Esta igreja decidiu quitar mais de 35 milhões em despesas médicas de fiéis

O pastor vai quitar a dívida de 4 mil famílias

Publicado no Hypeness

Uma igreja no Texas, Estados Unidos, foi responsável por um ato inspirador. Em tempos onde a intolerância ganha força, a instituição religiosa resolveu investir na fraternidade ao doar 100 mil dólares para quitar as despesas médicas de diferentes famílias, resultando em um mutirão de mais de US$ 10 milhões, cerca de R$ 35 mi, em débitos pagos.

Utilizando o RIP Medical Dept, organização sem fins lucrativos que compra e paga despesas médicas, a igreja resolveu aproveitar o simbolismo do domingo de Páscoa para fazer o anúncio oficial. De acordo com o pastor da Covenant o intuito era de reforçar o conceito de renascimento da data.

Ao todo, mais de 4 mil famílias serão surpreendidas com a boa notícia do pagamento de suas dívidas. A informação vai chegar pelos correios e segundo Stephen Hayes, pastor responsável pela ideia, o fato de ter avós idosos foi decisivo.

“Pensei nas dificuldades que isso causaria a alguém. Não foi escolha deles. Eles não se endividaram porque acumularam o cartão de crédito. É porque algo aconteceu com eles. Então, eu simplesmente adoro poder ajudar as pessoas quando não foi escolha delas. Eu simplesmente amo isso,” declarou em fala reproduzida pelo Razões para Acreditar.

Os agraciados com a boa ação estão divididos em dois grupos. O primeiro é de veteranos das Forças Armadas, já o segundo é composto por pessoas comuns.

Aliás, a atitude dos fiéis texanos inspirou outra igreja, a Worship Center Christian Church, localizada no Alabama. Por lá, a congregação usou o dízimo recebido de seus fiéis para quitar dívidas de 48 famílias. Ao todo, por volta de US$ 41 mil, perto de de R$ 138,4 mil foram destinados a auxiliar pessoas carentes. Para completar, todas as famílias ajudadas receberam também aulas de gestão financeira.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Esta igreja decidiu quitar mais de 35 milhões em despesas médicas de fiéis

Deixe o seu comentário