Arquivo da tag: twitter

Facebook está ‘morto e sepultado’ para adolescentes mais velhos, diz estudo

Publicado no Terra

Segundo um extenso estudo europeu, o Facebook está “morto e sepultado” para os adolescentes mais velhos, que estão migrando para Twitter, Instagram, WhatsApp e Snapchat.

Ao pesquisar o uso da rede social por pessoas entre 16 e 18 anos em oito países da União Europeia, o estudo Global Social Media Impact diz que, enquanto pais, mães e usuários mais velhos saturam o Facebook, os mais jovens vão para plataformas alternativas.

“O Facebook não está apenas em queda –está basicamente morto e enterrado”, escreveu Daniel Miller, antropólogo que liderou a equipe da pesquisa e professor de cultura material na UCL (University College London).

Adolescentes estão migrando do Facebook para serviços alternativos por causa de usuários mais velhos, segundo estudo

Adolescentes estão migrando do Facebook para serviços alternativos por causa de usuários mais velhos, segundo estudo

“A maioria até se sente envergonhada por ser associada à rede. Antes os pais se preocupavam com os adolescentes se inscrevendo no Facebook, mas agora eles dizem que suas famílias querem que eles permaneçam lá, compartilhando coisas sobre suas vidas.”

Os adolescentes não se importam se os serviços alternativos são menos funcionais ou sofisticados, e eles também não estão cientes de como suas informações pessoais são usadas comercialmente ou vigiadas por serviços de segurança, concluiu a pesquisa.

“Aparentemente o momento crucial em que um jovem decide sair do Facebook é quando sua mãe lhe envia uma solicitação de amizade”, escreveu Miller. “Não é novidade que os mais novos se importam com estilo e status em relação a seus amigos, e o Facebook simplesmente não é mais tão legal.”

 

Tubarões usam Twitter para avisar banhistas na Austrália

grande-branco

Publicado no Mídias Sociais

Tubarões que nadam perto das praias da Austrália agora podem enviar tweets para surfistas e banhistas na costa. O projeto, inédito no mundo, tem o objetivo de alertar as pessoas em terra para que possam tomar uma decisão informada sobre a possibilidade de entrar na água sabendo que um perigo em potencial está próximo.

Cientistas afixaram transmissores em de mais de 320 tubarões, incluindo grandes brancos, para monitorar os movimentos desses incríveis predadores. Quando um tubarão marcado nada cerca de um quilômetro da praia, ele aciona um alerta que é captado por um computador. Esse computador, em seguida, transforma instantaneamente o sinal em um tweet da Surf Life Saving.

O tweet informa o tamanho, a espécie do tubarão e sua localização aproximada.

tweet-shark

Após ofensa no Twitter, Justiça bane usuário

Twitter-Bird

Publicado no Estadão

A 4.ª Vara Cível de Brasília condenou um usuário a parar de usar a internet para divulgar ofensas a uma mulher e chamá-la de “gorda”. Ele terá ainda de pagar R$ 15 mil, a título de danos morais, por causa das tuitadas com comentários agressivos acerca da imagem e da vida sexual dela.

A mulher narrou ter sido vítima de diversos tipos de ofensa a sua honra no Twitter, o que lhe causou vexames e constrangimentos. O processo começou há dois anos e a autora da ação pleiteava até R$ 80 mil de valor compensatório.

Até agora, a Justiça determinou o fim dos comentários e a obrigação de retirar as mensagens já postadas contra a mulher da internet, sob pena de multa diária. E propôs um valor de indenização menor, que ainda é discutido.

O acusado alegou que os fatos se deram por culpa exclusiva da vítima, que proferiu ofensas em relação a ele e a sua mulher. O juiz Giordano Resende Costa decidiu que “sua defesa não negou que tenha sido o responsável pelas mensagens grosseiras e ofensivas proferidas em desfavor da autora”. O magistrado ainda escreveu que não detectou qualquer conduta ofensiva à honra do réu por parte da vítima e que as mensagens na internet, “como é notório, rapidamente se espalham, alcançando proporções incontroláveis”.

