Arquivo da tag: Sérgio Pavarini

Exposição na Ucrânia exibe carros decorados com plantas

Veículos foram transformados em vasos de plantas. ’Carros verdes’ fazem parte de uma exposição em Kiev.

publicado no G1

Carros decorados com plantas foram exibidos nesta terça-feira (28) em Kiev, na Ucrânia (Foto: Sergei Chuzavkov/AP)

Carros decorados com plantas foram exibidos nesta terça-feira (28) em Kiev, na Ucrânia (Foto: Sergei Chuzavkov/AP)

‘Veículos verdes’ fazem parte de uma exposição de plantas na capital ucraniana (Foto: Sergei Chuzavkov/AP)

‘Veículos verdes’ fazem parte de uma exposição de plantas na capital ucraniana (Foto: Sergei Chuzavkov/AP)

 

Bandeira com 349 m e 5 toneladas bate recorde na Romênia

Peça com 226 m de altura precisou ser fotografada do alto. Mais de 200 pessoas foram necessárias para posicionar o tecido.

Levando uma bandeira da Romênia em versão menor à mão, grupo ajuda a esticar a nova maior bandeira do mundo, em Clinceli, perto de Bucareste (Foto: Bogdan Cristel/Pool/Reuters)

Levando uma bandeira da Romênia em versão menor à mão, grupo ajuda a esticar a nova maior bandeira do mundo, em Clinceli, perto de Bucareste (Foto: Bogdan Cristel/Pool/Reuters)

publicado no G1

Na região sul de Bucarest, capital da Romênia, uma bandeira nacional entrou para o Guinness como a maior do mundo, e precisou ser fotografada do alto para caber na imagem.

O pendão possui 349 m de comprimento por 226 m de altura, três vezes o tamanho de um campo de futebol, e foram necessárias mais de 200 pessoas para estender a bandeira de cinco toneladas, em um processo que levou horas para ser concluído.

Bandeira gigante é vista do alto em campo na Romênia. Pendão de 398 m entrou para o Guinness como a maior do mundo (Foto: Bogdan Cristel/Pool/AP)

Bandeira gigante é vista do alto em campo na Romênia. Pendão de 398 m entrou para o Guinness como a maior do mundo (Foto: Bogdan Cristel/Pool/AP)

Cerca de 200 pessoas foram necessárias para carregar e posicionar a bandeira com mais de toneladas (Foto: Bogdan Cristel/Pool/AP)

Cerca de 200 pessoas foram necessárias para carregar e posicionar a bandeira com mais de toneladas (Foto: Bogdan Cristel/Pool/AP)

 

4 coisas básicas do dia a dia que você provavelmente faz errado

Vinícius Giba, na Mundo Estranho

1. Fazer cocô.

Fazer cocô sentado nas privadas modernas causa problemas que não ocorrem com quem faz agachado.

Além da ~trava consciente~~ que usamos para não fazer cocô a qualquer momento, temos um músculo em torno do reto que ajuda a impedir a saída do bolo fecal. Essa ajuda depende do ângulo entre o nosso tronco e nossas pernas. Quando estamos de pé, ele fecha a saída. Quando sentamos, libera um pouco, mas não o suficiente. Quando agachamos, aí sim!, ele abre a passagem de verdade.

Fazer sentado retém um pouco de cocô lá dentro. Com a idade, isso causa – entre outras doenças – as desconfortáveis hemorróidas!


Sentado x agachado. Crédito da imagem: Reprodução/http://www.relfe.com/toilet_seat_constipation.html

2. Dormir

Dormir 8 horas por dia é uma coisa relativamente nova. Famílias ~pré-lâmpadas~~ tinham o sono dividido em partes durante a noite. Especialistas desconfiam que essa seja a causa do alto nível de insônia dos dias atuais.


Como todos sabem, nosso cérebro regula nosso sono a partir da luz do ambiente.

Sem TV, iluminação, Nintendo 64 ou telefones, a vida noturna antes da eletricidade tendia bastante ao sono. Assim, famílias iam dormir pouco depois de anoitecer, acordavam naturalmente antes da meia-noite e matavam tempo por mais ou menos uma hora. Porém, como o mundo continuava escuro, o sono voltava e eles dormiam de novo. Levantavam na hora do nascer do sol.

Aquela acordada que damos no meio da madrugada tem suas raízes nessa história.

3. Escovar os dentes

Passar fio dental é mais importante que escovar os dentes – não é só um opcional extra.

Explicando melhor: após comer, a acidez da comida deixa os dentes um pouco mais vulneráveis. Escovar os dentes com muita força nesse momento pode ser prejudicial. Dentistas estão passando a aconselhar um certo intervalo entre a refeição e a escovação e fazê-la de forma mais leve, focando nas gengivas. O fio dental cai como uma luva nessa situação: remove a comida+bactérias entre os dentes (lugar bem legal para elas) e não os agride tanto.

4. Sentar

Sentar é pior para a coluna do que ficar de pé ou andar. Mas já que a gente tem que ficar muito tempo sentado, umas dicas: a) O encosto ideal tem 135 graus de inclinação e não os tradicionais 90. b) Bancos sem encosto também ajudam bastante. c) Levante a cada 30 ou 40 minutos. Isso vai te poupar bastante dor no futuro.