comportamento + saúde

Carol Celico: “Não sou cantora, estou cantando para falar de Deus”

Beatriz Souza, na Veja Online Carol Celico mal acabou de lançar seu primeiro CD e DVD, mas já pensa em outras maneiras de continuar divulgando sua nova forma de pensar sobre Deus. A mulher de Kaká não quer seguir carreira como cantora – “Não quero lançar um CD por ano ou sair em turnê”, diz – e é taxativa ao dizer que sua prioridade é a família. No entanto, entre […]

Depois do planking

Depois da modinha de postar fotos no Facebook deitado em lugares estranhos (planking), os gringos decidiram dar uma reciclada e passaram a postar fotos caindo na piscina com poses e roupas “diferentes”.

Mulheres acham videogames melhor que sexo

Publicado originalmente em Technoblog Se a presença feminina não é exatamente das mais altas no universo dos gamers hardcore, pelo menos no mundo dos jogos na rede a distribuição entre homens e mulheres é bastante equilibrada, mostra pesquisa liberada na segunda-feira. Realizada a pedido do salgadinho Doritos para promover um novo jogo casual, o levantamento foi realizado junto a 2.052 internautas dos EUA revelou que 49% das entrevistadas costumam se entreter com jogos […]

Carol Celico: “Nada vai me separar do teu amor”

. Publicado na Caras Após um sucesso estrondoso na internet, em que contabiliza quase dois milhões de downloads de suas músicas em seu site oficial, Caroline Celico (24) está prestes a realizar o sonho de lançar seu primeiro DVD. Antes de o álbum chegar às lojas de todo o Brasil, no dia 19 de julho, a mulher do jogador Kaká (29) presenteou seus fãs com clipe de Quatro Estações nesta […]

Chico Buarque e a maldade humana

Luíz Caversan Ao contrário do que dizia Jean-Jacques Rousseau sobre os selvagens bonzinhos do mato, nós, pós-índios da cidade, somos muito ruins. Malvados, mesmo, desde criança. A maldade, como já disse aqui, está no DNA do ser humano, se não se expressa cotidianamente, está aí quietinha, pronta para dar as caras. E não dá mais as caras porque as convenções sociais contêm ao menos um pouco esta ruindade intrínseca –aquela […]