divulgação/Tuenti

Divulgação/Tuenti

Quais são suas expectativas em relação ao Tuenti no Brasil? O país é a segunda maior comunidade no Facebook. Como isso pode ajudar o Tuenti a se tornar uma rede social relevante por aqui? No setor de internet, o produto é chave. Estamos apresentando uma alternativa que poder ocupa um espaço interessante no mercado, principalmente se levarmos em conta que nosso diferencial é a privacidade. O boca a boca é uma grande ferramenta que funciona muito bem quando um serviço atende às necessidades do usuário. Isso agrega valor ao produto. Começamos com o pré-lançamento, há alguns meses, e nosso objetivo é explicar como vemos o futuro da comunicação social e como a nossa ferramenta pode ajudar nesse novo cenário.

Quem são seus principais investidores? O Tuenti foi lançado em 2006. Ao longo de nossa história, tivemos muitos investidores, mas desde 2010 a Telefónica se tornou nosso maior e principal investidor. Trata-se de um sócio estratégico de grande relevância. As duas companhias são de comunicação e isso nos ajudará a crescer.

Quantos brasileiros estão cadastrados no Tuenti? A rede possui mais de 15 milhões de usuários na versão web e 6 milhões na versão mobile em todo o mundo. Embora seja verdade que o Tuenti já possua milhares de cadastrados no Brasil, ainda é cedo para pensar em resultados. O público ainda não conhece a ferramenta e a chegada do serviço ao país vai despertar o interesse dos brasileiros.

Facebook testa salas de bate-papo semelhantes às do UOL

Recurso permite que pessoas desconhecidas conversem em um mesmo lugar

facebook-sala-de-bate-papo

Publicado no Olhar Digital

Facebook deverá adicionar salas de bate-papo à rede social. A informação é do site TechCrunch, que diz ter fontes “relacionadas ao assunto”. Segundo o veículo, a empresa confirma que o recurso, batizado de “Host Chat”, já está em testes.

O funcionamento seria semelhante ao Chat do UOL, popular no Brasil no final dos anos 90.  Usuários poderiam entrar em ambientes específicos e bater papo com amigos e desconhecidos.

Um dos grandes diferenciais do Host Chat seria a possibilidade de qualquer pessoa entrar em uma conversa sem precisar de convite. Quando a sala de bate-papo é criada, o chat aparece no News Feed dos amigos e, então, todos podem participar.

No entanto, o dono da conversa pode limitar a privacidade, escolher quantos poderão entrar na conversa e ainda poderá expulsar as pessoas que desejar.

A novidade faz parte da estratégia da companhia para ganhar relevância entre serviços de mensagem como WhatsApp, Hangouts e iMessage. A ideia é promover o relacionamento dos usuários para que eles passem mais tempo dentro do site.