10 lições sobre liderança (ou a falta dela)

artigo_79315

publicado no Administradores

Liderança é conversa fiada, afirmou Peter Drucker, o grande guru da Administração, em sua última entrevista para a imprensa americana, pouco antes de partir, em 2005. Como se trata de alguém que dedicou a vida à Administração, muita gente torceu o nariz, mas não se manifestou nem contra nem a favor.

Em todas as minhas turmas de MBA com foco em liderança, testemunho a preocupação dos jovens e adultos sobre a dificuldade cada vez maior de se obter comprometimento das pessoas que ingressam no mercado de trabalho.

Na prática, essa nossa maldita cultura de dependência das benesses do governo e a preguiça natural do ser humano serve muito mais para criar pessoas descompromissadas e abusadas em alguns aspectos do que para formar cidadãos preocupados com o futuro do país e com o seu próprio futuro.

O comprometimento com os resultados e o respeito à hierarquia tornaram-se uma utopia e as pessoas mudam de emprego na mesma velocidade com que mudam de roupa em razão do imediatismo financeiro e profissional que tomou conta do mundo.

Tenho avaliado com profundidade essa questão da liderança e arrisco a dizer que nenhuma faculdade, universidade ou mesmo escola de negócio forma líderes. O que a maioria tenta é adestrar profissionais para seguirem a cartilha das empresas, as quais, lamentavelmente, pelo menos no Brasil, ainda pensam que as pessoas são apenas um número e, portanto, devem fazer aquilo que a empresa quer, não o que é necessário ser feito.

Como professor da matéria, posso dizer que a nossa tarefa consiste em formar pessoas que cometam o menor número possível de erros em cargos de liderança considerando que os mitos do líder nato, do líder treinável ou mesmo do carismático já foram derrubados há muito tempo.

É duro imaginar que, em pleno século 21, as pessoas ainda necessitem de “líderes” para comandá-las ou para ensinar o que elas mesmas não conseguem aprender em trinta anos de carreira e que ainda tenhamos de utilizar exemplos de lideranças questionáveis como as de Hitler, Putin, Clinton e a do próprio Jack Welch.

Liderança é uma forma de dominação social e de poder, seja ela carismática, racional-legal ou tradicional. Como diria Stephen Covey, estudioso do assunto, é um conceito misterioso e ilusório que nunca será dominado na face da Terra, pois as variáveis políticas, sociais e econômicas mudam constantemente e não temos o menor controle sobre elas.

Se você quer apenas conhecer as melhores práticas sobre liderança e, de quebra, ainda levar um certificado, a escola é o melhor caminho, mas se você quer entender como funciona os bastidores da liderança nua e crua, aqui vão algumas lições que, raramente, são ensinadas nas escolas.

1. Liderança é uma forma de dominação social, mas o fato é que ninguém gosta de receber ordens; a maioria das pessoas se sujeita por uma questão pura e simples de necessidade ou de sobrevivência;

2. Para a maioria dos presidentes, diretores e gerentes, o melhor profissional sempre foi e sempre será aquele que não questiona e, principalmente, aquele que não tem a menor pretensão de ocupar o lugar do chefe;

3. Chefe é aquilo que você deseja ser, mas odeia ter; Se você precisa de um chefe para se motivar, você está no lugar errado;

4. Os quatro mitos da liderança já foram quebrados por Robert Goffe e Gareth Jones, pesquisadores do assunto: 1º) Nem todos podem ser líderes, alguns nem querem; 2º) Nem todos os líderes que chegam ao topo são líderes, alguns chegam por conchavo, conluio e outros métodos nada ortodoxos; 3º) Nem todos os líderes levam a resultados, caso contrário, o serviço público seria maravilhoso; e 4º) Nem todos os líderes são grandes coaches.;

5. Existem coisas da alta administração que nunca vão chegar ao chão de fábrica e vice-versa, portanto, não há razão para conspirar nos banheiros da empresa. Alimentar expectativas em relação a isso é uma forma inquestionável de sofrimento;

6. A maioria dos profissionais que se dizem líderes tem dificuldades em reconhecer o bom trabalho dos seus liderados; portanto, se o reconhecimento não vier como o esperado, pare de reclamar e continue trabalhando;

7. Não existe liderança nata, mas algumas pessoas são favorecidas por características de comando e controle, fruto do meio onde nascem, crescem e se desenvolvem;

8. As empresas são realidades socialmente construídas muito mais nas cabeças e mentes de seus líderes do quem em métodos aprendidos nas escolas; as empresas refletem o pensamento do dono, do diretor, do chefe e assim por diante;

9. A maioria dos líderes não sabe dar nem absorver feedback, primeiro porque não foram preparados para isso, segundo porque tomam o próprio feedback como ofensa pessoal; quem não sabe avaliar, reposicionar e demitir pessoas nunca deve se meter em cargos de liderança;

10. Ao contrário do que afirmava James Hunter, autor de O Monge e o Executivo, liderança não exige perdão, nem humildade, nem altruísmo, nem nada parecido; liderança exige muita disposição para engolir sapos e lidar com gente dissimulada, uma boa dose de hipocrisia corporativa e, principalmente, desprendimento de alguns valores, caso contrário, você pode chegar até o topo, mas não conseguirá se manter nele.