Depois de Dilma Bolada, Aécio Neves ganha versão ‘Boladasso’

Perfis no Facebook e no Twitter do senador Aécio Neves, pré-candidato à Presidência em 2014, foram criados nesta quinta-feira

Cássio Bruno no O Globo

Sátira do senador Aécio Neves no FacebookFoto: Reprodução

Sátira do senador Aécio Neves no FacebookFoto: Reprodução

RIO – Aécio Neves também está bolado. Quer dizer, “boladasso”, com dois S mesmo. Pré-candidato à Presidência em 2014, o senador mineiro ganhou um perfil fake na internet nesta quinta-feira nos moldes de Dilma Bolada, uma sátira da presidente Dilma Rousseff e sucesso nas redes sociais. A comunidade “Aécio Boladasso”, que derrapa no português, está no Facebook e no Twitter. Na apresentação, a mensagem para os seguidores e simpatizantes: “Sou lindo, sou tucano, sou futuro presidente dessa nação por um Brasil melhor!”

No Facebook, o único post até a tarde de hoje é “#AécioPresidente2014”, com publicação feita em Juiz de Fora (MG), e tem apenas uma curtida. No Twitter, Aécio Boladasso é seguido por apenas 25 pessoas. Nas duas redes sociais há fotos de Aécio Neves e, ao fundo, a bandeira do Brasil.
O perfil de Dilma Bolada, com 800 mil seguidores, é feito pelo estudante de publicidade Jeferson Monteiro, de 23 anos, que já recebeu prêmios e foi destaque na imprensa nacional e internacional. Há um mês, Monteiro se encontrou com a presidente Dilma Rousseff, a verdadeira, no Palácio do Planalto. No caso de Aécio, o criador, por enquanto, ainda não se identificou.

Não há qualquer informação sobre o autor dos perfis.- É estranho, parece campanha política. Eu nunca postei “Dilma, presidente em 2014”. Prefiro não fazer campanha eleitoral. Mas se for um personagem de humor e de ficção, é sempre bem-vindo. A internet é um espaço democrático para a Dilma, Aécio, Eduardo Campos e Marina Silva. Até prefiro que todos tenham um personagem – afirmou Jeferson Monteiro ao GLOBO.As assessorias de imprensa de Aécio Neves e do PSDB ainda não se pronunciaram sobre o assunto.

Jovens preferem Twitter a Facebook

Estudo mostra que adolescentes norte-americanos estão em busca de redes sociais onde os pais não estejam tão presentes

Publicado no Meio e Mensagem

A utilização de mídia social está amadurecendo e, à medida em que mais plataformas surgem e ganham força, anunciantes e profissionais de marketing começam a se planejar para estratégias baseadas nos novos cenários deste mercado. Para isso, uma das maneiras mais efetivas de identificar as tendências é olhar para um grupo demográfico extremamente conectado com o universo digital: os adolescentes. Para mapear as preferências dos jovens norte-americanos, a Piper Jaffray realizou um estudo com mais de 8,5 mil adolescentes, com média de 16 anos, que aponta mudanças no cenário da mídia social. De acordo com a pesquisa, pela primeira vez, os internautas nessa faixa etária elegeram o Twitter como a rede social mais importante, desbancando o Facebook.

Crédito: Divulagação/eMarketer

A ascensão do Twitter e o declínio do Facebook mostra que os jovens estão em busca de novas redes sociais e, com isso, mudam seu comportamento online. A pesquisa mostra também que o Instagram e “outras redes” aumentaram em mais de 10% a preferência com os internautas em relação ao ano anterior. Em outras palavras, esses resultados dizem menos sobre a disputa entre Facebook e Twitter, e mais sobre o novo comportamento dos adolescentes na busca por redes sociais onde os pais não estão presentes.

Crédito: Divulagação/eMarketer

Os dados do estudo não deixam qualquer dúvida de que o uso do Facebook está em declínio entre os adolescentes. De acordo com outra pesquisa, a RBC Capital Markets, neste ano, 41% dos usuários da rede social, entre 16 e 18 anos, gastaram menos tempo no site em relação ao ano anterior. Além disso, o estudo mostra que 35% destes internautas disseram que utilizarão cada vez menos a plataforma no próximo ano. Apesar da mudança de comportamento entre os mais jovens, relatórios do eMarketer mostram que o percentual de internautas, entre 12 e 17 anos, que utilizam o Facebook, permanecerão na rede social até 2017. E, durante esse período, o Twitter apresentará crescimento constante dentre esta faixa etária de internautas.