Conteúdo marcado como Yago Licarião

Mitologia, eu quero uma pra viver

Mitologia, eu quero uma pra viver
Yago Licarião, no Retalhos & Frestas O senhor senta, junto ao menino, na varanda da casa. No olhos refletem o brilho das estrelas que, despretensiosamente, aponta com o braço direito. Com ar de serenidade, que transforma qualquer fala em demonstração de sabedoria, anuncia: lá vive um príncipe. Ao menino, a cena é vulgar, como se o velho questionasse, ou se atrevesse a ridicularizar, sua inteligência. Com prontidão, trata de abaixar […]

Carta da Incoerência

Carta da Incoerência
Yago Licarião, no Retalhos e Frestas Ando preocupado com o crescimento de minorias que querem enfiar, goela abaixo, todas as suas ideias como se fossem as únicas certas. O que vem ocorrendo é uma inversão completa de valores, a quebra de todos os nossos princípios mais fortes, a completa derrocada da sociedade tradicional. Vejamos, por exemplo, o caso dos evangélicos. Esse movimento, surgido há pouco mais de um século, tenta […]

Quintessência

Quintessência
Yago Licarião, no Retalhos e Frestas Poesia é a pobre maneira de traduzir em palavras os mistérios da vida e da morte. Estupefatos, reduzimos a letras o incompreensível. Ora, toda palavra é mera fração, fragmento, sempre incompletas, nunca acabadas. Incapazes de abarcar as revelações sensoriais, nos contentamos com ínfimas definições, sentenciamos o inefável. Todo poeta soçobra em angústia, decai em descontentamento. Nem seus olhos, boca e mãos se mostram suficientes […]

La Vita

La Vita
Yago Licarião, no Retalhos e Frestas Viver é um filme ruim sem trilha sonora. Não, não sou nem estou desacreditado da vida, tampouco quero desmerecê-la. É que grandes produções hollywoodianas e filmes estrangeiros excêntricos possuem algo em comum: sua capacidade de amplificação. Dentro da película, mesmo cenas simples do cotidiano estupefazem com um bom ângulo e saturação. Já a nossa vida, se gravada, certamente não faria nenhum sucesso. Não bateríamos recordes […]