Por fim, lembre-se: não existe fórmula para ser líder. A liderança é um somatório de várias competências raramente encontradas numa única pessoa. Portanto, seja você mesmo, faça o melhor que puder e pratique o senso de justiça. Ter poder não lhe dá o direito de ser cruel nem de brincar com a vida das pessoas.

Leia Mais

Como passar a roupa no Microondas

publicado no SOS Solteiros

Logo depois que a roupa bater na máquina, ainda ÚMIDA (importante que esteja úmida para que sua roupa não pegue fogo, como já explicamos), dobre a peça como se fosse guardar no armário, ”o mais lisinho que você conseguir” segundo a autora do vídeo, Ana Caetano. Então faça um montinho com as peças.

passar-roupa-no-microondas-1-800x548

ATENÇÃO: Evite peças com detalhes metálicos ou secos (como botões), ou seja, só use a técnica para peças lisas (tecido), como já explicamos também. Agora basta colocar as roupas no microondas.

passar-roupa-no-microondas-2-800x516

Outra coisa importante nessa modalidade de passar roupa, vire o prato ao contrário para que ele não fique girando, também tome cuidado para que a roupa não encoste nas laterais do forno.

passar-roupa-no-microondas-3-800x552

O tempo ideal é de 7 minutos, podendo variar para 5 minutos, dependendo da potência do seu microondas.

passar-roupa-no-microondas-4-800x549

Ao tirar as peças, a autora do vídeo ainda alerta para ter muito cuidado ao pegá-las, pois saem muito quentes. Aí basta estender em um varal, o mais esticado que conseguir, respeitando as marcas da peça, como se tivesse passado a roupa (para fazer da melhor forma.

passar-roupa-no-microondas-5-800x447

E pronto, tudo passadinho e sem muito esforço.

Leia Mais

35 Momentos que não podiam ser capturados em melhor hora

publicado no Tudo Interessante

Já mostramos aqui 17 fotos tiradas no momento perfeito e 21 Imagens do momento que antecede um desastre. E agora você vai ver mais algumas fotos que foram capturadas na melhor hora possível.

É impressionante a habilidade desses fotógrafos de tirar fotos no timing perfeito, mas claro que eles contaram com um pouco de sorte.

1 –

fotos-momento-perfeito-1 fotos-momento-perfeito-2 fotos-momento-perfeito-3 fotos-momento-perfeito-4 fotos-momento-perfeito-5 fotos-momento-perfeito-6 fotos-momento-perfeito-7 fotos-momento-perfeito-8 fotos-momento-perfeito-9

(mais…)

Leia Mais

Agência cria anúncio “impulável” para vencer Skip Ad

adnews-20281683811406659201e22ec5df1fc18c4d8532638c4c3ff032459e69be

publicado no Adnews

Um dos maiores desafios da propaganda na web é vencer o famoso “Skip Ad”, o botãozinho do Youtube para pular anúncios. Se por um lado, o grande trunfo da internet é justamente dar ao público a liberdade de poder escolher o conteúdo que se quer consumir, quando quiser e da maneira mais conveniente, por outro, esse comportamento gera um enorme obstáculo para marcas e agências, que precisam quebrar a cabeça e utilizar muito bem os primeiro cinco segundos do vídeo (quando o botão para pular o anúncio não está disponível) para conseguir a atenção do público até o fim da mensagem.

Ao olhar a incrível taxa de pessoas que pulam as propagandas assim que o malvado botãozinho aparece, mais de 94% de acordo com as pesquisas americanas mais recentes, a tarefa parece praticamente impossível. A agência Nail Comunications não pensa assim e está disposta a mudar esse número. Na visão dela, é possível utilizar os recursos que a web proporciona de maneira geral (incluindo o big data), além das plataformas (onde entra o Youtube) para criar filmes suficientemente atrativos para que o consumidor não pule os vídeos. Para a empresa de comunicação, os anunciantes e agências precisam pensar em conteúdo exclusivo para a plataforma de vídeos do Google. “

Anúncios do YouTube devem ser projetados para o YouTube. Eles devem usar as ferramentas e os recursos que nos foram dados e interagir com o usuário da plataforma de um modo que não pode ser rivalizado”, diz a Nail.

Para exemplificar, a agência criou o anúncio “impulável”, em que o sujeito aparece ao lado de um cachorro, controlando os cabos de uma bateria presas ao animal. Evidentemente todos querem ver o desfecho do filme e saber se o cãozinho vai se safar da suposta experiência. A ação aproveita para fazer doações para a instituição ASPCA (Sociedade Americana para a Prevenção da Crueldade contra os Animais).

Confira o Filme:

Leia Mais

Marido substitui mulher grávida em ensaio de fotos e faz sucesso na internet

gravido1

publicado no Pop!Pop! Pop!

Uma das etapas mais tradicionais da gravidez é… o álbum de fotos fofo cheio de imagens do barrigão, certo? Bem. É o que acontece quase sempre.

Depois de tentar convencer a mulher a contratar um fotógrafo para fazer os cliques (sem sucesso; ela é muito discreta e não quer se expor), um maridão criativo resolveu substitui-la em uma sessão de poses muito especial.

O usuário da rede social Reddit, que se identifica como DruishPrincess69, deu uma forçada na barriga e escondeu os seios em cena que fazem sucesso na web (clique aqui para ver a galeria completa). Vamos a alguns exemplos?

gravido2 gravido3 gravido4 gravido5

Leia Mais